Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Posted by on jun 18, 2011 in Dicas para Escritores | 804 comments

Como registrar seu livro na Fundação Biblioteca Nacional (guia passo-a-passo)

Como registrar seu livro na Fundação Biblioteca Nacional (guia passo-a-passo)

 

MENSAGEM DA AUTORA (em 10 de junho de 2013):
Antes de me enviar uma pergunta, peço gentilmente que faça uma busca nos comentários abaixo (use Ctrl+F para facilitar). É muito provável que ela já esteja respondida! ;) Digo isso porque está ficando difícil de responder a todos, por isso eu só vou responder às perguntas que forem inéditas.

Conheça também a sessão “Dicas para escritores”. E aproveite para conhecer o meu lançamento, Tempestade de Areia.

Espero que as informações desta página facilitem a sua vida!
Beijos, Karen Soarele.


 

* * *

1. Por que registrar?

Você levou meses criando, escrevendo, revisando, fazendo e refazendo seu livro, e ele finalmente está pronto! Sem dúvidas, você está morrendo de vontade de mostrar para todo mundo. Gritar por aí: “Terminei!!”, mandar para os amigos por e-mail, mandar para as editoras.
Mas espere! Não se esqueça de que existe muita gente mal intencionada por aí! Eu, que sou ilustradora, sei bem o que digo: muita gente pensa que desenho encontrado no Google não tem dono, e que podem copiar à vontade. Infelizmente, é mais difícil identificar e lutar pelos direitos autorais de um desenho que foi roubado, mas não vou entrar no mérito da questão. Texto, assim como desenho, também sofre com o uso indevido. E por mais que você envie seu livro só para pessoas em quem confia, pense bem: se elas gostarem, talvez mostrem para alguém. E, a essa altura, você já perdeu o controle de quem leu e quem não leu. Por via das dúvidas, o melhor a fazer é registrar a obra.
O registro não é caro, e a maior vantagem que ele oferece é a segurança. Caso aconteça um plágio, fica mais fácil de provar sua autoria e garantir seus direitos. Uma das coisas mais importantes será a data em que a obra foi registrada: teoricamente, o verdadeiro autor possui o registro mais antigo. Existem várias formas de realizar o registro, e o que eu vou explicar é como prefiro fazer com os meus. Este guia não serve para registro de músicas, pois este possui algumas exigências diferentes.

2. Onde fazer o registro?

O registro deve ser feito no EDA – Escritório de Direitos Autorais, que faz parte da Fundação Biblioteca Nacional: clique para conhecer o site. Não há a opção de enviar a obra por e-mail. Você vai precisar imprimir e levar até lá, ou então enviar pelos Correios.

3. Documentos Necessários:

a) Sua obra: Para obra não publicada, imprima uma única via. Não há uma regra para formatação do texto, mas eu sugiro Times New Roman, tamanho 12. Não grampeie nem encaderne. Na capa, é recomendado colocar o nome da obra e os dados do autor (nome completo, RG, CPF, cidade e ano). No computador, você deve numerar e, após imprimir, rubricar TODAS as páginas. Para obras já publicadas, você deverá enviar dois exemplares.

b) Comprovante de pagamento da GRU: Como já disse, você vai precisar pagar pelo registro. O valor atual é de 20 reais, mas ele pode sofrer alterações com o tempo. Não envie dinheiro! O pagamento é feito através de um boleto bancário gerado no site. Para conferir o valor, faça download deste arquivo: clique aqui, e veja a tabela. Cruze “Registro ou Averbação”, com “Pessoa Física”. Este é o valor que você vai ter que pagar para registrar seu livro.
Para gerar o boleto, acesse esta página. Nos campos indicados, insira seu nome completo, CPF e o valor que você viu na tabela. O site vai gerar um boleto que você deve pagar no Banco do Brasil. O que você vai enviar para a Biblioteca é o comprovante de pagamento, grampeado na guia já paga. Você não precisa ter medo de enviar o comprovante original, mas é bom guardar uma cópia dele.

c) Requerimento de Registro ou Averbação: É um formulário que você deve fazer download no site da fundação: clique aqui. Imprima e preencha à mão. Como preencher: O formulário é dividido em partes (quadros), para facilitar o preenchimento. Vou explicar cada um abaixo:

1. Informações sobre o registro: Este quadro é para preenchimento do EDA, por isso você deve deixar em branco.

2. Informações sobre a obra intelectual: Insira, nos locais indicados, o título da obra, e se ela é inédita ou publicada. Em “número de páginas”, ele se refere à versão impressa que você está enviando. Não se preocupe com o número de páginas que a obra terá quando for diagramado no formato de livro. Em “gênero”, escolha o que mais se adeque. Caso sua obra seja uma narrativa longa de ficção, você deve escolher o gênero “Romance”, isso se aplica mesmo que seja uma comédia ou história de terror. Caso esteja seguindo as minhas instruções de envio, em “Técnica apresentação da obra intelectual” você deve marcar a opção “Digital/impressa”. Obs: eles não aceitam arquivo digital (CD, DVD ou pendrive), tem que ser impressa mesmo.

2.1 Para obra intelectual publicada: Como o próprio nome já diz, caso sua obra seja inédita deixe esta parte em branco.

3. Dados de Identificação: Insira seus dados pessoais nos espaços indicados. Em “Nome”, coloque seu nome real, pois há um espaço específico para “Pseudônimo”. Em “Vínculo com a obra”, marque a opção “Autor”.

3.1 e 3.2 Outro Requerente: Estes dois quadros são para outras pessoas relacionadas à obra, como tradutor, ilutrador, fotógrafo, etc. Caso você seja a única pessoa, deixe estes espaços em branco.

3.3 Responsável pelo menor: Caso o autor seja menor de idade, esta parte do formulário deve ser preenchido pela mãe ou pelo pai. Nesse caso, envie junto os documentos relacionados (RG e CPF do responsável). Esta pessoa vai contar no registro como “Representante” do autor. Caso seja maior de idade, deixe em branco.

3.4 Declaração de Responsabilidade: Agora a coisa ficou séria! Assine aqui para declarar que tudo o que disse é verdade, e que você se responsabiliza pela obra intelectual.

3.5 Preencher quando a obra intelectual apresentada para registro for adaptação e/ou tradução: Mais uma vez, como o nome já diz, deixe em branco caso seja uma obra totalmente inédita.

3.6 Observações: Deixe em branco.

3.6 Disposições finais: Todos os requerentes devem assinar.

4. Preenchimento a cargo da instituição: Deixe em branco.

d) Cópia do seu RG, CPF, e comprovante de residência: Para evitar problemas, no caso do comprovante, dê preferência para contas de água, luz ou telefone. No meu caso, como nada disso está no meu nome, enviei a cópia de uma correspondência que recebi do banco.

4. Para onde enviar?

Coloque tudo em um envelope bem grande (os Correios oferecem um envelope a prova d’água, que eu recomendo), e envie por Sedex ou Carta Registrada, para: Escritório de Direitos Autorais – Palácio Gustavo Capanema – Rua da Imprensa, número 16, sala 1205. Castelo – Rio de Janeiro – RJ. Cep 20030-120. Você também pode entregar presencialmente no EDA, ou em um dos postos avançados presentes em diversas capitais brasileiras. Para ver a lista completa, clique aqui.

Depois é só aguardar. Se der algo de errado, eles vão devolver os documentos para que você regularize o que ficou faltando. Caso contrário, você vai receber, pelo correio, seu “Certificado de Registro ou Averbação”. Lembre-se de que eles enviam com AR, ou seja, alguém vai precisar estar em casa para assinar o recebimento. Guarde este documento com carinho! Se houver alguma dor de cabeça no futuro, apresente o certificado a seu advogado, que ele vai saber como proceder.

 

banner-desespero2

 

Vídeo 1 – Dúvidas Frequentes

 
Vídeo 2 – Diferença entre registro no EDA e número de ISBN

 


 

Perguntas Frequentes (FAQ)

1. Ouvi falar que esse registro na Biblioteca Nacional é bem caro, e que tem que registrar o autor. Verdade?
Atenção, não confunda BN (Biblioteca Nacional) com ISBN (International Standard Book Number). Apesar de serem dois registros para livros, são coisas bem diferentes. Este registro que eu estou ensinando a fazer é na BN, mais especificamente no EDA – Escritório de Direitos Autorais. Ele serve para assegurar a autoria da obra, e deve ser feito pelo próprio autor, antes mesmo de se aventurar a enviar o original para editoras.
Já o ISBN não tem a mesma serventia. Ele serve para incluir o livro em um cadastro internacional, que é utilizado por livrarias e bibliotecas, para organizar e gerir o acervo. Ele deve ser feito apenas depois que o livro está pronto, revisado e diagramado, pois exige uma cópia da folha de rosto e informação quanto ao número de páginas. É feito pela editora.

2. Quanto tempo leva para eu receber meu registro?
A Biblioteca Nacional pede um prazo de 90 dias.

3. Posso utilizar fotos/desenhos/imagens de outro autor no interior ou na capa do meu livro?
A não ser que você tenha firmado um contrato para uso daquela imagem (e pago por isso), não a utilize! Você estará infringindo a lei do direito autoral, e poderá responder judicialmente por isso. “Ah, mas ninguém vai ficar sabendo…” Não faça com os outros o que não quer que façam com você. Além disso, vai começar sua carreira de escritor já com o pé esquerdo? É melhor fazer tudo certinho (as imagens do Google também têm autor, ok?).
Caso o fotógrafo ou ilutrador concorde em ceder/vender a imagem para você, ele deverá aparecer no registro, no quadro “Outro Requerente”.

4. Tenho uma grande ideia para um livro! Posso registrá-la?
Não é possível assegurar os direitos sobre uma ideia, apenas sobre uma obra escrita. Se você tem uma boa ideia, sugiro que a coloque no papel!

5. Qual fonte eu devo usar? Que tamanho? Quanto de espaçamento?
O EDA não tem exigências quanto à formatação do texto. Sugiro usar fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento simples. Não encaderne.

6. Karen, adorei seu post! Como posso saber mais sobre os livros que você publicou?
Agradeço de coração a todos os que têm me procurado para saber dos meus livros! Eles estão disponíveis na página Livros.

804 Comments

  1. Muito útil o post!
    Sério mesmo! Eu não entendia nada disso, e agora já sei um pouco, heheh. Se bem que parte disso eu já tinha visto vc fazer pessoalmente… hehehe.

    Abraços!

    • Boa Tarde
      Prezada Karen,HTML

      Venho por meio deste agradecer-lher muito pela orientação
      que recebi lendo seu artigo, que para mim foi de grande ajuda.
      Que lhe dizer que sou muito romantica e escrevi algumas cartas de amor e não sabia como registra-las agora já sei mais ou menos por onde começar . Um grande abraço
      E muito sucesso

    • Boa a dica agora agora ja tenho uma boa dica para publicar meu livro de terror adorei a dica!
      abraços

  2. Muito obrigada, foi de grande valia estava o procurando informações e encontrei tudo aqui. Valeu obrigada.

    • Que bom que foi útil! Se tiver alguma dúvida, é só dizer.

      • Karen, muito legal suas informações. No caso de contos, tenho que registrar um por um, ou posso juntar todos e registrar de uma vez?

        • Oi, Dailza!
          Você pode registrar uma coletânea de contos. Assim você paga a taxa uma única vez.
          Lembrando que cada conto tem que ter um nome; e o livro também tem que ter um nome.

          Abraços!

      • Olá Karen! Suas explicações são muito práticas e objetivas. Só me resta uma dúvida:
        Caso já exista uma obra igual (o que infelizmente acontece mesmo sendo raro), como devo proceder?
        Ah, meus parabéns por suas publicações! Muito sucesso é o que lhe espera.

        • Oi, Suellen!
          Essa é uma questão muito complicada. A mesma ideia pode ser explorada de forma diferente por inúmeros autores, sem problema algum.

          Agora, se o livro for exatamente igual, temos um problema. O autor mais antigo pode processar o mais recente, e o resultado disso — se a obra será considerara plágio ou não — poderá ser definido em juízo.

          O ideal é tentar ser o mais original possível.

    • Fiquei em dúvida : encaderno ou não encaderno ? Lí em vários lugares que deveria enviar a obra encadernada à Biblioteca Nacional e agora vejo que vc diz o contrário !
      Como deve ser a apresentação ? Obrigado

      • Também acharia melhor enviar uma cópia encardenada, o que impediria a perda de alguma página.

  3. Eu só posso enviar um comprovante de residência que esteja vinculado somente ao meu nome?

    Eu moro em um lugar recém construído em que os correios não passam ainda. Até as minhas contas do banco eu tenho que pegar na agência… Para completar sou de outro estado e não tenho parentes de sangue com que eu possa vincular minhas contas. A única pessoa com quem posso contar é minha tia de criação, que mora em um cidade mais “urbanizada”. Não seria possível mandar o comprovante da residência dela?

    • Oi, Anderson!

      Olha, os melhores comprovantes são estes que eu citei, mas existem outras formas. Alguns anos atrás, quando fui abrir minha conta do banco e não tinha um comprovante no meu nome, eu levei uma conta no nome da minha madrasta e assinei uma declaração, dizendo que eu morava ali. Talvez você possa fazer algo parecido.

      Por via das dúvidas, como o seu caso é muito específico, sugiro que você entre em contato diretamente com o Escritório de Direitos Autorais, nos telefones: (21) 2220-0039 ou (21) 2262-0017.

  4. Karen Soarele, boa noite.

    Agradeço o seu post, pois eu tinha ainda algumas dúvidas.
    Mas uma permanece: Você tem idéia de quanto tempo leva para eles enviarem o número de registro da obra? É que algumas editoras pedem que origunais sejam enviados já registrados.
    Mesmo assim, Obrigado.

    • Oi, José!

      Sinceramente, eu não sei te responder agora. Enviei um livro meu há alguns dias, e estou esperando a resposta. Assim que eu receber, faço as contas de quantos dias levou e te digo!

      Essas editoras que pedem para você registrar a obra são as mais profissionais. De qualquer forma, eu te recomendo fazer o registro mesmo que a editora não exija. Nunca se sabe onde seu exemplar vai parar! =)

    • Estive preocupada ultimamente, porque até hoje não recebi a correspondência da Biblioteca Nacional. Enviei um e-mail e me informaram que o prazo para registro das obras é de 90 dias.

      • Olá , ótima sua página. Qual o email que posso falar com o escritório de direitos autorais? Existe caso de um livro n ser registrado?

      • Oi Karen; enviei meu livro à Biblioteca há 2 dias. Eu não sabia que o prazo que eles dão a resposta é de 90 dias. Minha ansiedade não vai aguentar. (rs)
        Vi que sua resposta acima é de 2011. Na época quanto tempo levou? Os exatos 90 dias?
        E como você recebe a resposta? Por e-mail?
        abraços
        Renata

        • Oi, Renata!
          Às vezes demora menos tempo. Mas já houve um livro meu que levou os exatos 90 dias. A resposta vem pelo correio, eles enviam uma carta contendo o certificado de registro. Importante lembrar que essa carta vem com AR (Aviso de Recebimento). Ou seja, precisa ter alguém em casa para assinar o recebimento.

  5. Boa tarde Karen, estava a procura de como registrar um livro na Biblioteca Nacional e seu site(post) foi muito util, tenho uma colega que esta querendo saber sobre esse assunto , essa biblioteca so tem ai no RJ ? Pois sou de SP

    beijos aguardo retorno.

    • Juliana, Você que mora em Sampa pode fazer o registro no posto avançado, que fica nesse endereço:

      Rua General Julio Marcondes Salgado, 234
      Campos Elíseos – São Paulo, CEP: 01201-020
      Horário de atendimento de 10:00 às 16:00 horas.
      Tel: (11) 3825-5249

      Os documentos que você vai precisar são os mesmos que no registro feito por correio (listados no post).

      Para saber o endereço dos postos avançados de outras cidades, clique aqui: http://www.bn.br/portal/index.jsp?nu_pagina=30

  6. Muito boa a informação, bem objetiva, clara e um bom guia de como proceder nos registros. Parabéns

  7. Nossa, muito obrigada… Bem útil.
    Tinha essas duvidas, e agora sei o que fazer.
    Mas continuo com uma única dúvida. Acho que é meio tola, mas…
    No caso de um livro sobre aventura/ fantasia, devo preencher o formulário como romance mesmo?

    • Sim, entra como romance. Nesse caso, romance significa uma narrativa longa, em prosa.

      As outras opções seriam poesia, música, monografia, conto, etc. Ou seja, coisas bem diferentes de um livro de aventura/fantasia. Se quiser ver a lista completa, clique aqui: http://www.bn.br/portal/arquivos/pdf/Tabela_Genero_Obras.pdf

      O meu livro também é de aventura/fantasia!! Se passa em um outro mundo, com longas viagens e criaturas fantásticas.

  8. Ah sim, entendi.
    Obrigada Karen.

    Meu livro também se passa em outro mundo. Meus personagens principais vão parar em um mundo ficticio, e descobrem algumas coisas, rs
    Coloquei criaturas fantasticas também, inclusive alguns Deuses mitológicos, gigantes, entre outros…

  9. Foi muito útil suas informações ,sua maneira simples de explicar os procedimentos deixou as coisas mais faceis .
    Muito Obrigado !!!!!!

  10. Muito obrigada pelas dicas. Eu estava completamente perdida sobre como registrar o meu conto. Valeu!

  11. Karen, boa noite.

    Primeiro quero agradecer a prontidão e boa vontade em responder meu post anterior. Mas, perdoe-me, tenho outra dúvida e preciso de sua ajuda. Encontrei em um blog sobre a BN que há a necessidade de o autor se registrar como escritor (na primeira obra) e também registrar a obra em separado, assim sendo (snif!) há duas taxas a serem pagas. Isso é fato? Mais uma vez agradeço antecipadamente a sua ajuda.

    • José,

      Este registro que eu expliquei serve apenas para comprovação do direito autoral dentro de território nacional, e eu aconselho a fazer antes de enviar para análise em editoras. Na hora que um livro é publicado, ele deve receber um novo registro, o ISBN, e é sobre ele que você leu. Ele é mais caro que o registro simples na Biblioteca Nacional, e é de caráter obrigatório.

      Geralmente, o ISBN é feito pela editora. Só deve ser feito pelo próprio autor nos casos de auto-publicação. Nesse caso, você deve se registrar como editor-autor, e depois registrar o livro. Eu nunca fiz este registro, e não sei dizer quanto custa. Sinceramente, eu nem sei se vale a pena. Hoje em dia existem por aí muitos sites de auto-publicação de livros que oferecem pacotes com arte de capa, ISBN, e muitas outras coisas.

  12. Olá Karen valeu as dicas, eu só estou um pouco preocupada por que eu escrevi um livro de poemas e para não ficar apenas nas palavras associei algumas imagens de acordo com cada poema para ficar mais romantico e eu peguei no computador , será que isso dará algum problema eu já fiz as encadernações e não foi nada barato. Eu não quero registrar as imagens é apenas os poemas as figuras são apenas um toque como eu devo fazer? Me responda por gentilesa ficarei aguardando. Eu tentei ver o formulario mais não consegui abrir a pagina só da erro. Um abraço de São Jose´do Rio Preto.

    • Elisabete,

      Você vai fazer a auto-publicação e comercializar o seu livro? Nesse caso, é melhor não usar imagens sem autorização de seus donos, pois você fica sujeita a um processo por uso indevido de imagem e desrespeito aos direitos autorais do fotógrafo ou ilustrador.

      Para solucionar seu problema, sugiro que compre fotos em bancos de imagem na internet, que são mais baratas e não vão te trazer dor de cabeça.

      Mas, respondendo à sua pergunta: Caso a obra ainda não tenha sido publicada, você pode apenas imprimir o arquivo de Word sem as imagens, da forma mais simples possível, encadernar com espiral e enviar. Caso já tenha sido publicada, envie dois exemplares do livro pronto, do jeitinho que foi publicado.

      Abraços!

  13. Olá, estou escrevendo um livro de ficção. Depois de terminá-lo irei passar para inglês com a ajuda de alguém mais habituado com a língua. Se eu registrar a história dessa forma que você descreve, esta servirá também como forma de garantia quando eu enviar a mesma para editoras estrangeiras?

  14. Obrigada por divulgar essas informações!

  15. Karen,
    Gostei muito. Você foi objetiva e clara. Parabéns pela postagem. Espero ler seu livro em breve.
    abraço

  16. Mandei a copia do meu livro dia 14/07/2011 para ser registrado,sei que receberão pois recebi uma notificação dos correios com a data do dia 15/08 ,mas ate hoje não obtive resposta .
    gostaria de saber se tem alguma forma de averiguar se o registro ja esta a caminho.

    • Entrei em contato com a BN e me informaram que o prazo para resposta é de 90 dias. Eu sei que é duro, mas precisamos ter muuuita paciência!

  17. Excelente guia! Foi muito esclarecedor. Eu tenho umas dúvidas sobre a 2ª página desse formulário de requerimento. No primeiro quadro preciso assinar aquela declaração? Tem outro campo nesse quadro que preciso preencher? Sinceramente, acho que a 2ª folha inteira é para os funcionários do EDA.

  18. ENFIM tudo o que eu precisava saber.

    MUITO OBRIGADOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!

  19. Olá, obrigada pela ajuda. Gostaria de mais uma informação, enviei meu livro tudo direitinho pelo sedex no dia28/07/2011, até agora não recebi resposta, será que demora assim mesmo? como faço para saber se deu tudo certo? Obrigada pela ajuda.

    • Entrei em contato com a BN e me informaram que o prazo para resposta é de 90 dias. Eu sei que é duro, mas precisamos ter muuuita paciência.

  20. Boa noite, Existe um lugar em belo Horizonte em que eu possa registrar meus livros?

    • Em BH não tem… O Posto Avançado mais próximo fica em Uberlândia, por isso sugiro que você faça pelos Correios.

  21. Oi Karen!
    Muito obrigada pélas dicas, de verdade, se você soubesse o quanto ajudou. O que mais achei legal foi que você colocou tudo com palavras bem simples, o que milagrosamente fez com que entendessemos.
    Mas tenho uma dúvida: Gostaria de registrar meu romance no posto estadual daqui da SP. Tenho que enviar as mesmas coisas que teria que enviar se fosse para a BN? É o mesmo procedimento?
    Abraços da Camila.

    • Sim, o procedimento é o mesmo. O posto avançado de SP é este:

      Rua General Julio Marcondes Salgado, 234
      Campos Elíseos – São Paulo, CEP: 01201-020
      Horário de atendimento de 10:00 às 16:00 horas.
      Tel: (11) 3825-5249

  22. MUITO OBRIGADA!

  23. Obrigado!! Esclareceu totalmente as minhas dúvidas.

  24. Consegui registrar e já recebi os direitos autorais de meu romance!
    Chama-se “O Leão do Norte” ebrevemente estará disponível nas livrarias.

    Obrigado pela ajuda e boa sorte ao demais novos escritores!

    • Que legal, gostei do nome! Quando estiver à venda me avise.

  25. Parabéns Karen.
    Voce esclarece as dúvidas e tranquiliza quem dedica tempo escrevendo e não tem a menor noção do que fazer quando o material está pronto. rsrsrs
    Agradeço seu cuidado com os desajeitados como eu.
    Rosangela.
    .

  26. Esse post me ajudou muito!
    valeu…

  27. Muito obrigada, Karen. Estou terminando um dos meus sete livros e vou seguir suas dicas, pois sou marinheira de primeira viagem…rs… Vlw e boa sorte à todos!

  28. Eu tenho uma pergunta:
    Estou acabando de redigir o meu livro… E por enquanto, eu queria pelo menos só registrar o Título com o meu nome e um resumo do livro…. Tem como fazer isso?
    E outra pergunta:
    Eu tenho 16 anos, o meu responsável que terá que cadastrar o livro por mim, ou, eu posso cadastrar também?

    Este site foi de muita utilidade para mim, precisava saber quais eram os procedimentos… Obrigado mesmo!

    • Felipe,
      Acredito que não seja possível. Você pode deter os direitos autorais de um projeto ou de uma obra, mas não pode deter os direitos de uma ideia. Sugiro que você guarde segredo sobre a ideia, e comece a trabalhar no texto em si. Depois, é só registrar a obra.

      Quanto à idade, sendo menor de 18 anos você vai precisar de um responsável. Mas o direito autoral será seu. Na ficha do registro há um lugar para inserir os dados desse responsável.

      Abraços!!

  29. Karen,

    Gostaria de parabenizá-la pelo guia. Estou ajudando meu avô a registrar o livro dele, e estou ajudando-o a preencher todos os formulários e a conseguiu as cópias de documentos necessários. Vou entragar o livro aqui no Posto Avançado de Salvador. Muito obrigado pelo ótimo guia!

    • Eu nunca utilizei AR, apenas Carta Registrada mesmo. Nunca tive problemas.

  30. Obrigado Karen,
    Acabarei de redigir a minha obra então e quando estiver pronta (creio que em 2012 ja estará!).
    Pedirei para que o meu responsável, preencha os dados para mim.
    Quando estiver no meu ultimo capitulo, aviso… E após registrar o meu livro. Digo o nome e um breve resumo…
    Abraços!!!

  31. Oi Karen,

    A respeito do gênero tenho uma questão. Caso saiba e possa me responder ficarei agradecido. Bem… estou escrevendo um livro de contos que, no entanto, também possui trechos de poemas que também compus. Quero sua sincera opinião.Devo registrar os contos separadamente das poesias para, então, juntá-los na mesma obra se eu assim desejar? Aguardo seu contato. Obrigado.

    • Eu faria o seguinte:
      Caso as poesias fiquem dentro dos contos, registraria apenas como “conto”.
      Caso as poesias sejam independentes dos contos, registraria separado.

  32. Olá Karen,uma duvida,e se a obra for de poesias?
    qual seria o numero do registro que eu poderia colocar?

  33. Eu e mais quatro colegas publicamos um livro de poesias. Existe um requerimento específico para solicitar o registro uma vez que somos em quatro?
    Como proceder nesse caso? Aguardo resposta por email.
    Obrigado

    • Oi, Arzelio!

      Na ficha do registro tem espaço para o autor e mais “uma outra pessoa vinculada à obra”.
      Quanto à co-autoria entre quatro pessoas, eu não vou saber te responder. Sugiro que entre em contato diretamente com a Fundação Biblioteca Nacional, pelo telefone (21) 3095-3879.

  34. FOI MUITO UTIL, MUITO OBRIGADO AGORA SEI COMO FAZER O MEU LIVRO FAZER SUSESSO…OBRIGADA.

  35. e ai karen seu registro ja chegou?

    • Opa, chegou sim!

      Eu enviei o pedido no dia 16/06, o documento ficou datado no dia 29/07, e chegou pelo correio no dia 11/08.

      Dessa vez demorou um pouquinho, mas ainda chegou dentro do prazo de 90 dias que eles pedem.

  36. obrigado pelo trabalho de responder as nossas questões, e mais uma, sabe como funciona com exatidão esse banco de fotos pela internet? um abraço

    • Existem muitos bons bancos de imagens, onde você pode comprar fotos. Aqui vai um exemplo: http://www.dreamstime.com

      Você precisa se registrar e fazer a busca por palavra-chave. Os melhores bancos são em inglês, e você vai precisar de um cartão de crédito internacional.

      As fotos são vendidas por créditos “esta foto custa X créditos”, e você pode comprar “pacotes de crédito”. Existem, ainda, algumas fotos que são de graça.

      Nunca se esqueça de olhar os direitos de uso da foto antes de compra-lá ou baixá-la. Sempre que puder, opte pelas que estão marcadas como “royalty-free”.

      Independente de onde você vai comprar ou baixar fotos, lembre-se sempre de incluir o nome do fotógrafo ao lado da imagem.

      Abraços!!

      • karen o seu é romance? eu quero ler se for divulgar, ok?

  37. karen voltei pra te agradecer muito pela dica do site, tem fotos otimas mesmo, só tenho que descobrir como fazer o cartão…

    mas muito obrigado pela atenção mais uma vez…

  38. ola karen, sabe como consigo esse cartão de credito internacional? em qualquer banco consigo um?

    • Eu não sei exatamente como funciona para solicitar o cartão internacional, o meu eu pedi quando abri a conta. Mas qualquer banco faz, sim.

  39. Oi, Karen! Vamos supor que eu escrevi um livro e esse livro foi publicado por uma editora. Mas ele não era registrado. Posso registrá-lo mesmo se ele já for publicado? Como?
    E só mais uma perguntinha: eu vi uma foto sua aqui no site, você parece ser bem nova. Se não ficar incomodada, quantos anos você tem? Se não quiser responder eu vou entender. Obrigada dês de já!

    • Oi, Camila!

      Você pode registrar, sim. A única diferença é que você vai ter que enviar dois exemplares.
      Quanto à minha idade, não é segredo nenhum rsss, eu tenho 23. Tenho cara de novinha mesmo, e pra completar, as fotos aqui do site estão um pouco desatualizadas!!

  40. Queria saber se o texto acima também é válido para poemas/poesias?
    Mas, o seu texto me esclareceu bastante coisa, pois não entendia muito o site da BN . Obrigada. E aguardo a resposta !

    • Oi, Mirinha!
      Este texto vale para poesias sim, a diferença é que em “gênero” você vai colocar o código “01″.

  41. Olá Karen,
    Seria possível atualizar as informações? Parece que mudaram as regras da BN e é obrigatório o registro de autor, que custa 180 pilas! Veja aí. Bjs

    • Oi, Cláudio!

      Está havendo uma confusão de registros, hehehe.

      Este registro que eu expliquei como fazer é apenas para garantir os direitos autorais. Ele serve pra que você possa enviar seu original a deus e o mundo, sem medo de alguém publicar sua obra sem a devida autorização.

      Esse outro (que tem que cadastrar autor-editor), é para o ISBN. O ISBN é um registro destinado a obras PUBLICADAS. Sendo assim, se a intensão do autor é a auto-publicação, é indicado que ele faça o registro do ISBN. Caso o interesse seja em enviar a obra para editoras, você não precisa se preocupar com ele. Ele é um número utilizado em bibliotecas e livrarias, para organizar os livros e facilitar a venda.

  42. Olá Karen! Gostaria de saber se e preciso fazer um sumario para registrar o livro na BN. E se eu devo usar espaço duplo?
    Muito obrigada!

    • Jessica, eles não têm regras definidas quanto a isso. Não precisa ser espaçamento duplo, apenas cuide para que o texto seja de fácil leitura: não use letras muito pequenas, nem muito rebuscadas.

  43. Então não há nenhuma regra na formatação do livro? A revisão ortográfica é de responsabilidade pessoal? É que são tantos sites, falam tantas coisas, que acabam me confundindo. Seu site é muito esclarecedor. Obrigada!

    • Sim, a revisão é por sua conta. Tudo que eles vão fazer é o cadastro do material que você enviou, não vão mexer em nada nele.
      Não se preocupe, não tem problema se você quiser corrigir alguns erros depois de registrar o livro. =)

      • Adorei sua resposta, muito obrigado pela sua atenção.

  44. Oi Karen!
    Muito obrigada pelas dicas, ajudou de verdade!
    Eu já escrevi meu livro, estou registrando, vou publicar.
    Minha dúvida agora é: como colocá-lo nas livrarias?
    Estou fazendo tudo sozinha. Então devo ir até a livraria, levar meus livros e conversar com o gerente ou o que?
    Preciso levar junto o registro ou pegar algum número código ou sei lá mais o que?
    Aguardo resposta.

    • Camila, essa eu considero a parte mais difícil em se lançar um livro por conta própria!! As grandes editoras possuem departamentos que cuidam só da distribuição, porque é algo trabalhoso mesmo!

      Eu ainda não lancei meu livro, vou lançar no início de 2012, mas já andei conversando com algumas livrarias. A maioria delas cobra 40% sobre o valor de capa. Ou seja, se o seu livro custar 30 reais, a livraria vai ficar com 12, e você com 18. Aí é que você vai ter que rebolar pra conseguir um bom valor na impressão dos livros, caso contrário vai ficar no prejuízo. Se possível, negocie a porcentagem da livraria, algumas cobram só 30%.

      Você precisa firmar um contrato com a livraria. Os livros que não forem vendidos serão devolvidos, e, caso isso aconteça, você deve exigir que voltem em bom estado. Além disso, você vai ter que retornar na livraria de mês em mês, para receber seu dinheiro e repor o estoque. Muito importante: para ser vendido em livrarias, seu livro precisa ter o número do ISBN, que é um registro um pouco mais complicado de fazer, e mais caro.

  45. OI Karen. Primeiramente, feliz 2012!
    Tudo de bom para você, muito sucesso, paz e saude.
    Gostaria de agradecer pelo post, é otimo, claro e util. Mesmo já tendo lá seus 6 meses ainda está bem ativo. E você é super atenciosa e gentil nos comentários, então vim lhe encher a paciência só um pouquinho…
    Sabe como é, marinheira de primeira viagem, a gente fica cheia de duvidas, curiosidades. Muuuuitas duvidas. ^^
    Minha principal no momento é:
    Como devo proceder se eu quiser usar um pseudonimo ao invés de meu nome real? É uma questão pessoal, um pouco complicada, mas de qualquer forma eu gostaria de utilizar um. Vejo que mesmo autores famosos fazem isso, pois alguns nem se chamam como os conhecemos.
    O que me deixa em duvida é como isso afeta o registro, se afeta. Eu devo colocar em algum lugar do formulario ou da cópia do livro ou isso é tratado depois, com a editora?
    Espero anciosa a sua resposta e agradeço desde já.
    Obrigada, beijos.

    • Oi, Jessy! Muito obrigada! Feliz 2012 pra você também!!!

      Sobre o pseudônimo, ele não precisa entrar neste registro. Quando você for publicar, converse com seu editor sobre o assunto. O pseudônimo precisa aparecer no ISBN, que é o registro que a editora faz, e que aparece na capa do livro. Além disso, seu editor vai saber te orientar sobre pseudônimos bons e ruins.

  46. Olà Karen, muito obrigado por esse blog. Deus te abençoe…

  47. Olà Karen, vocè sabe se a gente pode imprimir o texto dos dois lados de cada pàgina? Ou serà que tem que ser cada pagina imprimida somente de um lado? Isso somente para diminuir o peso do envelope a enviar pelo correio… Muito obrigada!

    • Você pode imprimir dos dois lados, mas eu sugiro que não o faça.

      Quando você imprime dos dois lados, é mais fácil que, com o passar do tempo, uma folha venha a manchar a outra. Esta impressão que você vai fazer agora vai ficar guardada na biblioteca nacional por muitos anos, então é bom você se preocupar com quanto tempo ela vai continuar legível. Por mais que um papel seja bem guardado, ele sempre vai sofrer a ação do tempo.

  48. Karen, por favor esclareça minhas dúvidas:

    O que significa a auto-publicação? seria publicar e vender por conta própria?
    O meu livro é uma narrativa longa, mas sobre a vida de um senhor.Seria do gênero biografia ?
    Suas orientações tem me ajudado bastante. Muito obrigada!

    • Oi, Ana!

      Sim, auto-publicação é quando o próprio autor executa as funções que seriam inerentes de uma editora, tal como: fazer ele próprio ou buscar os profissionais necessários para fazer certos serviços (revisão, capa, ilustração, diagramação, etc), correr atrás de fornecedores para a impressão do livro, promover a distribuição e venda, etc. Não é uma tarefa fácil! Além de tudo, o próprio autor é quem financia esta publicação.

      Se o seu livro é a história real da vida deste senhor, então ela é uma biografia. Caso você tenha apenas se baseado na vida dele para criar uma história fictícia, então é um romance.

      Abraços!

  49. Tenho uma dúvida sobre algumas citações que fiz no livro, todas elas numeradas e mencionadas no roda pé. Seria necessário fazer a bibliografia, como se faz nas monografias??

    Muito obrigada pelos esclarecimentos anteriores. bjos

  50. oi kren, tudo joia?

    queria saber se o certificado chega em carta registrada, porque ja enviei a quase dois meses e ainda não chegou apesar do prazos ser tres, é porque não fica gente em casa na maior parte do dia, e se for por carta registrada vou ter que dar um jeito neh. obrigado.

  51. ah aproveitando a pergunta da ana barbara, sabe me falar se pra eu usar versos do fernando pessoa (que já morreu ha mais de 70 anos) eu tenho que pagar direitos autorais? porque ouvi falar que depois de setenta anos da morte do autor a obra é de dominio publico, sabe se é verdade? grato.

    • Oi, Pedro!
      Estas questões de legislação eu infelizmente não conheço profundamente. Até onde sei, não tem problema citar outro autor, inclusive é isso que acontece nas monografias, e nem por isso perde-se a autoria.
      Há também um livro que se chama “Fazendo meu filme”, da Paula Pimenta. No início de cada capítulo ela cita parte de um filme famoso. É uma ideia bem bacana, e deu certo. Está sendo publicado pela editora Gutemberg.

  52. Muito obrigada por explicar! Ajudou muito, mas ainda tenho algumas dúvidas.

    Eu tenho 13 anos, entao no boleto de pagamento deve estar no nome do meu responsável?Devo preencher com o nome do meu pai ou da minha mae, e colocar meu nome apenas na capa do livro imprimido? E outra coisa, eu ñ tenho CPF entao posso colocar apenas o meu RG?

    • Ana, que legal que você já está escrevendo!!
      No formulário para registro tem uma área específica para o responsável pelo menor de idade. A obra vai ficar no seu nome, sim. Apenas vai constar quem é responsável por você.

      • Olá Karen! Primeiramente, parabéns por ter conseguido publicar seu livro, e boa sorte com as vendas!

        Felizmente, depois de longos meses escrevendo, revisando… Eu terminei meu livro :)
        E ainda tenho algumas dúvidas quanto ao registro dele: É necessário mandar a sinopse também? E o número de páginas deve ser começado desde a capa ou só a partir do Prólogo?

        • Oi, Ana Laura! Obrigada! =)

          Quanto às suas dúvidas, não precisa mandar a sinopse, e todas as páginas precisam entrar na numeração, desde a primeira. Talvez, quando o livro for publicado, a numeração acabe ficando diferente, mas não tem problema.

          Abraços!
          Karen

  53. quando eu coloco no word não enumera página, pois eu dobro a página e corto, e não dá, pois fica duas páginas em um e o número é por página, será que posso numerar a mão?
    me responda por favor!

    • filmes e eventos ja registrei um livro e chegou o certificado à pouco, pode escrever a caneta sim

    • Como o Pedro já disse, pode numerar a mão, sim. =)

  54. Este ! foi muito importante para mim, desencadeou as respostas que eu precisava ter livremente, agora me sinto sem duvidas e confortavel para partilhar meus pensamentos com todos.
    estarei grato por longos dias e te deixo o desejo de muito sucesso, obrigado.

  55. Boa tarde karen!

    entrei no site da biblioteca nacional e parece-me que agora há uma taxa para registro de autor? Vc pode me dizer agora qual o procedimento? devo pagar o registro e depois pedir o ISBN?

    grata

    • Oi, Monica!

      Este registro ao qual você se refere (ISBN) é outra coisa… ele é utilizado apenas na hora de publicar o livro, e é feito pela própria editora. Este que eu estou ensinando a fazer é um registro de autoria, que é mais barato e mais fácil de tirar.

  56. Estoumuito grato pelo que consegui através de seu depoimento aqui… Acabei de escrever meu livro o qual tem 283 pgs. Só estou com duvida se o valor realmente é somente R$ 20,00, fiquei sabendo através de outra pesquisa que ha um valor por pgs… Minha única duvida é esta, no mais obrigado pela informação.

    • ola, sim registrei um livro e o valor é vinte reais por obra que enviar

      • Exatamente. A quantidade de páginas é indiferente.

  57. Pessoal, muito obrigado pelo post. Foi muito útil, muito bom mesmo. Parabéns pelo site.

  58. Olá Karen
    Se eu entregar pessoalmente a obra na BN, não conseguiria que o registro saísse mais rápido???
    Uma vez tudo encaminhado e em processo de registro, já dá pra mandar a obra para impressão???
    Abraços
    MIRIAM

    • Olá, Miriam! Eu nunca entreguei a obra presencialmente, por isso não sei te responder sobre o prazo.

      Quanto à impressão: você vai publicar sozinha, sem editora? Se você for fazer isso, e tiver interesse em vender o livro em livrarias, é necessário que você registre também o ISBN do livro. Este registro é feito neste site: http://www.isbn.bn.br/

      Se você for publicar por uma editora, pode ficar tranquila que ela se responsabilizará por isso. Caso vá fazer auto-publicação mas não tenha interesse em vender, não vai precisar do ISBN.

  59. Acabei de terminar minha primeira obra. Estou totalmente perdida, não só com registro,mas com todo o resto!! Posso criar a capa da minha obra no meu computador? A internet auxilia na revisão? Estou dura kkkkk. O que eu mesma puder fazer será melhor. grata. Ursula Paula.

    • Ursula, existe na internet várias editoras prestadoras de serviço. O mais fácil seria escolher uma delas, que vai correr atrás de todos os documentos que seu livro precisa, providenciar a capa, fazer a revisão, a diagramação a impressão, etc.

      Como você disse que está dura, as coisas complicam, já que a editora vai cobrar por tudo isso, né? rsss

      Nesse caso, você pode se arriscar a fazer. A internet não ajuda na revisão, mas o corretor ortográfico do Word é uma mão na roda! A capa do livro você pode fazer em algum programa de edição de imagem, como o Photoshop, Ilustrator, CorelDraw… mas caso você não saiba fazer, sugiro que contrate alguém. Afinal, a capa é a primeira impressão que seu livro vai deixar nas pessoas!

  60. E novela como que elaboro, começo com sinopse ou tenho que fazer por episódio ?, me ajuda preciso muito.

    • Oi, David!
      Olha, a lei do direito autoral assegura apenas obras escritas. Não adianta mandar só a sinopse, porque não há como registrar ideias. Você teria que escrever tudo.

  61. Estou terminando meu livro e gostaria de saber se ao fazer o registro na Biblioteca Nacional, é adquirido o código de barras. Fiquei sabendo que para vender em livrarias eles exigem o código.

    Desde já obrigada!

    • Oi, Marcia!
      O registro na Biblioteca Nacional serve apenas para assegurar a autoria da obra.
      Para conseguir o código de barras, você terá que registrar o livro na agência do ISBN, veja neste site: http://www.isbn.bn.br/o-que-e-isbn

  62. Querida Karen, em quanto tempo voce efetuou todo o processo de registro? Quantos dias depois de enviado o roteiro vem a confirmacao de registro pela fundacao? Obrigado.

    • Olá, zon!
      A Biblioteca Nacional pede 90 dias de prazo para entregar o registro.
      Abraço!

  63. Karen,

    Parabéns pelo site, parabéns pela clareza dos textos que você escreve, parabéns pelo arrojo e determinação que conduz sua vida.
    Você é fera!
    Muito obrigado pelas instruções (completíssimas!) de como registrar meu livro, que como todo bom escritor, sei que vai bombar! (talvez demore um pouquinho nas livrarias, mas nas cabeceiras de cama das minhas Tias, será um sucesso!)
    Abraço!

  64. Cara Karen estou escrevendo um romance no world e gostaria de saber qual o tamanho exato da fonte das letras? tenho duvidas também sobre… Tipo se pode colocar graficos nas pags e como colocar numero nas paginas? e o que é RUBRICAR?
    ahh e adoraria que você me explicasse se é necessário imprimir todas as pags quando o livro for terminado, para enviar a biblioteca nacional? e se for como irei imprimir mais de 300 folha?! existe maquina de tinta q suporte e o gasto?
    por favor me ajuda!!

    • Oi, Evandro!
      Não é necessário enviar no formato que o livro vai ter no final das contas. Sendo assim, você pode usar Times 12, com a folha no formato A4.

      Pode colocar gráficos, sim. Para os números de página, leia este guia: http://office.microsoft.com/pt-br/word-help/inserir-numeros-de-pagina-HP001226513.aspx

      Rubricar é que nem assinar, mas de forma simplificada.

      Para enviar a obra para registro, você vai ter que imprimi-la. É esta impressão que vai assegurar seu direito como autor. Se você acha que não dá para imprimir isso tudo em casa, pode ir a uma gráfica rápida ou casa de xerox.

  65. Karem um ótimo post Parabéns.

    Queria uma explicação sua bem rapida. Tipo, meu livro ainda vai passar por varias analises e vari8as edições. Por que as editoras antes de publicar faz essas edições. Ai caso eu registre minha obra como ela esta, sem edição. Caso a editora queira editar ela vai poder fazer isso? Mesmo com o livro cadastrado sem edição?

    • Oi, Emanuel!

      Pois é, a editora vai querer mexer no livro. Caso ele fique irreconhecível, talvez seja necessário um novo registro, mas dificilmente a mudança vai ser tããão radical (se fosse pra mudar tudo, a editora não fecharia contrato, né?).

      • Obrigado Karen! :D

  66. Olá Karen! Terminei de escrever o meu livro em dezembro (ufa!) estava muito perdida enquanto à várias coisas e vc me ajudou muito, parabéns pelo site!
    Eu só tenho algumas dúvidas. Sou muito medrosa pois moro em MG e tudo ficou longe para mim. Vou registrar a obra em cartório primeiro (vai que dá zebra no envio, né?) e depois vou enviar à BN, e quero que tudo fique certinho pois tenho medo de eles ‘rejeitarem’ o registro, pois eu li no site da BN que isso é possível.
    Quando à formatação do texto, vc já respondeu que pode ser impresso em frente e verso. Só que eu gostaria de saber: meu livro está em capítulos do 1 ao 23. Nesse caso, eu acabo um capítulo e começo o outro na mesma página ou na página seguinte? Outra dúvida: quando à capa. Como devo colocar os dados? Ficaria o título destacado e os outros dados embaixo ou eu preciso fazer como se estivesse preenchendo uma ficha? (ex: Título: blablábla, autor: blablabla, e os outros dados). Se eu imprimir mesmo assim em frente e verso, o verso da capa já pode ficar com a sinopse? Se não, e eu tiver que deixar em branco, tenho que rubricar a página em branco também?
    Bom, essas foram as dúvidas que consegui lembrar por hora. Se vc responder vou ficar muito mais tranquila, pois ainda sou de menor e dependo dos meus pais para tudo (maldita maior idade que não chega!), e, portanto, tenho que me informar muito bem antes de pedir a eles para sair pagando as coisas por aí. Desde já, muito obrigada!

    • Poxa, esqueci de perguntar umas coisas a mais, ainda bem que lembrei (nossa, eu sou muito lerda). O meu livro fala de anjos e demônios, e pra ficar bem bizarro, em um capítulo em especial eu faço referência a uma obra já existente. No parágrafo, está escrito ‘eu me sentia como alice seguindo o coelho branco’. Há algum problema nisso? Outra coisa. Demônios são bichinhos bem traiçoeiros, e tudo para eles é motivo de piadinha (pelo menos no meu livro XD) e há dois mementos em que eles cantam uma cantiga infantil: ‘Se essa rua, se essa rua fosse minha… lálálá, etc’. Eu preciso colocar alguma nota sobre isso? Isso faz diferença? Eu poderia usar esses versos sem problema? Na verdade, eu não faço a mínima idéia de quem seja o autor dessas cantigas, são muito antigas e toda criança já cantou um dia. Posso ser processada por esse uso?
      [...] Obrigada pela atenção :)

    • Oi, Camilla! Nossa quantas perguntas!! rss Vamos lá, vou responder em tópicos:

      - Nunca ouvi falar em rejeitarem o registro na BN. Isso acontece bastante no ISBN, que é outro registro. Cuidado para não confundir! O ISBN é bem mais caro, e deve ser feito apenas se você mesma for publicar o livro. Caso vá enviar para uma editora publicar, é melhor fazer apenas o BN, que garante seu direito autoral.

      - Sobre começar o capítulo em outra página, a BN é indiferente quanto a isso.

      - Também é indiferente quanto à capa. Sempre que eu envio eu faço o seguinte: coloco na capa o título da obra (em fonte tamanho 16), pulo algumas linhas e escrevo “Autora: [meu nome]“, pulo outra linha “CPF: [meu cpf]” (esses dois últimos em tamanho 12).

      - Eles não falam nada sobre imprimir frente e verso. Eu sugiro que você não faça isso. O que vai garantir a sua autoria é essa cópia que você está mandando. Se, com o tempo, uma página começar a borrar a outra, a cópia vai ficar inutilizável. Obs: não precisa mandar impresso no formato que o livro vai ter. Pode mandar em A4, aquele formato padrão de impressoras. Assim, fica um pouco mais barata a impressão.

      - NÃO rubrique as páginas em branco. Nem mesmo o verso. Só rubrique onde tiver texto.

      - Você pode citar Alice no País das Maravilhas, sem medo de ter problemas com isso. É uma obra muito antiga e já caiu em domínio público. O mesmo vale para as cantigas.

      No mais, preste bastante atenção na hora de responder ao formulário. Existe uma parte específica para os dados do seu responsável.
      Espero ter ajudado, boa sorte com a sua obra!!!

  67. Karen Soarele,parabéns pelas suas explicações esclarecedoras, pelo que eu analiso, as pessoas se confundem muito o BN com o ISBN, mas você soube explicar de forma contundente.
    A minha única dúvida é sobre prova de títulos acadêmicos, para os programas de mestrado e doutorado que exigem na prova publicações de livros e trabalhos técnicos com ISBN, para isso é necessário todo o procedimento descrito.
    Caso eu queira publicar uma quantidade muito pequena de livros, não passando de 10, somente para conseguir pontos na prova de títulos acadêmicos,como eu devo proceder?

    Por exemplo: Posso pegar todos os trabalhos,registrá-los na BN, mandar pra editora para o registro do ISBN,editoração e designer e depois de todos os procedimentos, colocá-los em um biblioteca pública? você acha que serviria para atender os requisitos da prova de título de mestrado e doutorado?

    • Bom, a ideia da prova de títulos é você ter seu trabalho reconhecido por alguém, que resolveu publicá-lo. Se, no seu caso, eles pedem apenas que a publicação tenha ISBN, então há uma falha nessa avaliação… O melhor mesmo, seria você enviar artigos para publicar em revistas científicas. Pode tentar fazer dessa forma que você falou, pode dar certo, mas eu não garanto! rss O lado bom é que, através do livro, você vai divulgar seu conhecimento por aí, e fica mais fácil de ser reconhecido de verdade.

  68. Olá Karen, estou querendo registrar meu livro, mas tenho receio de não aceitarem meus documentos. Eu estudo numa escola militar, não tenho, portanto, como comprovar minha residência por contas de luz etc. O melhor que posso conseguir é uma declaração de que resido, em internato, nessa escola, mas não sei se eles aceitaram. Caso não seja válido e eu tenha enviado todos os documentos pelos correios, o que será feito? Mandaram meus documentos de volta pra mim?

    • Ops, aceitarão* e mandarão*

    • Você já utilizou esse tipo de declaração em algum outro lugar? Se você está na dúvida se vão aceitar ou não, sugiro que você envie um comprovante de residência da casa dos seus pais.

  69. karen foi muito seu post ..bom eu só tenho uma leve dúvida em questão ao gênero do meu livro acredito que ele seja uma comédia romântica ,como faço para tirar essa dúvida?

    • Dayana, o gênero a que o registro se refere não é esse. As opções são as seguintes: Poesia, Romance, Didático/pedagógico, Música, Teatro, Técnico/Científico, Tese/Monografia, Conto/Crônica, História em Quadrinhos, Cinema/TV/Roteiro/Argumento, Místico/Esotérico, Religioso, Político/Filosófico, Personagem/Desenho/Fotografia, Biografia/Autobiografia, Publicidade/Cartaz/Folder/Panfleto, Periódico, Outros.

      Romance, de acordo com o Dicionário Michaelis Online: Lit Narração, geralmente em prosa, de aventuras imaginárias, adrede inventadas e combinadas para interessarem os leitores.

      Se o seu livro se enquadra, utilize “Romance”.

  70. Karen, parabéns pelo site. Eu o encontrei enquanto pesquisava algumas “coisinhas” na net para o romance que terminei faz pouco tempo. Porém eu estou no meio de outro trabalho e também tenho algumas dúvidas que talvez você possa esclarecer. No meu primeiro livro eu cito canções do Morrissey e do R.EM. e muitas outras dos anos 30 e 80. Acho que Noel e Cartola não vão ligar muito pra isso (kkk), mas… os responsáveis pelos direitos autorais de Stipe e Morrissey já não sei. Outra dúvida é que não estou conseguindo achar um lugar para encaderná-lo. Não haveria outro jeito de mandar para registro que não seja assim? Desde já obrigado e parabéns novamente. Ps: Caramba, você é muiiiito gata!

    • André,
      Gráficas e casas de Xerox fazem o serviço de encadernação com espiral pra você, cobrando uns 5 reais. Se preferir, você pode mandar de outra forma, mas não consigo pensar em uma forma melhor…
      Quanto às citações, sugiro que você entre em contato diretamente com a Biblioteca Nacional.

    • André,
      Me informei melhor com a Biblioteca Nacional, e parece que eles descartam as espirais! Sendo assim, é melhor você enviar as folhas soltas, mesmo! ;-)

      Abraços!!

  71. Oi Karen. Tenho uma dúvida, eu tenho que registrar o livro no formato do word ou tenho que colocar no formato de livro mesmo, com dedicatória e tudo.
    Outra dúvida, quem escolhe o tamanho do livro, tipo pocket, a4 etc, a editora ou o autor?
    Obrigada pela atenção.

  72. Oi Karen. Li os comentários e vi que você ja tinha respondido a pergunta sobre o formato do word.
    Mas a dedicatória eu tenho que colocar também? E a sinopse, sou eu quem faço? (por favor não seja eu)Obrigada de novo

    • Marina,
      O texto será registrado como “Romance”, sendo assim, eu sugiro que você não insira a dedicatória e a sinopse. Mas não há problema se o fizer.

  73. Olá Karen, tudo bem? Espero que sim! Quanto aqueles que acabaram de completar 18 anos e ainda moram com os pais, #comofas para comprovar a residência? É preciso o documento do dono também? Obrigado.

    • Vitor,
      Você pode colocar um comprovante no nome da sua mãe, e enviar junto o seu RG, onde aparece o nome dela.
      Para ter certeza, escreva no comprovante, a próprio punho, declarando residir naquele endereço.

  74. ATENÇÃO, PESSOAL:

    As regras da Biblioteca Nacional mudaram um pouquinho, e eu tive que atualizar o post. As alterações que eles fizeram foram:

    - Reestruturação do Formulário de Requerimento;

    - Agora o formulário conta com espaço para registro de outras pessoas relacionadas à obra, sendo eles: adaptador, cessionário, tradutor, ilustrador, organizador, fotógrafo, responsável, cedente, herdeiro, e inventariante.

    - Aumento de opções na Tabela de Gêneros. Além disso, agora ficou mais fácil preencher o “Gênero” no formulário, pois trocaram o espaço para inserção do código por uma lista completa com as opções, para marcar.

    - Além de tudo isso, me informei melhor quanto à questão da encadernação: é melhor enviar as folhas todas soltas, pois facilita o armazenamento.

    Abraços!

  75. Karen obrigado pelas informações. Eu já consegui encadernar, agora vai ter que ir assim mesmo. kkk. Vou mandar hoje mesmo e seja lá o que Deus quiser. Mas uma vez obrigado. Estarei sempre passando por aqui pra curtir vc e essa galera boa. Um abraço.

  76. Karennn, você é um anjo, haha! Obrigado viu. Tudo de bom pra você.

  77. Obrigado Karen. Já usei esse comprovante que falei para me matricular em uma autoescola e para aderir a um plano de internet móvel. Nas duas situações foi aceito sem problemas. Bom, se não for válido agora é tarde demais, mandei minha obra pelo correio na terça feira passada dia 06. Estou apreensivo demais, tenho ido todos os dias nos correios para checar correspondências. Devia ter esperado um pouco mais, enviei minha obra encadernada também. Agora é só esperar…
    Muito obrigado pelas informações, guia muito bom e esclarecedor.

  78. Karen,
    Tenho dúvidas qto a quantidade de livros devo encomendar.
    O meu editor me orientará nisso?? Obrigada pela atenção.

    • Oi, Ana!
      Se você for fazer com uma editora comercial, eles é que vão decidir isso. Se for fazer com editora prestadora de serviços, aí é você que decide. Na verdade, tudo depende de quanto de dinheiro você tem disponível e quanto espera vender.

      Quanto mais exemplares você comprar, mais barato vai ficar a unidade, e, consequentemente, maior é a sua margem de lucro. Mas, se você acha que será difícil vender uma quantidade muita grande de livros, talvez seja uma ideia melhor encomendar menos.

  79. Olá Karen, Boa tarde !!
    Estou me ocupando de um trabalho que consiste em cadernos de desenho geométrico plano de uma forma bastante auto instrutiva.
    A trabalho completo constará de 5 cadernos já tenho dois cadernos praticamente prontos, porém um caderno depende ie informações do outro.
    Minha dúvida reside no fato de, ao solicitar o registro na FBN, terei que fazê-lo com todos os cadernos prontos ou se cada caderno terá que ser registrado separadamente ou´seria o caso de averbação dos primeiros cardernos?

    Parabéns pela sua vontade de bem informar neste formidável instrumento e, antecipadamente agradeço pelo seu precioso tempo gasto em me atender.

    • Darcio,

      No caso do EDA (registro de autoria – esse sobre o qual falo no post), você pode registrar um separado do outro, que não tem problema.
      Quando for fazer o registro no ISBN, aí sim existe um protocolo mais detalhado para séries e coleções.

      Abraços!

  80. Olá Karen!

    Parabéns pela compilação das informações, muito bacana!
    Como fazemos para confirmar a chegada da obra ao Rio de Janeiro? Se a mesma chegou bem, e foi enviada ao local correto no departamento? Obrigado!

    • Oi, Daniel!
      Você pode enviar o livro como “Carta Registrada”. Dessa forma, você vai receber um código de rastreio, e poderá acompanhar a trajetória da correspondência através do site dos Correios.
      Quanto à chegada ao departamento correto, não precisa se preocupar. É só copiar certinho o destinatário, que lá dentro do EDA não tem erro.

      Abraços!!

  81. Obrigado pelas dicas. Será que você pode me esclarecer algo? Tenho um livro ja publicado, porém a editora so trabalha virtualmente, o que dificulta as vendas. Qual seria o procedimento para eu oferecer o meu livro a outra editora de maior porte?

    Abs;

    • Oi, Vitor!

      Em primeiro lugar, você precisa reler o contrato que fez com a sua editora. No contrato deve constar dados sobre o suporte do livro (se é impresso, digital, áudio-livro, etc) e o prazo de duração do contrato (por quantos anos sua obra será exclusiva da editora). Você não poderá fechar com outra editora se os direitos de publicação de sua obra estiverem reservados à editora atual.

      Para oferecer o livro a outra editora, comece entrando em contato com a editora desejada. Veja se o seu livro se enquadra na linha editorial e se eles estão aceitando envios de originais no momento. Em caso afirmativo, se informe com eles como seria a melhor forma de enviar (geralmente eles pedem uma sinopse primeiro). Cada editora possui seus próprios processos.

      Espero ter ajudado,
      Um abraço!

  82. Outra pergunta: há alguma filial em Belo Horizonte da EDA para eu poder fazer o registro. Receio que, mesmo encaminhando tudo ao local certo, a minha obra caia em mão erradas. Prefiro estar lá para acompanhar o registro. Ouvi dizer que posso registrar em Biblioteca pública. É verdade?

    Abs;

    • Não tem posto do EDA em sua cidade. Mas pode ficar tranquilo, que dá tudo certo enviando pelo correio! ;-)

  83. Ola Karen, meu livro a desenho que eu criei, devo levar esses desenhos também pra ser registrado? Devo mandar o livro montado com capa? Obrigado pela atenção.

    • Oi, João!
      Você pode enviar tudo junto. Inclusive, na nova ficha de cadastro há espaço para incluir o ilustrador, que seria você mesmo.
      Você pode enviar a capa, mas não é obrigatório.

  84. Hah, os desnhos deverá ser mandados em folhas separadas a o texto? Obrigado.

  85. Bom dia,

    Seu post é verdadeiramente muito útil. Eu tenho uma dúvida e espero você possa me ajudar. Eu sou estrangeira residente no Brasil e um escritor cubano como eu escreveu um livro sobre Brasil e ele gostaria de tentar a publicação aqui. Como temos que registrá-lo primeiro (como você falou) e ele mora em Cuba ele fez uma procuração me dando os direitos e poderes para fazer a inscrição. Será que é possível fazer isso? Eu já estou com essa procuração e queria começar o processo.

    Desde já agradeço sua atenção.

    Obrigada
    Ana

    • Olá, Ana!
      É possível, sim. Veja abaixo a regra para registro por procurador, que eu copiei do site do EDA:

      ●Solicitação de Registro via procurador deve estar acompanhada da Procuração original (com firma reconhecida ou cópia autenticada)
      devendo, na mesma, constar os dados: endereço completo (com CEP), CPF e/ou CNPJ do procurador, mais os dados do autor
      representado;

  86. Karen parabéns pelas dicas de como registrar livros, foi excelente para mim!

    Se possível, gostaria de tirar uma dúvida. Meu livro tem mais de 1 autor, como faço para registar. Faço o requerimento somente no meu nome?

    Grata,

    Abraços

    • Oi, Mariele!
      Você será a requerente, mas há espaço no formulário para mais pessoas ligadas à obra. Lá você adiciona o coautor.
      Abraços!!

  87. Parabéns pela matéria, foi de grande ajuda .. estava louca atrás dessas informações. Agora sei o que fazer quando terminar minha história.

    Muito obrigada :)

  88. No caso de vc querer registrar como heteronimo, isso eh possivel? Imagino que nao. Mas dai vc registra com seu nome e depois se no futuro houver o interesse de alguma editora vc publica como heteronimo?

    • Oi, Diana!
      Há um espaço no formulário de cadastro onde você pode inserir seu pseudônimo.

  89. Oi desculpe soh complementando a anterior, como heteronimo ou pseudonimo.

  90. Saudações karen, estou com uma dúvida que a muito me perturba. É que eu já completei minha obra, um livro. As correções ortográficas foram feitas por mim mesmo. Mas eu sei que é preciso que exista uma conferência por um profissional. A questão é: Eu posso registrá-lo antes dessa correção e aguardar para que no ato da publicação ele seja conferido? Ou eu realmente preciso fazê-lo antes do registro? Desde já, agradeço sua gentileza e presteza…

    • Oi, Fábio!
      É sempre bom revisar o máximo possível. Então, você envia para o EDA. Mas não se preocupe, você poderá corrigir erros de ortografia depois disso. Só no caso de a obra mudar muito, é que você vai precisar de uma averbação ou novo registro.
      Abraços!

  91. Bom dia, obrigada pela materia foi de grande ajuda, pois moro em Comodoro mt e tudo fica longe. Com a sua dica poderei registrar o meu primeiro livro de conto infantil. Tenho uma duvida, na Biblioteca Nacional também registra projeto. Sou professora e estou desenvolvendo um projeto de leitura na Escola em que eu trabalho e gostaria de registra-lo. Você poderia me indicar uma editora de confiaça para publicar o meu primeiro livro. Desde já agradeço a ajuda.

    • Oi, Regina!
      Até onde eu sei, no EDA não se registra projeto. Você pode procurar um escritório de marcas e patentes.

  92. Oi Karen,
    Parabéns pelas dicas, elas são ótimas!!!!!!!
    Contudo eu acho que fiz besteira…
    Na semana passada eu enviei para o EDA o meu livro para registro, fiz tudo diretinho, rubriquei todas as folhas, mas esqueci de assinar o meu nome na última folha como eles pedem.
    Você acha que por causa disso eles podem não aceitar e me devolver o material para ajuste? Seria melhor eu enviar novamente o material em vez de esperar os 90 dias para ver o que vai acontecer?
    Um abraço
    Fabíola

    Se possível, gostaria de tirar uma dúvida

    • Fabíola,
      É possível que eles te devolvam para ajuste, sim. Mas eu sugiro que você tenha paciência e espere. No primeiro semestre do ano as coisas costumam ser mais tranquilas.
      Beijos!
      Karen

  93. Porque sempre que visito seu site aparece que tem malware? O.O

    • Pois é, o Google andou mandando um alerta esse mês. Eu já tomei providências para resolver, agora basta esperar a resposta deles.

  94. Karen,
    Obrigada pela dica!
    Beijos e boa semana.

  95. Olá Karen,

    Sou de Salvador, Bahia. Qual a diferença entre enviar uma obra para o Escritório de Direitos Autorais – Palácio Gustavo Capanema – Rua da Imprensa – Rio de Janeiro e um Posto Estadual aqui na Bahia? Não é mais prático e seguro fazer o processo presencialmente?

    Um abraço!

    • É mais seguro sim, Daniel. Se você tem essa opção, é realmente a melhor.
      A questão é que a maioria das cidades brasileiras não possuem postos do EDA.

      Abraços!

  96. Olá, Karen! Parabéns pelo excelente post; Gostaria de saber se você conhece os procedimentos sobre como registrar os originais em cartório. Depois de quase três anos e 545 páginas, quero mais que depressa enviar para editoras que não exijam o n.º de registro da BN! Você aconselha? Obrigado e muito sucesso!

    Obs.: Imagine minha felicidade ao descobrir que uma campograndense como eu tem uma página tão completa e esclarecedora; Um abraço!

    • Oi, Marco!
      Eu nunca registrei em cartório, mas sei que tem o mesmo valor para direitos autorais. Mesmo assim, eu aconselho você a mandar para o EDA, que é especializado nesse assunto.
      O único problema de fazer as duas coisas é que você acaba pagando duas vezes, né? Lembrando que tem o valor da impressão do material, o valor do serviço e o valor de envio (no caso da BN).
      Abraços!

    • Puxa, você também é de Campo Grande? Que legal!!
      Depois que você registrar seu livro, me conta sobre ele! ;)

  97. Oi, Karen, tenho que mandar o desenho original, ou scanear?

    • Envie uma cópia do original (pode scanear).
      Abraços!

  98. Olá Karen, enviei meu pedido pelo correio no dia 06/03/2012 e até agora não chegou. Sabe dizer se o prazo de noventa dias conta a partir do dia em que eles receberam do correio ou se conta a partir de quando o pedido é protocolado? Desde já, obrigado!

    • Oi, Elias!
      O prazo conta a partir do dia que eles recebem os documentos.

  99. Olá, eu tenho 13 anos e estou escrevendo um livro a um ano, estou prestes a acabar ele, e queria saber se com essa idade posso registrar o livro. Obrigado.

    • Pode registrar sim! Mas você vai precisar de um responsável. Você deve preencher o formulário de acordo com as instruções, em uma área coloque os dados do autor (você) e, em outra, os dados do responsável.

  100. Olá, tenho uma dúvida. Pode enviar a resposta para o meu email? Eu quero fazer o registro do meu livro. Depois que ele estiver registrado e tudo certinho, eu posso fazer alguma alteração? Como acrescentar algumas informações, mudar outros etc?

    • Oi, Diogo!
      Poderá fazer alteração sim, mas vai dar todo esse trabalho de novo! Sugiro que você revise seu livro diversas vezes antes de mandar.
      Abraços!

  101. Oi Karen! Muito interessante esse seu artigo. Sou publicitário e escritor. Sou apaixonado por livros e lançar o meu pra todos curtirem e melhorar sua vida com idéias que, talvez, muitos, nem havia imaginado. Como vc sabe, o livro tem sempre uma dimensão a mais a qual só quem lê é que consegue atravessar esse portal. Todos deveriam escrever um livro na vida. Quem escreve, passa a ser eterno.
    Parabéns!!
    Abraços.

  102. oi Karen! voltei aqui no seu blog de novo *-*
    Há um tempo eu andei fazendo umas perguntas e vc foi muito atenciosa ao responder, e agora eu tenho mais algumas duvidas de novo :)
    Meu pai saiu de ferias e resolvemos finalmente mexer com essa trabalheira de registrar livro. Decidi registrar em um cartorio primeiro (como documento) pra depois enviar pra BN, em caso de dar zebra. Só que quando eu fui registrar as 177 pags no cartorio, a mulher falou que ficava em mais de R$ 900! Ela disse que as pessoas registravam mais músicas e poesias do que livros pq ficava muito caro, e me aconselhou a BN. Contei a ela o que pretendia fazer e ela fez os cálculos… Tão caro assim eu não posso pagar! XD
    Vc acha que é seguro mandar pro RJ assim? Tem muito perigo? Fico com medo de extraviar, esse livro deu muito trabalho pra ser roubado…
    Desde já, obrigada pela atenção! :)

    • ah, so mais uma coisa.
      Eu tinha lido esse blog antes das atualizações da biblioteca nacional, então…
      Vc disse que encadernar não tinha problema, e eu encadernei. Agora, eles descartam as encadernações! Será que eu posso só retirar a mola ( e a folha vai ficar com os furinhos) ou eu vou ter que imprimir tudo de novo? As coisas são tão caras aqui! Cara xerox é 20 centavos :(

      • Quando eu digo que descartam as encadernações, me refiro justamente à molinha. Não tem problemas ficar com os furinhos.

    • Oi, Camila!
      Manda como carta registrada, assim você pode rastreá-la pelo site dos Correios!
      Realmente, esse valor é muuuuito alto. É melhor fazer logo na BN, que você não precisa reconhecer firma de todas as rubricas.

  103. Oi Karen, tudo bom?
    Fiquei sabendo que tem um posto da BN em Bh, e eu moro em MG, mas ainda sim longe de Belo Horizonte. Só que BH ainda é mais perto do que a BN do Rio pra mim.
    Eu tenho parentes que moram em BH, talvez eles possam registrar pra mim. So que é o seguinte: eu não vou estar lá para registrar, só os meus parentes. Será que eu posso enviar meu livro por email para os meus parentes, eles imprimirem e registrarem no posto de BH? Ou eu posso enviar uma copia impressa com todos os documentos para eles entregarem por lá? Já que tem esse posto aqui em BH, eu posso enviar meu livro para registro para lá ou tem que ser só no Rio de Janeiro mesmo?
    Vlw

    • Nossa, Renato, que complicação!
      Não se esqueça de que você precisa rubricar todas as páginas. Sendo assim, não adianta mandar por e-mail para os seus parentes, porque eles não vão poder rubricar por você.

      Aconselho você a fazer pelo correio mesmo, que vai ser muito mais tranquilo.

      • Muito obrigado, Karen. Mas eu também quis dizer, que é muito mais seguro (eu acho) mandar para BH do que para o Rio (talvez por questões de distância). Então será que eu poderia mandar tudo o que iria mandar direito para a BN (o livro rubricado, os meus documentos, os documentos dos meus responsaveis, o requerimento, tudo) para os meus parentes, e então eles irem até o posto entregar para mim? Assim eu saberia que os documentos caíram direto nas mãos do pessoal certo :)

  104. Opa, chegou o resgistro. Karen, queria agradecer pela ajuda que ofereceu no seu blog. Com certeza está ajudando muita gente e é bem estruturado e útil. É difícil encontrar pessoas que se esforcem dessa forma, por isso, meus parabéns.

    • Oi, Elias! Que bom que deu tudo certo!
      Puxa, foram quase 90 dias para o seu registro, né?
      E agora? Você vai mandar para uma editora avaliar?

      • Sim, pretendo mandar para algumas editoras. Mas me falta tempo e dinheiro para arcar com as impressões. Me cadastrei em um site chamado Mesa do Editor, não sei se é um bom negócio, mas eles dizem aproximar mais os autores das editoras. Você conhece esse site?

  105. Olá , será que eu também posso registrar um nome artistico, sou palhaço voluntário no sesc de nova iguaçu. abraços e prazer em conhecela.

    • Oi, Antonio!

      Nesse caso, sugiro que você procure um escritório de “registro de marcas e patentes”.

      Abraços!!

  106. Ola Karen ,boa noite !
    Parabens pela materia e a forma atenciosa que vc responde a todos. Me tira uma duvida o livro precisar ser encadernado,ter prefacio,contracapa e etc?
    Posso falar do meu blog ?
    Ei se eu for no posto da minha cidade mesmo assim preciso pagar 20 reais ?Caso não ,então qual a função do posto avançado ?
    O da minha cidade da fechado pra obras !
    OBRIGADO ,E AGUARDO AS RESPOSTAS !
    BRUNO VALLE

    • Oi, Bruno!
      O livro não precisa conter capa, nem ser encadernado. Quanto ao prefácio, é você quem decide. Sugiro que inclua o máximo de texto que puder, para que o registro fique bem completo.

      No posto você paga o mesmo valor que pagaria pelo correio. A diferença é que você sai de lá em posse de um protocolo de recebimento, e não precisa pagar o envio.

      Abraços!

  107. Olá, Karen ! Fiquei mais tranquila depois que li suas informações. É complicado saber que o que levamos meses escrevendo, criando e revendo possa cair em mãos indevidas. Já tinha lido alguma coisa a respeito desse registro na BN e agora estou decidida a seguir em diante. Espero que tudo dê certo, para mim e para todos. Acredito muito no que eu fiz e eu quero que isto só me traga satisfação, não dor de cabeça. Meu livro já está “pronto” e já estou terminando de digitar. Está na hora de tirá-lo da gaveta!! Bjs, obridada!

  108. Gostaria de uma informar sobre uma pesquisa que enviei para Biblioteca Nacional, e na hora de digitar foram com alguns erros gramaticais e a na bibliografia ficaram faltando alguns site que faziam parte da pesquisa. Sera que terá algum problema .

    • A pesquisa é inteiramente acompanhada com fotos e descrita , pois o assunto é relacionado sobre um bio-fertilizante sobre uma planta.

    • Oi, Claudio!
      Pode ficar tranquilo, não tem problema se você fizer pequenas alterações no texto, como a correção de erros gramaticais, por exemplo.

      Abraços!

      • Karen deis de já obrigado, mais ficou uma duvida, e a bibliografia como fica pois o registro já saiu, eu mesmo posso fazer as alterações sem informar a biblioteca pois parece que terei que pedir novo registro sobre alteração junto a biblioteca.Se eu quiser alterar algo.

  109. Obrigado pelas informações, Karen. Estarei registrando a obra essa semana.

  110. Oi Karen, tudo bem?
    Eu tenho 16 anos e escrevo um drama desde agosto do ano passado, e como estou estava enrolando muito por isso ainda nao terminei, mas ja estou na reta final e espero terminar antes de agosto, mas o problema é que apesar de eu amar escrever niguem da minha familia sabe desse meu gosto, eu tenho um medo de falar isso pros meus pais por que nao sei o que eles vao pensar, mas como sou menor eu não posso registra-la, porem eu quero muito. O que devo fazer?!!

    • Oi, Thielly!

      Sinto dizer, mas a única forma de você fazer o registro é com a companhia de um responsável.
      Mas eu sugiro que você não fique sofrendo por antecipação! Se preocupe primeiro em concluir sua história, e não deixe que esse tipo de preocupação tire a sua atenção da parte mais importante, que é escrever.

      Beijos!

  111. Olá Karen, td bem? Vc sabe de algum programa bom para escrever um livro? Tirando o Word, o que poderia ser útil? Em português e que tenha corretor. :-)

    Obrigado.

    • Na minha opinião, o melhor programa é o Word, mesmo! Infelizmente eu não uso, já que escrevo num Mac. Mas, mesmo assim, recomendo!

      Eu escrevo no Pages, que é o programa de texto do Mac, mas sempre acompanhada de três dicionários online e um dicionário de papel. Então, depois de revisar o texto milhões de vezes, eu contrato um revisor profissional para fazer as correções finais.

  112. Karen, muito obrigado pelas dicas. O registro do meu livro chegou hoje e eu me senti no dever de agradecê-la novamente. Mais uma vez obrigado e parabéns pelo site.

    • Oi, André!
      Que bom que deu tudo certo!
      Muito sucesso pra você!!

  113. Olá, Karen!
    Parabéns pelo site.

    Estou enviando o material para o registro na ISBN. Gostaria de, enquanto isso, fazer a revisão com um profissional adequado.
    Você acha que indicado fazer dessa forma, ou tenho que revisar primeiro e só depois fazer o registro?
    Tenho pressa em publicá-lo e gostaria de ganhar tempo….

    Grata,

    Marisa

    • Oi, Marisa!

      É sempre bom revisar antes de registrar, mas, se depois do registro você tiver vontade de mudar alguns detalhes (como fazer correções ortográficas), não terá problema.

      Abraços!

  114. tenho três obras em fase de finalizção e finalmente encontrei um texto simples e objetivo sobre os procsdimentos de registro, parabéns pelo post vou indicalo a outras pessoas também, assim que eu publicar mando uma copi para vcs fazerem uma resenha valeu pela dica e desde já ganhou um visitante assiduo, até…

  115. Olá Karen. Parabéns pelo seu trabalho e iniciativa. Você saberia me informar se mapas desenhados pelo autor devem ser enviados à BN junto com o texto escrito ou precisam ser registrados separadamente como ilustrações? São mapas históricos de locais reais.
    Obrigado.

    • Oi, Kadú!

      Em primeiro lugar, você precisa avaliar se estes seus mapas não infringem algum direito autoral. Você fez eles com base em algum outro mapa já existente? Se fez, é bom tomar cuidado, porque isso pode dar um problemão.
      Bom, mas digamos que seus mapas sejam totalmente originais, você pode enviá-los junto com o texto. No novo cadastro do EDA há espaço para você assinalar a opção “ilustrador”.

      Abraços!

  116. Karen, primeiramente Boa tarde (15:53),

    Bom sou uma escritora iniciante e por isso estou cheia de dúvidas,
    mais a que mais me incomoda é essa:

    Estou escrevendo uma trilogia e só o primeiro livro dos três eu concluir até agora, antes de seguir para o segundo e assim chegar ao terceiro, gostaria de saber se posso registar o primeiro e os outros em seguida quando eu terminar a escrita digitalizada e principalmente se posso mandar para uma editora assim? Ou terei que registar todos os três de uma vez só e só assim mandar para uma editora? Pois as editoras só aceitam livros completos (mesmo sendo trilogia) ou não? Estou com essa dúvida a meses e ninguém me responde. Será que posso fazer tudo separado ou só posso fazer alguma coisa quando eu estiver com os três prontos? Você me ajuda? Fico agradecida desde já.

    Any,
    Abraço.

    • Oi, Any!

      Você pode fazer o registro de cada livro separadamente, não tem problema.
      Quanto à editora, já é uma questão mais complicada. Realmente, as editoras (convencionais) preferem histórias completas, mas nada te impede de enviar apenas o primeiro livro. Aliás, elas demoram muito para responder, então você pode enviar o primeiro enquanto se ocupa de escrever os próximos! =)

      Beijos!

      • Olá, Boa noite (18:49),

        Karen Soarele muito obrigada pela atenção, me tirou uma dúvida enorme sobre registrar (Agora sim kkk) uma trilogia e publicar, irei fazer isso que você indicou… Não gosta tentar. Foi muito importante a sua ajuda.

        Muito sucesso para você e que venha mais livros seus,

        Abraços!

  117. Eu criei um mapa e uma capa para meu livro. Queria saber se registrando o livro, enviando-as também, é o suficiente para garantir meus direitos sobre elas ou se preciso registrá-las separadas?

    • No cadastro novo do EDA há espaço para adicionar ilustrador. Mas você também pode registrar o mapa e a capa separadamente, ou ainda registrá-las em um cartório de sua cidade.

      Abraços!

  118. Olá Karen!!!
    Quero muito te agradecer pelas informações esclarecedoras que vc disponibiliza no seu blog. Elas ajudaram muito a mim e ao meu namorado pois, ele escreveu um romance e eu gostaria muito de ajudá-lo a registrar. É muito raro encontrar pessoas como vc, que estão dispostas a ajudar e prestar um nobre serviço a nova literatura brasileira. Parabéns e obrigada.
    Um abraço.
    Amanda e Bruno

  119. Muito obrigado pelas dicas! Escrevi um livro em 2004 e desde então deixei ele “na gaveta”, por não saber como proceder (na época eu tinha 18 anos), nem como registrar e muito menos publicar. No entanto, sempre gostei da minha narrativa e durante esses 8 anos eu vim ‘retocando’ ela, mudando coisas, acrescentando outras, enfim… e finalmente hoje, depois de enrolar muito, eu finalmente fui à BN fazer o registro. No entanto, duas coisas me preocuparam agora que tornei a reler seu post… a primeira é que, no papel que eu recebi da atendente, não costa o número do protocolo… ela apenas pediu que eu aguardasse os 90 dias. E a segunda coisa que me preocupou foi que, em uma das respostas, você disse que o livro deveria ser encadernado com espiral… uma vez eu li que isso não era necessário (não me lembro onde) e assim eu fiz… apenas levei as páginas rubricadas (na ordem, logicamente). Será que isso pode me causar algum transtorno?
    Mais uma vez agradeço pelas dicas. Abraços, Daniel!

    • Oi, Daniel!

      Essa preferência da BN por páginas soltas (sem espiral) é recente. Não se preocupe, você entregou da forma correta.
      Quanto ao protocolo, eu não sei o que pode ter acontecido. Mas não se desespere! Até hoje, eu sempre fiz o registro pelos Correios e nunca recebi o protocolo. Mesmo assim, nunca tive problemas.

      Abraços!

  120. Puxa, essa era a orientação que há muito eu buscava!
    Já tenho livro publicado (um, de poemas -Saltim-versos-2007). Gastei uma grana nessa primeira vez, agora vou seguir a tua dica. Valeu!!!!

  121. Olá, Karen Soarele!

    Parabéns pela publicação desse artigo! Depois de ler cada um dos comentários acima, restou-me apenas uma curiosidade: diga-me, por gentileza, o nome de algum livro seu já publicado, para que eu o possa comprar e ler. Percebi que, independente de como eram as perguntas, incluindo as repetidas, você as respondeu clara e educadamente. Muito bom! Tenho certeza de que também será uma grande satisfação desfrutar de uma obra de sua autoria.

    Obrigado e até mais!

    Nofidilen

  122. Olá Karen!

    Fiquei tão entretido com a leitura de seu artigo e dos comentários, que nem havia reparado no o link do seu livro, “Línguas de Fogo”, na coluna à direita. rsr
    Enfim, serei mais um comprador…

    Até mais ver!
    Nofidilen

    • Oioi!

      Então, eu tive várias das dúvidas que o pessoal levanta aqui nos comentários. Para mim é ótimo poder ajudar! =)
      Muito obrigada, fico feliz em saber de seu interesse! Meu livro pode ser adquirido no site http://www.cronicasdemyriade.com.br/compre
      Você também pode ler o primeiro capítulo, ali na barra lateral. Espero que goste!

      Beijos!

  123. Mandei duas músicas para registrar, em março, hoje, julho, não recebi os certificados. Liguei duas vezes e mandei uns seis e-mails e nada.

    Serviço bem meia boca o da BN. Fico com o pé atrás, agora.

  124. Oi Karen… Eu escrevi um livro e agora estou escrevendo outro, mas ainda não registrei! Mesmo lendo como registrar, ainda assim acho muito complicado! Preciso de ajuda, por favor, me diz aí o que eu faço…

  125. Olá Karen Soarele! Prezada, sei que existe uma batalha que diz respeito à venda dos livros mas minha maior dúvida é simplesmente como assegurar o real direito sobre a obra. Entendo que você está ensinando justamente isso aqui. Gostaria de saber, também, o seguinte. Vamos supor que eu tenha uma mina de ouro nas mãos, pois é, todo escritor acha que sua obra é boa e alguns como eu já pensam que têm uma mina de ouro mas, ok, vamos apenas supor que minha obra seja mesmo uma mina de ouro, de tão boa. Então, vamos supor que eu encaminhe a obra, seja pelo correio, seja pessoalmente, para a Fundação Biblioteca Nacional. Primeiro, quero colocar aqui que nem conheço a FBN e nem sei se existem outros lugares onde se possa registar um livro, quem sabe o INPI, sei lá. Então, se não conheço, não estou denegrindo ou querendo falar mal, apenas cogitando o seguinte: existe a possibilidade de, durante o processo de registro, alguém perceber que é mesmo uma mina de ouro e registrar no nome de outra pessoa? Porque se isso acontecer então já era, não terei como provar que eu sou o autor da obra. Obrigado pela sua atenção!

    • Oi, Arthur!
      Pode ficar tranquilo, porque eles nem lêem o que vão registrar. Eles apenas arquivam com a data do registro, para uso posterior, se necessário.
      Na verdade, a maior chance é de que você nunca venha a precisar desse registro. Esse tipo de furto é muito incomum. O registro é feito mais por uma questão de desencargo de consciência, mesmo.
      Pode registrar, sem medo!

      Abraços!

  126. Iiiih, gente! Eu troquei de layout e agora não sei onde clicar para responder diretamente a um comentário…

    :S

  127. Opa, já descobri! Vou ter que responder pelo administrador, mas tudo bem… lá vou eu! =)

  128. Boa noite Karen Soarele,
    Gostaria de saber se a alguma BN localizada em Manaus ?

  129. Oi, querida.
    Obrigado pelas dicas. Você foi muito corajosa. Espero seguir os seus passos. E que você tenha muita sorte. Vou ler todos os seus livros. Adorei a sinopse. Gostaria de te agradecer pessoalmente, ter dar um presente e disser que o que você fez é muito importante para muitos escritores covardões como eu. Vou seguir o seu exemplo com muita coragem, a partir de agora. Quero deseja tudo de bom e manter contato.
    Muitos beijos

    • Oi, Aline! Muito obrigada!!!
      Não querendo fazer jabá, mas já fazendo… meu livro está na promoção para o Natal!! =D Está apenas R$ 25, já com frete.
      Veja aqui –> http://www.karensoarele.com.br/livros
      Beijos!

  130. Olá Karen!
    Escrevi meu primeiro livro há algum tempo atrás, agora estou tentando entrar no site da Fundação Biblioteca Nacional, mas não estou conseguindo! O que será que aconteceu?

  131. Ah e eu tbm não estou em condições financeiras muito boas para públicar o meu livro em uma editora cara. O meu sonho, não vou mentir é a editora Rocco, mas nem tudo é do jeito que agente quer, tenho dezessete anos! E venho me decepcionando cada dia mais com o mundo da mídia e de suas dificuldades.Agora voltando ao assunto, vc conhece alguma editora que poderia se interessar pelo meu livro e queira o publicar mesmo não recebendo nada de primeira, mas sim, pegando uma pequena porcentagem do lucro que eu ganhar com as vendas do próprio? Para mim seria muito melhor!

    • Oi, Pedrigo!
      Sendo bem sincera, não existe uma editora que vá pegar “uma pequena porcentagem do lucro” que você conseguir. Primeiro porque em livro de escritor iniciante não há lucro.
      Segundo, porque nos casos das editoras tradicionais (em que você NÃO paga para publicar), você, como autor, vai receber no máximo 10% do valor de capa. Ou seja, se o seu livro for vendido por R$ 30, você vai ficar apenas com R$ 3 de cada exemplar. A maior parte fica com a livraria, um pouco com a gráfica e o resto com a editora.

      • E vc acha que compensa? Como você publicou o seu?

        • Eu paguei para publicar. Foi caro, mas valeu muito a pena! Ainda não comecei a ter retorno financeiro, mas o resposta que estou recebendo dos leitores é tudo o que eu sonhei!

          Aí você tem três opções, que vão depender do quanto você está disposto a investir:
          - Contratar uma editora prestadora de serviço (+ caro)
          - Fechar um acordo com uma editora que faça parceria com o autor (Você vai ter que pagar uma parte, e eles podem pagar outra. Mas isso depende da aprovação deles. – Indico a Modo e a Giostri)
          - Caso você não tenha condições de investir numa parceria, ou caso não encontre uma editora que se identifique com a obra, ainda pode publicar sob demanda (PerSe e Clube de Autores). O maior problema aqui é que o custo unitário do livro vai lá nas alturas.

          De qualquer forma, você precisa revisar o texto muitas vezes, até ter certeza absoluta de que vai valer a pena investir seu dinheiro e, principalmente, o seu tempo.

          Espero ter ajudado! Muito sucesso, e depois me diga como decidiu fazer! =)

          Abraços!
          Karen Soarele

  132. Oi, Karen; vejo que muitos escritores de primeira viagem possuem o mesmo receio: Ter seu original furtado! Li uma dica do escritor Sid Field (Manual do Roteiro) em um blog, que podemos fazer uso de um procedimento simples, e aceito pela justiça em caso de furto de sua obra. Consiste em enviar uma cópia de seu original para você mesmo através dos Correios, em envelope lacrado e registrado, e quando receber, não abrir, guardando para eventual necessidade em comprovar sua autoria. A justiça costuma aceitar a data de postagem como prova. Não sei se este é um bom conselho mas achei interessante, e uma forma de se resguardar; O que você acha?

    • Oi, Marco!
      É uma ideia interessante, mas um pouco contraproducente. Enviar para o EDA é fácil e seguro. Eu aconselho a registrar.
      Abraços!

  133. Bom dia , Karen Soarele ! No meu caso tenho tres obras para registrar com o mesmo nome O RIO . O RIO – Volume 01 Momentos da Vida , O RIO -Volume 02 Vida em Branco, O RIO – O Acaso. Teria eu que registrar separadas os titulos, e no cadastro colocar no Titulo da Obra: preecher como por exemplo O RIO – Volume 01 Momentos da Vida. ? Minhas obras são de 500 paginas cada, posso mandar as 03 obras em um só SEDEX com os tres registros? E o pagamento tem que ser feito em separado para cada obra? Sei que tenho que rubricar todas as paginas, a ultima pagina tem que ter minha ssssinaturas ou so a rublica? Sandra

    • Oi, Sandra!
      Se você quiser economizar um pouco de dinheiro e de dor de cabeça, faça o seguinte: registre uma só obra, com o título “O RIO”, e divida ele em três partes. Em questão de registro, isso não vai te atrapalhar em nada, e você pode publicar separando os três livros.
      ;-)
      Abraços!

  134. Oi Karen !
    Antes de tudo, queria dizer que você é muito bonita e escreve super bem :)
    Bem, eu sempre gostei de escrever, escrevia “histórias virtuais” em sites por aí, porem,
    nunca tinha pensado em levar isso a sério. Agora, estou pensando em escrever um livro, registrar, publicar … moro em Brasilia, a Biblioteca Nacional fica do lado da Catedral, mas eu gostaria de poder conversar melhor com você .. Me informar um pouco mais sobre como deve ser feito todo o precedimento para registro da obra, e além do mais, ja que você tem um livro, gostaria de algumas dicas, técnicas, sobre como escrever .. Você tem um e-mail, Msn, para que possamos conversar ??
    meu e-mail: kamillasoares.2012@hotmail.com.

    Muitooo obrigada pela atenção, e Sucesso pra você :DD

    • Oi, Kamilla!
      Desculpe a super demora em responder! Mande um e-mail pra mim que a gente conversa! :) contato@karensoarele.com.br
      Você também pode me adicionar no Facebook.
      Abraços!

  135. Olá, Karen.
    Acho muito gentil de sua parte se dedicar a responder as dúvidas das pessoas.
    Parabéns.
    Minha dúvida é: Posso citar figuras histórias (como Leonardo da Vinci, talvez até usa-lo como um personagem secundário), bandas, jogos, livros e citações de outros escritores sem suas devidas permissões? Ou preciso pagar para cita-los?
    Muito obrigado.

    • Oi, Jonas!
      Você pode citá-los, sim. Mas é sempre importante colocar os devidos créditos. Se não der pra fazer isso no próprio texto, é interessante colocar no final, em um anexo.
      Abraços!

  136. “o comprovante de pagamento, grampeado na guia já paga”

    Você quis dizer para grampear o comprovante junto com o requerimento ou só colocar ele no envelope com a obra, requerimento, documentos e tudo mais? O.o

    Ah, antes de terminar, quero agradecer esse seu guia! O melhor que vi até hoje!

    XD

    • Oi, Neto! Obrigada!
      Bom, minha resposta está bem atrasada, mas lá vai:
      Eu quis dizer para imprimir a guia (o boleto), e grampear o comprovante de pagamento. Digo isso porque é TANTO papel que vai no envelope, que é melhor grampear o comprovante para não perder.
      Abraços!

  137. Olá, Karen.

    Supondo que eu quisesse usar uma ilustração sua, devidamente adquirida, obviamente, para ilustrar a capa (ou até mesmo o conteúdo) de um livro que pretendo editar, como consigo acertar os detalhes com você?

  138. Karen deis de já obrigado, mais ficou uma duvida, e a introdução de alguns sites na bibliografia como fica pois o registro já saiu, eu mesmo posso fazer as alterações sem informar a biblioteca pois parece que terei que pedir novo registro sobre alteração junto a biblioteca.Se eu quiser alterar algo.

    • Oi, Claudio!
      Desculpe, não entendi a pergunta.

  139. Olá, Karen!
    Adorei seu post!
    Tenho uma dúvida: escrevi um conto infantil e tenho o texto já em formato de livro, com ilustrações minhas. Nesse caso, devo enviar para registro uma cópia xerox colorida das páginas do livro ou devo enviar só o texto?
    Vi que o formulário permite colocar dados do ilustrador, mas pergunto isso porque logo após o registro vou buscar uma editora pra publicar a história e, pelo que entendi, as editoras não gostam de autores que mandam ilustrações.
    O que acha?
    Abraços,
    Rosaura

    • Oi, Rosaura!
      Se você fez as ilustrações, provavelmente vai querer colocá-las no livro, né? =) Todo mundo diz que as editoras não querem receber ilustrações junto com o texo, mas nada impede que você mande um comentário dizendo que já fez ilustrações e há a possibilidade de usá-las.
      Bom, mas em relação ao registro, você pode mandar tudo junto, sim. Não vai ter problema nenhum se a editora publicar sem as ilustrações.
      Abraços!

  140. Karen, seu post realmente foi/é muito útil, parabéns!
    Com relação a esse prazo da Biblioteca Nacional, de até 90 dias, como realmente ele se dá? Digo, normalmente demora mesmo isso tudo? Nas suas experiências, foram quanto tempo?
    Indo entregar pessoalmente faz diferença nesse prazo?

    Muito grata e sucesso!

    • Oi, Jamile!
      O prazo é sempre o mesmo, mas eu já recebi em menos tempo. Vai depender do volume de trabalho que eles têm lá dentro na época.

  141. Eu preciso de uma ajuda, gostaria de saber se você tem alguma dica para os erros de português. Será que existem profissionais que os corrigem ou eu posso registra-lo dessa maneira e depois ir modificando com o tempo. Se eu registrar com erro de português eles vão ficar?? D: Ou se eles corrigem os erros lá?? Não sei sobre esse assunto :\

    • Oi, Victor!
      O pessoal do EDA não faz serviço de correção gramatical. Você deve entrar em contato direto com um profissional dessa área. Eu indico o Fabrícius Viana Maia, que fez a correção do meu livro.
      Abraços!

  142. Olá. Karen, você acha fundamental o registro de uma capa de livro? Gostaria de registrar a minha e alguns desenhos, mas sairia muito caro. Será que existe algum outro lugar onde eu possa registrar ou resguardar minha autoria, como o cartório, por exemplo?
    Desde já, obrigado.

    • Oi, Elias!
      Você pode registrar as ilustrações no próprio EDA, sob o gênero “Personagem / Desenho / Fotografia”, código “14″. Também pode registrar no cartório.
      Abraços!

  143. Olá Karen, não tenho a minha obra ainda registrada, mas gostaria de saber se eu poderia mostrá-la a você, com o objetivo de saber como o público aceitaria, se seria bem absorvido pela sociedade, etc..Pois apesar de eu ter parado, tenho em pensamento, após determinado tempo, apenas trabalhar com poesias, podendo ter maior disponibilidade para trabalhar sobre elas. Grato.

    • Oi, Flávio!
      O meu tempo anda muuuito corrido, tanto que mal consigo responder os comentários aqui no blog… Por isso eu não estou recebendo textos para ler. Mas você pode me adicionar no Facebook, e a gente bate um papo em relação às suas ideias! =)
      Abraços!
      Karen Soarele

  144. Parabéns Karen, mto bom seu blog!

  145. Karen,

    Após deixar todas as folhas assinadas do original no EDA, o que impede de alguém lá no Rio de Janeiro simplesmente gostar do livro, da ideia e desaparecer com tudo, recusando o pedido de registro? Ou simplesmente argumentar extravio… O comprovante que recebemos diz apenas o nome do livro e outros dados que não provam nada a respeito do conteúdo. Até o registro sair a ideia está totalmente vulnerável a furto. O que você pensa a respeito disto? O órgão é serio, mas estamos no Brasil, não é mesmo?

    Obrigado

    • Oi, Daniel!
      Pode ficar tranquilo em relação a isso. Pense na pessoa que trabalha como caixa em um banco. Nas mãos dela, passam milhares de reais todos os dias. E o que acontece? A seus olhos, tornam-se apenas papéis coloridos. É parte do dia a dia.
      É o mesmo no EDA. Eles recebem incontáveis papéis com ideias maravilhosas dentro, e tudo o que fazem é protocolar. Nunca ouvi falar de um livro “sumir”.
      Pode mandar, sem medo.
      Abraços!

  146. Olá,primeiramente muito obrigado por essas dicas,deveras valiosas.
    Porém tenho uma dúvida,eu não tenho um livro formado,pronto.
    Tenho apenas poemas avulsos…
    Minha dúvida é a seguinte: se eu tiver 10 poemas,eu pago cada um que eu mandar 20 reais ou posso mandar todos de uma vez e pagar um único preço?
    Grato!

    • Oi, Marcos!
      Desculpe a super demora em responder. Andei bem corrida com a divulgação do meu livro nesses últimos tempos.

      Respondendo à sua pergunta, você pode registrá-las separadamente (vai sair mais caro), ou em coletânea (paga o preço uma única vez, sai mais barato).
      No caso ca coletânea, você vai precisar criar um sumário, listando o título de todos os poemas. E vai precisar também de um título para a coletânea em si.

      Espero ter ajudado. Abraços!

  147. Bom dia!

    Olha, sua explicação é mais esclarecedora do que a do site da BN. Eu mesmo tinha dúvidas quanto a valores da tabela de averbação e dos do ISBN.

    Muito bom seu post!

    • Puxa, obrigada! :)
      Abraços!!

  148. Parabéns pelo excelente trabalho. E Obrigado pela grande dica…

  149. Oi, Karen! Obrigado pelas dicas, e seguindo-as, registrei meu livro. 285 páginas supercondesadas em arial 10 e espaço simples, sem espiral(folhas soltas). Paguei 30 reais no correio (sedex+envelope aprova d’gua). Depois de 60 dias recebi o registro do meu livro, sem dor de cabeça alguma. Assim, depois de três anos, 490 páginas, o 1º livro da saga “O Mestre das Armas Sagradas – A Marcha das Sombras” Está pronto. Agora é só publicar. Não preciso dizer que sou seu fã; Muito Obrigado e boa sorte na sua caminhada! Abraço.

    • Oi, Marco! Que legal!! Parabéns, que venham muitos leitores!
      Abraços!

  150. No meu caso Karen, eu queria registrar um texto avulso, é o mesmo procedimento?

  151. Oi, Karen parabéns pelas suas dicas.Foi muito útil para mim.Já escrevi meu primeiro livro,que se chama: ( A HORA DA VERDADE ) estou trabalhando em outro,tenho mais dois projeto,um é uma biografia e optei pelo romance curto e objetivo estilo filme, e estou a procura uma parceria alguém que se indentifique com minhas ideias. meu contato: (53) 91-26-11-35 muito obrigado e aguardo sua resposta. Vou manda o email do meu subrinho. jonatan_m_lindo@hotmail.com caso alguém queira parceria comigo,

  152. Olha, não só gostei dos seus posts, mas também do lindo rostinho…. Me desculpa se tens compromisso; Estou apenas admirando-a.

  153. Karen o registro assegura o numero do ISBN? POR QUE MEU LIVRO TRATA-SE DE UM LIVRO PROFISSIONAL, QUERIA SABER SE VEM COM ISBN POIS EM CONCURSOS E COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA É PEDIDO ESSE NUMERO.

    • Oi, Ana Karina!
      O registro de direito autoral NÃO vem com ISBN. Eu explico a diferença entre os dois no segundo vídeo que adicionei recentemente a esse post. Você pode assistir ali em cima (nessa mesma página).
      Beijos!

  154. Karen, boa noite!

    Primeiramente quero te parabenizar e agradecer pelas valiosissimas dicas. Muito útil!
    Mas me surgiu uma dúvida, no início você diz para não encadernar e em uma das perguntas vc diz para encadernar com espiral. Qual é a mais indicada?

    Muito obrigada!

    • Oi, Simone!
      A informação mais atual é: não encaderne.

      Abraços!

  155. Olá Karen, eu não tenho que enviar o texto do livro? É só o título? E as gravuras que compoem o livro?
    Grata

    • Oi, Ana!
      Precisa envia o livro, sim. Para obra não publicada, um exemplar (imprimir em folha A4 e NÃO encadernar). Todas as folhas devem ser rubricadas.
      Para obra publicada, enviar dois exemplares. Um deles com todas as folhas rubricadas (vai para a Biblioteca Nacional), e outra sem rubrica (para o Depósito Legal).
      Não precisa reconhecer firma.

      Mande as gravuras também, e não esqueça de incluir o ilustrador no formulário.
      Abraços!
      Karen

  156. Olá, adorei seu post, foi muito bom para eu entender algo que para mim é totalmente novo.
    Eu estou escrevendo ainda, mais já estou pensando no registro pois sei da importância dele.
    Obrigada mais uma vez, muito bom.

  157. Muito obrigada pelo post, me ajudou muito.
    Você é muito generosa e o universo vai te retribuir…
    Beijos, namastê!

  158. Karen, conclui meu livro e estou fazendo conforme suas dicas, muito úteis por sinal, tenho você no Facebook, mas vou perguntar por aqui mesmo: O que faço primeiro, pago a guia no banco ou envio o Sedex? Os documentos pessoais (cópias) vão juntos no mesmo Sedex? Preciso encadernar para enviar ou as folhas vão avulsas?

    Por enquanto, obrigado.

    • Oi, Odilon!
      Desculpe a demora em responder.
      Você primeiro paga a GRU. Tire uma xerox do comprovante de pagamento e guarde com você.
      No envelope, você vai mandar tudo junto: o comprovante de pagamento ORIGINAL, as cópias de todos os documentos e a obra com todas as páginas rubricadas. Não encaderne, é pra mandar as folhas soltas.

  159. Outra pergunta Karen: Qual Editora você sugere? em qual começou e quanto desembolsou? Existe a possibilidade de eu lançar meu livro pela mesma editora sua?

    • Oi, Odilon!
      Eu publiquei pela minha própria editora, mas por enquanto não estou pegando livros de outros autores para publicar, pois preciso organizar a casa primeiro :)
      Por algum motivo que não sei explicar ao certo, sinto uma predileção pela editora MODO, e sugiro que você converse com eles. Mesmo assim, faça MUITOS orçamentos antes de publicar, pois o valor varia absurdamente.

      Abraços e sucesso!!
      Karen

  160. Karen, boa noite, estou em termino no curso de técnico do meio ambiente, em minha cidade ai vem minha duvida, registrei minha pesquisa como obra inédita e agora penso em fazer dela meu TCC, existe algo que me empeça em relação a EDA, estarei transandino alguma lei, que venha ser prejudicial a minha pessoa. Obrigado deis de já.

    • Oi, Claudio!
      De forma alguma. O TCC, como obra científica, precisa mesmo se apoiar em outros materiais. O importante é você fazer as citações corretamente, colocando todas as fontes no Referancial Bibliográfico.
      Abraços!

  161. Vassouras, 28 de setembro de 2012.

    Suas informações foram muito úteis. Minha mãe já faleceu em 15/11/1995 e tinha um caderno de poesias com cem páginas escrito por ela quando tinha 16 anos que ela deu o título de “Saudades”, tenho mais 04 irmãos, será que posso registrá-lo.

    Obrigada pela atenção.

    • Oi, Débora.
      Infelizmente, eu não vou saber informar em relação a registro de obra póstuma. Nesse caso, sugiro que você entre em contato direto com o EDA.
      Abraços!

  162. Ola!
    Adorei seu post, e estou utilizando para referencia para publicação do meu material, que alias é sobre ele que queria pergumtar. Trata-se de uma obra cientifica baseada em materiais cientificos como livros, manuais do ministério da saude e outras fontes, sendo que as mesmas são citadas nas referências. Tem algum problema eu registrar ou existe uma forma diferente de registrar, porque na verdade não é minha intensão ter direitos autorais mas sim uma comprovação de criação e elaboração de material didático(no caso para enfermeiros e estudantes de enferrmagem) para poder colocar no meu curriculo.

    Muito obrigado!

    • Oi, Leandro!
      O registro é igual ao de livro, você apenas vai colocar o gênero “Técnico / Científico”, código “6″. Apenas se lembre de fazer as citações direitinho, colocando as fontes no Referencial Bibliográfico.
      Abraços!

  163. e se eu quiser a aprtir do meu livro adapta-lo para roteiro de cinema, posso normalmente ou seria melhor logo registralo como roteiro ou arguumento?

    • Oi, Mariano!
      Você vai precisar de dois registros: um para o livro; e outro para o roteiro adaptado.

      Abraços!

  164. Prezada Karen!!

    Seu post me ajudou bastante, e desde já a agradeço, mas enfim, é necessário corrigir o livro inteiro, palavra por palavra, para poder enviar a Fundação Biblioteca Nacional?
    O corrigir que digo é: aperfeiçoar a gramática.

    Atenciosamente,
    Gabrielly Sant Anna

    • Oi, Gabrielly!
      É muito importante aperfeiçoar a gramática ANTES de enviar. Mas isso não impede que você faça uma ou outra mudança depois.

      Abraços!
      Karen

  165. eu tenho 14 anos, e já estou escrevendo meu primeiro livro. o meu maior sonho é publicá-lo, o livro de ficção que me fez enlouquecer. passei anos lendo livros, assistindo filmes de ficção para inspirar-me um pouco. sou José lucas e em breve terei meu livro publicado….

  166. sou eu José Lucas. hoje estava terminando o capitulo novo do meu livro: A passagem. o capitulo mais esperado é: a noite na floresta. Karen Soarele quero que leia este recado, pois se responder prometerei mandar uma paragrafo do meu novo livro. eu não falo o titulo, pois outras pessoas podem copiar. esperando sua resposta… José Lucas!!!!

  167. Karen quero perguntá-lhe algo: como você escreve as partes emocionantes de seu livro. como usa as palavras para descrever as coisas emocionantes de seu livro, se é que há algo de emocionante nele. responda-me… José Lucas.

  168. quantos anos durou para que você escrevesse seu primeiro livro. quantas paginas escrevia por dia. tinha alguém presente enquanto escrevia. na minha casa há pessoas assistindo TV enquanto escrevo, é impossível tirá-los de lá. mas tenho determinação e mesmo assim escrevo… responda-me José Lucas o escritor de livros de ficção.

  169. tenho mais uma pergunta: você ganhou muito dinheiro com a publicação de seus livros… José Lucas..

  170. tenho mais uma pergunta: você ganhou dinheiro depois da publicação de seu livro.. responda-me… José Lucas

  171. Prezada Karen Soarele, eu vi o seu livro: Línguas de fogo. espero ler algum dia, alias eu vou comprá-lo no dia do meu aniversário…. José Lucas

    • Oi, José Lucas!
      Desculpe pela demora em responder você! São várias perguntas, aqui vão as respostas:

      1- Antes de escrever as partes emocionantes dos meus livros, eu tenho um pequeno ritual: eu saio de frente do computador, vou a um lugar onde ninguém me veja (pra não passar vergonha, rsrs), fecho meus olhos e me imagino dentro da cena. Isso é suficiente pra eu SENTIR a cena, como os personagens estão e o que vão fazer. Depois eu sento e escrevo :)

      2- Eu levei muitos anos criando o universo onde minhas história se passa. Ele é bem complexo, e algumas coisas acabam ficando de fora dos livros (vou explorando o mundo aos poucos). Mas, para sentar e escrever, levei aproximadamente um ano.

      3- O número de páginas por dia depende muito do dia. Em dia de semana, eu escrevo só à noite, quando estou em casa (de dia eu trabalho como ilustradora), e escrevo de meia a três páginas. É pouco. Por isso, nos fins de semana eu tiro o atraso! :)

      4- Eu não consigo escrever com a TV ligada, e admiro muito você por conseguir! Muitas vezes estou acompanhada pelo meu noivo, mas ele fica mexendo no PC e não me atrapalha. Pelo contrário, de vez em quando ele coloca algumas músicas instrumentais para tocar, o que ajuda bastante! Eu gosto de ouvir o tema do Senhor dos Anéis enquanto escrevo.

      5- Eu não ganhei dinheiro com meus livros. No Brasil, é muito difícil ganhar dinheiro com isso, eu escrevo por amor.

      6- Aproveite que Línguas de Fogo está na promoção até o Natal!!!! :D Você comprar direto comigo: http://www.karensoarele.com.br/livros

      Muito sucesso com seu livro!!! Não tema os desafios, porque o sucesso pertence aos destemidos.
      Beijos!
      Karen Soarele

  172. responda-me

  173. Oi Karen, estou concluindo meu projeto, um livro infantil com história e ilustrações e tenho uma dúvida quanto ao preenchimento do formulário: devo preencher como desenho ou como conto? Agradeço se me responder por e-mail. Um bjo, valeu!

    • Oi, Adriana!
      Em primeiro lugar, as ilustrações são feitas por você ou por outra pessoa?
      Preencha como conto. Então, no espaço para colocar seus dados pessoais, você marca a opção “Autor” e “ilustrador”. Ou, no caso das ilustrações serem feitas por outra pessoa, ela entrará como um segundo requerente. É só adicioná-lo no mesmo formulário.
      Abraços!

  174. Estou muito contente com suas explicações que me foram de grande ajuda. Gostaria que respondesse a uma pergunta;Tenho participado de concursos literários, sem que tenha sido registrado meus’ Contos’ Isso é valido?espero sua resposta. beijos!

    • É sempre bom registrar. Mas, se você preferir, pode esperar ter um conjunto grande de contos, pra registrar tudo de uma vez só :)

  175. olá Karen! parabéns pelos videos e pela simpatia.bom,mais estou aqui para lhe fazer uma Simples pergunta creio eu, estou escrevendo e próximo de finalizar um livro de termas filosófico,mais nâo sei como posso enviar ele,com qual genero mando ele, grandes pensadores kkkkk pode me ajudar? grato des de já,beijos.parabens… pelo livro…

  176. Olá, acabei de receber o registro do meu livro de ficção científica, que registrei seguindo suas orientações, estou muito contente, agradeço pelas dicas que foram muito úteis, como sou de São Paulo, preferi entregar pessoalmente. Nome do livro GUERRA DE GIGANTES.

    • Que bom!! Parabéns e muito sucesso! :)

  177. Posso imprimir o livro frente e verso ou não?

    • É melhor não.

  178. muito útil esta página. Eu queria perguntar o seguinte, pode parecer pergunta besta mas é só pra ratificar o que você explicou muito bem:
    no caso se eu já tiver os livros prontos em gráfica, com o ISBN e a ficha catalográfica, é enviado pra BN dois exemplares , como você falou, certo? Junto com os outros documentos que você listou, no caso no livro pronto e impresso em gráfica não precisa rubricar nada, só rubrica se forem os originais mesmos. É assim?

    • Oi, Sil!
      Sua pergunta não é besta, pelo contrário! Ela é muito pertinente!!

      Para a obra publicada, você vai enviar dois exemplares. Um deles você precisa rubricar todas as páginas, e o outro não.

      Beijos!

  179. Karen, parabéns e muito obrigado por ser tão objetiva na sua explicação.

    Você me ajudou bastante.

    Luiz Antonio.

    • Que bom que ajudei! Qualquer dúvida é só perguntar.

  180. Olá karen!
    Gostaria de formatar um romance para registro no EDA. Você poderia me ajudar enviando me,algumas dicas ou modelo?
    Gostei muito de suas orientações
    Ass. Beto Simões(compositor)
    Entre no GOOGLE e digite BETO SIMÕES, depois clique na foto do Romário para abrir o link.. Ouça “Avante Brasil” de minha autoria.

  181. Como consigo ilustraçoes para meu livro?

    • Depende muito. Caso você sonhe em publicar com uma editora tradicional, não se preocupe com as ilustrações, porque eles é que vão cuidar de tudo.
      Se for publicar por conta própria, em uma editora prestadora de serviço, você pode ou fazer através deles, ou entrar em contato direto com o ilustrador.
      Ilustrações são cobradas por unidade.

  182. Vc é uma gracinha , menina …espero ter exito tb com minhas publicações !

  183. Rs, acho q ver seu vídeo meu deu sorte,acabei de receber a noticia de aprovação para uma antologia !
    Beijos e parabéns pelo serviço de ajuda a todos escritores engavetados !

    • Que legal!!!! Parabéns!

  184. Oi, uso seu post sempre que preciso registrar alguma nova obra. Muito bacana. Parabéns!

  185. Olá, gostaria muito de entrar em contato com vc,rsrs estou totalmente perdida, me aventurei a escrever um conto infantil, uma amiga está fazendo a digramação e outra pessoa está fazendo as ilustrações, e agora qual próximo passo? se puder me responda,senod que já vou providenciar tdo pra encaminhas pra Biblioteca nacional. gde abraço.

    • Oi, Fabiana!
      Quando você for enviar para registro, a ilustradora precisa aparecer como requerente também. Preencha a ficha com atenção, e você vai ver que tem espaço lá pra isso. :)

      Beijos!

  186. Disposições finais: Todos os requerentes devem assinar. Oi, quero agradecer primeiramente pela ótima postagem e por iluminar a vida de muitos altores. A minha pergunta é o que é essa disposição final? Quem tem que assinar? Sou eu? Como faço?
    Obrigado.

    • Oi, Emerson!
      Se você é o único requerente, só você assina.
      Algumas obras possuem mais de um requerente. Por exemplo, quando inclui o trabalho de um ilustrador, fotógrafo, coautor, etc.

  187. KAREN AMEI O POST A DOIS ANOS ESCREVI UM LIVRO PARA O MEU FILHO , E SEMPRE TIVE VONTADE DE PUBLICA-LO MAIS NÃO FAZIA IDEIA COM ,VALEU A DICA ASSIM QUE ELE SAIR MANDO UM EXEMPLAR PRA VOCÊ E UMA PARA SORTEIO NO BLOG ,BEIJINHOS VALEU… SIL

    • Muito obrigada, Silvana!
      Sucesso!! :)

  188. Olá, Karen!
    Seu post é fenomenal! Muito útil e atencioso.
    Obrigada por compartilhar conosco.

    Tenho uma dúvida com relação a publicação da obra: Se alguns textos ou contos que compõem o livro que desejo publicar já foram disponibilizados para leitura em um site na web, isso contará como publicação quando for preencher o requerimento de registro do livro? E a obra continua sendo inédita se já foi divulgada na internet antes do registro?

    Agradeço muito a atenção.

    • Oi, Luciana!
      Para o registro no EDA, a obra publicada só na internet ainda é considerada inédita.

      Isso muda em relação a alguns concursos e prêmios literários, onde são exigidos textos inéditos, e eles vetam aqueles que já foram publicados na internet.

      Beijos!

  189. Olá Karen, amei suas explicações, escrevi, registrei na biblioteca nacional mas a editora que imprimiu meu livro não colocou o ISBN, fui obrigada a aceitar o livro assim uma vez que ja havia pago a impressão. Será que ainda é possivel colocar o ISBN ? Tenho um blog tinacoelho.blogspot.com visite e veja o que vc acha? Você é uma jovem muito talentosa e inteligente, parabéns pelo sucesso. um abraço amigo Cristina Coelho

    • Oi, Izabel!
      Olha, eu nunca ouvi falar em colocar ISBN em livro já impresso. Mas isso não quer dizer que seja impossível, né? Sugiro que você pergunte direto na Agência do ISBN.
      De qualquer forma, o número do ISBN tem que aparecer na capa e no miolo do livro. Se você for adicionar, vai dar um pouquinho de trabalho.

  190. karen, tenho 5 livros de histórias destinadas ao público infantil, não são histórias longas, são poucas páginas, tem alguém interessada em publicá-las, mas elas ainda não são registradas na bn e como vi demora muito até chegar o registro, posso entregá-las assim mesmo? Ah!Posso registrá-la na biblioteca pública do Estado de Pernambuco, pois moro no Estado de Alagoas e em Pernambuco é mais perto. Desde te agradeço

    • Oi, anelita!

      Faz o seguinte: registre a história como sua autoria em algum cartório da sua cidade. No momento, isso vai servir pra você.
      Mesmo assim, não deixe de enviar para a BN!

      Beijos!
      Karen Soarele

  191. karen muito grata pela sua resposta. Que Deus te cubra de bençãos! Anelita

  192. Olá Karen.
    Gostei muito daqui, Parabéns.
    Pode me exclarecer por gentileza se os direitos autorais do autor de um livro também incluem direitos sobre o personagem que ele criou na obra?

    Agradeço sua atenção.

    • Oi, Wilson! Inclui sim. Mas é importante ressaltar que só inclui o que está NO LIVRO. E só inclui o personagem como um todo, e não suas partes.

  193. Olá Karen.
    Obrigado pela atenção.
    De modo mais específico, minha dúvida é a seguinte:
    Imagina que criei um personagem tal como “O bêbado poliglota”.
    Esse personagem me pertence?
    Alguém pode escrever um novo livro com uma história diferente
    …ou rodar um filme com esse personagem?
    Não existe nada a mais que se deve fazer no momento de requerer direitos sobre a autoria do livro, quando se almeja direitos sobre o personagem?

  194. Oi, Wilson!
    Apenas o nome do personagem não é o suficiente pra você reclamar seus direitos autorais. Mas, se alguém fizer uma história com um personagem que seja exatamente igual ao seu, com as mesmas características, mesmo passado, mesmo tudo… Aí sim, você pode brigar pelos seus direitos.
    O registro é a prova de que tudo o que aquela obra contém é de sua autoria.

  195. Acho que entendi.
    Muito obrigado pela atenção.
    Continue brilhando…e que Deus te abençoe.
    Abraços.

  196. ola! Karen… muito obrigado pela explicação,ajudou muito.estou escrevendo um livro filosófico de sentido crítico a sociedade,mesmo sedo um livro de linguagem profundo devido a minha possessividade por escrita erudita,esto deixando ele bem harmonioso,com alguns “ruídos” bem críticos.já estou a tres meses escrevendo.bom,já tenho um total de 187 paginas,mais umas 20 tenho uma finalização.gostaria que você pudesse manda seu livro “língua de fogo” com um autógrafo seu.me envia o numero da conta que eu deposito o valor do seu livro e você me enviar por correio por favor! quando lançar,mando ele igualmente com autografo para você.não se preocupe,não vou fazer questão do pagamento.tenho a mesma qualidade que você.escrevo porque gosto,e não por dinheiro de forma primária. espero a resposta! (Thank You)

    • Oi, Wellington!!
      Obrigada! Eu vou ficar muito feliz em autografar um livro para você! :)
      O livro está na promoção até o Natal. Você pode comprar ele aqui: http://www.karensoarele.com.br/livros

      E você escreve bem rápido! Que legal!
      Muito sucesso para você com o seu livro!!
      Abraços,
      Karen

  197. Há..quis dizer que mando meu livro para você quando termina,e publica.beijos…. não esquece de manda a conta e seu livro para mim pode deposita,tudo bem! …

  198. Oi Karen, peço sua ajuda, por favor: Terminei meu livro e agora preciso registrá-lo na BN. Só me restou dúvida em relação ao envio do material: – Como devo imprimir o livro para o envio a BN? Precisa ser no formato do livro, já que eles pedem número de páginas? Papel A4? Frente e verso? posso imprimir Paisagem com 4 páginas por folha (nesse caso, frente e verso)? enfim, peço suas dicas, porque meu livro tem 400 páginas no formato livro, assim não posso errar, não é? Muito obrigado e parabéns pelo livro e pelo seu blog.

  199. estou só esperando meu livro.^^ obrigado a atenção.

    • Muito obrigada por comprar o livro!! :D
      Só para confirmar, o seu nome se escreve “Wellington” ou “Wellignton”?

      Abraços!

  200. Ola Karin tudo bem li vi estes videos seus e achei muito esclarecedores. Eu fiquei apenas com uma dúvida. É pedido para que seja “rubricado” todas as paginas, o que seria isto? Eu tenho alguns textos escritos e irei registrá-los na biblioteca nacional mais estou com dúvidas sobre este procedimento, você poderia me explicar, ou até mesmo me fornecer algum “arquivo modelo” em word para que eu possa fazer o download e utilizar?

    Ficarei no aguardo

    • Oi, Álvaro!
      Calma, é muito mais simples do que parece!
      Rubrica é como se fosse uma assinatura, só que mais simples. Ou seja, você vai imprimir o livro, com as páginas já numeradas, e vai assinar uma por uma.

  201. Oi, Karen, gostei muito da forma como você tratou este assunto dos Direitos Autorais. Eis aqui minha dúvida se você puder me esclarecer serei eternamente grata:

    Na tabela de preços sobre personagens está o valor referente ao tipo de ilustração-30,00 para desenhos preto e branco e 60,00 para desenhos colorido. Gostaria de saber se o valor descrito é para CADA personagem da história ou para o conjunto geral. Desde já agradeço a atenção.

  202. meu nome é (Wellington) sou sincero com você em um assunto que até hoje me trás o mais alto incomodo,meu nome.si tivesse a chance de escolhe tinha colocado outro para não carregar esse frado (^-^) rsrsrrs abraço….

  203. Olá querida Kharen, sou o Evandro de novo, mandei uma duvida minha sobre registro e agradeço pelo esclarecimento.
    Minha nova divida é um seguinte: Ainda escrevo meu livro – afinal nem é todos os dias que temos inspiração né – dai já criei pagina no facebook para o livro e blog para ele: http://sangueesmeraldasbooks.blogspot.com.br/ Só que ainda não o registrei, não coloco capítulos completos nesse blog, apenas alguns trechos e como a ideia está surgindo na minha mente, dai tudo bem. Mas meus amigos me alertaram sobre os direitos autorais. Tipo alguém pode usar o titulo do meu livro e dizer que é dele. Fiquei com medo e minha duvida é: Posso registrar o titulo do meu livro, pois ainda não terminei, já divulguei e tenho medo de perde-lo para alguém.

    Estou fazendo certo ao divulga-lo em redes sociais?

    Agradeço a atenção

  204. Quero parabenizá-la pelo seu blog, pois está sendo muito eficiente para pessoas que assim como eu, aspiram o desejo de ter a obra registrada e ainda não sabem como fazê-lo.

  205. Aproveitando a visita gostaria que você me tirasse uma dúvida. Meu livro é infantil e tem só 34 págs. Tenho que enviar uma a uma com o textinho e as figuras, envio frente e verso (texto em um e figura em outro) ou envio só o texto em uma folha?
    Desde já agradeco a atenção.

    • Oi, Mônica!
      É muito bom poder ajudar! :)
      Você pode mandar só o texto corrido, mesmo. Não precisa ficar parecido com o livro publicado. É só conter o seu texto.
      Beijos!

  206. Outra dúvida surgiu… meu livro é com cenários montados e fotografados por mim. O que posso registar afinal? Só o texto, ilustrações, enfim o quê?
    Obrigada e mais uma vez parabéns pelo seu blog.

    • Pode registrar com as fotos. No formulário, tem um campo para você marcar um X em “fotógrafo”.

  207. ola! Karen,só passando para lhe agradece.acabei de receber o livro,obrigados pelas palavras.sucesso a todos nós.

    • Oi, Wellington!! Que bom que já chegou! Espero que goste!
      Muito sucesso pra você!

  208. Olá,Karen,tudo bem?

    Sou Liz Portz e moro há algum tempo na cidade de Colônia,na Alemanha. Tenho 64 anos e estou no momento no Brasil, pq nasceu minha primeira netinha . Eu tinha uma procuradora(minha irma) para resolver minhas coisas por aqui,mas por causa de um desentendimento ela nao quis mais e me devolveu uns documentos e entre eles ,minha historinha.,sem registrar. Mas agora descobri suas dicas e adoei. Vou fazer isso e de antemao lhe agradecer por mim e por todos. Sucesso!!!!

    • Oi, Liz! Que bom que as minhas dicas ajudaram!
      Infelizmente, a vida às vezes nos dá um tranco e nos faz passar por problemas e desentendimentos… Mas não deixe que isso ofusque os seus sonhos!! Pensamento positivo! Eu espero que dê tudo certo pra você! :)
      Abraços!!
      Karen

  209. Olá Karen!
    Muito obrigado pelas informações! Estão ajudando muito.
    Ainda tenho uma dúvida: no caso de livros infantis, em que gênero eles entram?
    Um abraço!
    Ricardo.

    • Oi, Ricardo!
      Acredito que se encaixe em “conto”.

  210. Gostaria de saber se posso publicar meu livro com um heterônimo e como faço no momento do registro?

    • Oi, Wilna!
      Você pode, sim. Mas no registro do EDA deve constar o seu nome completo.
      Abraços!

  211. Oi, Karen,

    Tenha certeza de que esse seu post foi muito útil pra muita gente! Muito obrigada por escrevê-lo e por fazer os vídeos. Eu tô com pena de abusar da sua generosidade, mas vamos lá ;o) Você sabe se existe algum procedimento especial para brasileiro que mora no exterior? Falo com relação a fazer o pagamento via Internet e o comprovante de residência.

    Pergunto a você porque não sei explicar por quê, mas o site da BN não abre na minha casa. Já tentei uma série de coisas e só consegui os formulários, por exemplo, pegando os links na sua página e pedindo a outras pessoas que os baixassem os mandassem pra mim. Se você não souber, vou acabar ligando pra lá pra perguntar.

    Muito obrigada e desculpa o abuso ;o)

    • Oi, Camila!
      Veja, encontrei estas informações na norma da BN:

      §5º Para transferências a serem realizadas no exterior, utilizar as informações a seguir:
      · Código Swift “BRASBRRJRJO”
      · CNPJ: 40.176.679/0001-99
      · Endereço: Avenida Rio Branco, 219, Rio de Janeiro/RJ, Brasil
      · CEP: 200040-008
      · Código e endereço da agência bancária (Banco do Brasil) na qual a FBN é
      inscrita: 2234-9 – Rua do Mercado, 20 Praça XV Rio de Janeiro RJ – Brasil

      De resto, acredito que continue tudo igual. É estranho o site deles não abrir aí para você! Tente de novo! Talvez o site estivesse em manutenção..

      • Muito obrigada pela sua generosidade!! Um abraço e feliz ano novo.

  212. Olá, Karen!

    Gostaria de saber se por acaso houver algum erro no requerimento do registro o que acontecerá? Serei informada pela BN ou terei que mandar tudo de novo?

    Obrigada!

    • Oi, Rosilene!
      Em um prazo de 90 dias, a BN vai te enviar uma correspondência informando se o registro foi aceito ou não. Caso tenha algum erro, você terá que corrigir. Não sei se tem que mandar TUDO de novo, porque eu nunca tive problemas, mas o pior de tudo é que o prazo se extende…

  213. Boa noite Karen!!! Suas explicações caíram do céu!!! Muito obrigada pela atenção dispensada, com certeza muitas pessoas estarão assim como eu usufruindo de todas as dicas e principalmente da sua boa intenção em compartilhar tudo isso. Eu tenho algumas dúvidas e gostaria muito que vc me ajudasse caso possível. Vou á São Paulo pessoalmente, inclusive anotei o endereço para levar minhas obras que vc deixou em um dos comentários acima. Porém minhas obras são destinadas á crianças de 4 a 10 anos, eu devo classificar como? São todas obras inéditas criadas por mim, por isso vejo a importância do registro, porém, pensei mandar sem as ilustrações no primeiro momento e não sei como classificá-las. Eu posso primeiro levar a obra e depois as ilustrações? Os desenhos são feitos em folha separada? Posso imprimir as folhas, colocar o número de páginas e depois na hora da formatação e do preparo do livro essas mesmas páginas serem alteradas de acordo com as ilustrações? Quantas dúvidas!!!!risos…
    Vamos lá:
    Pergunta número 1- Posso ir pessoalmente realizar os registros?
    Pergunta número 2- Posso levar as ilustrações separadas das histórias?
    Pergunta número 3- Posso levar as ilustrações depois da obra já registrada?
    Pergunta número 4- Posso registrar por exemplo: com 20 páginas e depois com as ilustrações alterar o número de páginas para mais ou para menos?
    Me desculpe por “despejar”tantas perguntas sobre vc, mas acho que encontrei uma luz para realizar meu sonho! muito obrigada por tudo desde já!! Aguardo ansiosamente por suas respostas!!!! Muito obrigada! Tati Harada.

    • Oi, Tatiana! Que bom!! Fico muito feliz em saber que as dicas foram úteis!
      Agora, respondendo às suas perguntas:
      1-Você pode ir pessoalmente, sim. Inclusive, dessa forma você sai de lá com um comprovante de que entregou a documentação, o que não acontece com os que são enviados pelo correio.
      2-De início, não se preocupe com as ilustrações. Envie só o texto.
      3-Hum… não sei dizer. Mas também não sei se há necessidade. Quem vai fazer as ilustrações? É você mesma, ou será outra pessoa? Ilustrações não são baratas, e, se você for contratar alguém para fazer o serviço, com certeza vai publicar o livro logo em seguida.
      4-A diagramação do livro não faz diferença na hora do registro. A única coisa que importa é o seu texto. Por isso, não se preocupe com o número de páginas, nem com as ilutrações. Simplesmente imprima direto do word.
      Qualquer outra dúvivida, é só perguntar! =)
      Beijos!
      Karen Soarele

  214. oi queria saber se preciso colocar as falas dos meus personagens quando vou mandar ele para a bn ou simplesmente um resumo da história no caso aqui a duvida seria mando a história completa ou só o resumo? Obrigado pela atenção.

    • Oi, Bruno! O registro de personagem se refere a um desenho ou uma foto de um personagem, e requer que seja enviada também uma descrição física e psicológica detalhada.
      Se a sua ideia é registrar um desenho que você fez, essa é a opção ideal. Agora, se o seu personagem existe apenas no texto (e não em imagem), é melhor enviar a história completa, fazendo logoo registro de obra literária.
      Espero ter esclarecido!
      Abraços!!
      Karen

      • Sim, mas o que quero saber é se eu preciso enviar o livro com a fala dos personagens ou só um resumo da história? Obrigado pela sua atenção e estou lendo línguas de fogo e estou adorando… Se não for abusar teria como você me passar o nome de uma editora de livros de suspense? Muito obrigado e desculpa qualquer coisa!

        • Bruno, você precisa enviar o livro completo. O direito autoral não se aplica à ideia, apenas à obra completa.
          Eu fico muito feliz em saber que você está gostando de Línguas de Fogo!! Quando terminar, me diga o que achou! =)
          Olha, suspense não é o meu gênero favorito, então eu não vou saber indicar uma editora… Mas sugiro que você comece por aquelas que você já conhece e gosta.
          Abraços!
          Karen

  215. boa noite! Karen.gostaria que você me desse uma luz. pois terminei meu livro.encontrei uma professora de língua portuguesa que aceito fazer as correções dos erros,como concordância verbal e nominal e etc.mais ela que um pagamento de 7 reais por folha.levando em consideração que meu livro possuir entre 300 paginas to em dúvida.tá alto o preço por folha? e to com dúvida em relação de dá o livro inteiro para ela sem que eu tenha feito o cadastro dele em meu nome primeiramente.como você fez,pagou para alguém,o que você fez? se pode me responder,ficaria grato se fosse por Email,pois estou sempre olhando ultimamente.obrigado pela atenção.

    • Ih, Wellington! Eu não sei te dizer se está caro! Sugiro que você faça um orçamento com outros profissionais. Mas tenha sempre em mente o currículo e a experiência do profissional em questão.
      Abraços!
      Karen

    • Wellington, eu tive contato com alguns revisores à um mês atrás e percebi que a maioria deles cobram por lauda e não por página, a lauda é uma determinada quantidade de caracteres, não estou lembrado agora, mais em fim, fazendo as continhas aqui e transformando laudas em filhas, vi que a média é de 5,00 por folha. Os que cobram por folha, a média é 5,00 também. Neste caso, acho que 7,00 vai fazer uma boa diferença, tenta ver se a pessoa não abaixa um pouco este preço. A pessoa que revisou o meu foi um professor da faculdade de Nova Viçosa. Não o conheço pessoalmente, foi tudo tratado por e-mail, mais gostei do trabalho dele, até por que ele só exigiu que eu depositasse o pagamento depois que ele me enviou o original devidamente revisado por email e cobrou 3,00 por folha.

  216. Oi! Karen. Eu preencho a averbação, toda ela em letra de forma? É importante? Não basta ser legível tem que ser em letra de forma?
    Obrigado.

    • Oi, Felipe!
      O bom da letra de forma é justamente por ela ser mais legível. Em formulários, ela é sempre preferível.

  217. Ola, Karen. Primeiramente gostaria de parabenizar sua iniciativa em publicar passo-a-passo de como registrar uma obra. A um ano atras eu fui atras das informações e desisti por falta de tempo, mas com seu blog tudo ficou mais facil.
    Quando adolescente escrevi uma historia infantil, porém tenho uma dúvida, poderia me ajudar ?

    - Preciso enviar para registro em forma de livro, tipo: a escrita e figuras, ou somente a escrita é valido ?

    Gostaria muito de seu contato (e-mail ou msn) para nos comunicarmos, desta vez vou atras do registro de meu livro.

    Obrigada e Feliz 2013 pra ti.

    • Oi, Sharlene!

      Você não precisa enviar as figuras. O objetivo é proteger o texto, então envie só o texto mesmo.

      • Obrigada pela resposta! e novamente Parabéns!

  218. Se eu já tiver um livro registrado na Biblioteca Nacional e fizer alterações no mesmo (grandes alterações) seria necessário voltar a registrá-lo? Se sim, devo informar a Biblioteca Nacional de que este seria uma nova versão do mesmo livro? Como devo fazer isto? Como seria o preenchimento do formulário? Fico grata desde já pela ajuda =)

    • Oi, Laís!

      No formulário de registro, tem uma opção que você deve marcar para fazer alteração em um registro já existente. Fica no quadro 2 (Informações sobre a obra intelectual), e está escrito assim:

      Os campos abaixo devem ser preenchidos somente por requerente(s) que deseja(m) realizar uma AVERBAÇÃO a um REGISTRO já existente:
      REFERENTE AO REGISTRO Nº. _______ QUAL A ALTERAÇÃO REALIZADA: ( ) Supressão de Conteúdo ( ) Acréscimo de conteúdo
      ( ) Mudança de Título ( ) Averbar Instrumentos de Cessão de Direitos ( ) Outros a especificar: _____

      • Fico muito grata pela ajuda =) Parabéns pelos livros!

  219. Oi Karen, acabei de escrever minha primeira obra de ficção e tinha muitas dúvidas quanto ao registro, até encontrar sua instrução que foi muitíssima esclarecedora. Enviei o original para registro ontem, se não fosse você eu teria tido muita dificuldade. Por isso estou muito grato.

  220. Karen,

    Como já disse, e não custa repetir, estou muito agradecido palas dicas de registro do livro. Tem outro detalhe que queria te falar. Ontem estava pesquisando sobre sinopse e por uma acaso entrei em um blogue que contém uma excelente explicação, o Blogue da Cris, e vi que você também passou por la em 2011, e deixou um agradecimento o que me fez ter ainda mais admiração por você. Fiz uma lista com alguns livros que pretendo comprar e ler e o seu já esta incluso nesta lista, com certeza deve ser uma ótima leitura. No mais, te desejo muito sucesso. Um abraço.

    • Oi, Ramon!
      Obrigada!! Eu fico feliz em poder ajudar!
      Muita coincidência nós nos “encontrarmos” no blog da Cris! =)

      Espero que você goste do meu livro! Quando tiver vontade de comprar, é só entrar na minha lojinha –> http://www.karensoarele.com.br/lojinha

      Um forte abraço!
      Karen Soarele

  221. Oi Krem, poderia me informar urgentemente se eu posso fazer criticas de outros livros no meu, sem autorização se é que precis já que serão apenas comentarios sem usar o nome do livro e do autor.

    • Oi, Darlei. Se você escreve um texto, não importa o tema, ele é de sua autoria. O que você não pode fazer é pegar uma produção intelectual de outra pessoa e utilizá-la como se fosse sua.

    • A propósito, se você for citar um texto de outro autor, deve colocar o crédito.

      • oi karem ainda ficou uma duvida em minha mente, isso significa que eu devo citar o nome do autor de outro livro se eu for fazer alguma critica ao mesmo.

        • Se você for citar um trecho, deve colocar entre aspas, e incluir o nome do autor no final do livro, em “Referencial Bibliográfico”.
          Mesmo que você for apenas critirar, sem citar, é bom ter o nome do autor, para evitar problemas futuros.

          • Oi karem me desculpa mas surgiu uma nova duvida, por acaso então não seria melhor eu mencionar o nome do autor no momento em que eu for por o assunto entre aspas, em vez de eu mencionar só no final do livro.

  222. Karem,
    Estou querendo fazer um livro contando a minha historia e de minha noiva, posso colocar nome de rua, cidade..Coloco o nome verdadeiro ou fictício. E quanto ao nome de personagens, também posso colocar nomes reais.?
    abraços

    • Oi, Fernando!
      O que você quer escrever é uma obra de não-ficção. Você pode usar os nomes reais sim, desde que não ofenda ou prejudique ninguém.

      Caso alguém se ofenda com a sua obra, ele poderá processar você por danos morais. E a briga será pelo seu direito de expressão. Sinceramente, é melhor não comprar uma briga dessas…

      Abraços!

  223. Prezada Karen Soarele !
    Sou escritor de primeira viagem e estou enviando o livro para registro na Biblioteca Nacional graças as suas orientações; sou extremamente grato a você e lhe desejo todo sucesso do mundo.
    Abraços; João.

    • Muito obrigada, João!
      Sucesso com a sua obra! =)

  224. Prezada Karen Soarele,
    O livro tendo imagem encarece no registro? (Imagem de minha autoria).
    Além disso, o livro que possui mais de um autor, no meu caso 3 autores, torna também, o valor do registro mais caro?
    Atenciosamente,
    Karine Rodrigues!

    • Oi, Karine!
      Não encarece. Você pode incluir até TRÊS requerentes em uma obra. Acima disso, terá que escolher alguém para ser o “Organizador”.
      E em “vínculo com a obra”, tem as opções fotógrafo e ilustrador.

      Beijos!
      Karen Soarele

  225. obrigado Karen e Ramon ele. pela explicação dos dois em questão desse assunto o qual me tira um pouco a paz. rsrsr , bom, um amigo me apresento ela, e ela e professora de linguá portuguesa e coordenadora da faculdade dela, muitos falam bem dela, e converso sempre com ela pelo telefone, só queria saber se estava um preço auto mesmo, obrigado pela paz de espírito.

  226. olá, karen, eu gostaria de saber se eu registrar minha obra inédita – romance – com três fotos compondo a capa criada por mim, se além dos R$ 20,00 eu teria que pagar um valor único pela capa ou por cada uma das três fotos?

    • Oi, Saulo. No caso do livro, você pode registrar tudo junto.
      Em “vínculo com a obra” você encontra a opção “fotógrafo”.

  227. as fotos também são de minha autoria. obrigado e aguardo orientação.

  228. Oi Karen, adorei o post. Mas tenho dúvidas. Eu escrevi algumas obras e gostaria de registrá-las, só que por mais grande que elas sejam, ainda não estão concluídas. Pode registrar assim mesmo ou somente quando concluida? E se a história tem 3 livros, posso registrar um de cada vez ou tem que ser a obra toda?
    Pode haver alteração nas obras registradas no EDA?
    Agradeço sua atenção.

    • Oi, Graziele!
      Tudo o que você escreve é propriedade intelectual sua, não importa se está concluído ou não. Mas lembre-se de que apenas a parte que você JÁ escreveu é protegida. Não há direito autoral sobre ideias, ou seja, os finais das suas histórias só serão considerados seus quando você as concluir.

      De qualquer forma, pode ser feita alteração na obra registrada, sim.

      • Muito obrigada Karen! Me ajudou muito e parabéns pelo post e pela iniciativa de tirar dúvidas de principiantes como eu!

        Mais uma vez obrigada,

        Graziele.

  229. oi karen, mais uma duvida: para registro do livro devo imprimir frente e verso das folhas? E as fotos da capa(três) não entendi bem se devo pagar o registro delas à parte do da obra. E as pessoas que porventura estão fotografadas, devo enviar assinatura delas autorizando sua exposição? atenciosamente, aguardo sua valiosa resposta e desde já agradeço parabenizando seu brilhante blog.

    • Oi, Saulo!
      Vou responder por partes. Vamos lá:

      - Tanto faz a impressão só frente ou frente e verso. Eu indico a só frente, por preservar melhor as letras no passar dos anos.

      - Você NÃO precisa enviar a capa do livro. Entretanto, se quiser enviar, pode registrá-lo junto com o texto, por se tratar de uma única obra intelectual.

      - Não precisa enviar a autorização dos modelos, porque o registro não significa exposição. Mas você vai precisar dessa assinatura quando for publicar o livro.

      Obrigada! E sucesso pra você!

  230. Olá Karen Soarete, eu sou o Escritor Moisés Donflet, eu escrevi o livro Cidade dos poetas e o livro Guerreiros de Saturno, eu li a sua explicação, só que não entendi quando você diz que, não é preciso imprimir todo o livro prá levar no EDA, e só a primeira página, e gostaria de saber onde é o endereço do EDA em São Paulo.
    .Eu lancei 150 cópias autônoma e vendi á 30 reais cada uma do meu livro Cidade dos Poetas, vendi todas e percebi que deu certo, agora quero lançar o milheiro, tanto do Cidade dos Poetas como a do Guerreiros de Saturno, eu não sei se você é de São Paulo, mas se for me indique por favor uma Editora gratuita se existir, pois estou desempregado no momento, eu sou compositor também já mandei música para Carla Cristina do grupo das meninas, para o Zeca Pagodinho, e Ivete Sangalo, mas as segundas mãos não entregaram os meus trabalhos, mas tudo bem se conhecer alguêm do Axê baiano me indique o meu cd demostrativo está pronto na voz de uma cantora da empresa Ford, acho que podemos ter uma boa parceria na escrita se precisar, tenha um ótimo dia, vou deixar um pensamento do meu livro Cidade dos Poetas,

    Quando sentir-se
    Em um caminho sozinho sem luz
    Faça com que sua razão
    Apague de sua mente
    A multidão falsa
    E construa de você mesmo
    A sua própria nação de sinceros

    Deixo de antemão o meu singelo obrigado
    Cordialmente : escritor e compositor Moisés Donflet

    • Oi, Moisés!
      Para o EDA, precisa imprimir todo o livro, sim.
      É diferente no ISBN, nesse caso precisa apenas da folha de rosto. Mas deve ser feito pela editora.

      Muito bonita a sua poesia! :)

  231. Olá Karen , gostei muito do seu site , pois nos ajuda a tirar dúvidas , assim sendo lá vão as minhas :
    * É necessário que o livro tenha capa para ser registrado ?
    * Para ser enviado à BN , ´tem algum problema se houver alguns erros de português ou pontuação ?
    * Se as fotos que houverem forem tiradas por mim , essas também devem ser registradas ?

    • Olá, Paulo!!
      Aqui vão as respostas:

      * Não precisa ter capa. Na primeira página, escreva apenas o nome da obra e o nome do autor.
      * O material que você enviar à BN é um documento. Sendo assim, é melhor que não contenha erros. De qualquer forma, você pode fazer alterações depois. Mas lembre-se de que, toda vez que você quiser mudar alguma coisa, vai ter que repetir toooodo o processo.
      *Se as fotos fazem parte do livro, elas podem ser registradas junto com ele. Mas lembre-se de marcar a opção “Fotógrafo”, no quadro de “vínculo com a obra”.

      Boa sorte, e sucesso!
      Karen Soarele

  232. Karen,
    Eu escrevi um livro, mas ainda não fiz as correções, porém dei para dois amigos fazerem a correção e recentemente tivemos um problema sério, e tenho medo do que possa acontecer com meu texto. Posso registrar e depois fazer as devidas correções?

    • Pode, sim. Mas, se o texto mudar muito, é interessante fazer uma atualização no registro. Lembrando que você terá que refazer todo o processo e pagar novamente a taxa.

  233. Karen, muito obrigado por este post…
    Eu estava quase ficando louco quanto a isso, mas você tirou todas as minhas dúvidas referentes ao registro de uma obra. Que Deus continue e abençoando hoje e sempre.
    Valeu !!!! E já coloquei tudo o que você escreveu em práticas ô/

  234. Olá Karen, você tem sido uma luz no meu caminho, e agradeço muito por isso.
    Gostaria ainda que me orientasse sobre a cerimônia de lançamento do meu
    livro , que é sobre a vida de meu pai. Devo fazer coquetel, posso fazer em casa,
    posso aproveitar um aniversário de família, necessariamente devo falar no momento
    da apresentação, ou outra pessoa poderá fazer isso por mim? A editora vai me
    disponibilizar os convites. Um abraço especial para vc e tenha muito sucesso!

    • Oi, Ana!

      O evento de lançamento costuma sair um pouco caro. Se você tem a oportunidade de lançar o livro em uma comemoração da família, será ótimo! Todos já estarão reunidos, e o seu livro tem tudo a ver com a ocasião.

      Mas, primeiro, é bom você ter uma conversa muito clara com o aniversariante. Não se esqueça de que ele deveria ser a única “estrela” do dia, mas terá que dividir isso com você. É possível que o aniversariante não queira, então é necessário muita sensibilidade em relação a isso.

      Se o livro é seu, você é quem deve falar sobre ele. Os leitores estarão ansiosos para ouvi-la! =)

      Beijos!
      Karen Soarele

  235. estou querendo restrar um livro e o seu blog esta mim ajudandodo muito

  236. Olá Karen,
    vê se você pode me ajudar…
    escrevi um romance e a pergunta é:
    todo romance tem tópicos?
    seria errado dar uma sequência a história sem os tópicos?
    seria como contar uma história do início ao fim.
    obrigada.

    • Oi, Sara!
      Você se refere a capítulos, certo?
      Olha, dividir a história em capítulos serve para facilitar a leitura, mas não é obrigatório.
      O próprio Paulo Coelho divide alguns de seus livros de forma diferente, sem tópicos. Dê uma olhada no livro O Alquimista.

      Abraços!
      Karen Soarele

  237. Olá Karen, amei seu blog gostaria que vc me explicasse como farei uma pequena biografia para a contra capa deum Livro que estou terminando de fazer.São memórias.
    Desde já quero agradecer-te

    • Oi, Margarida.
      Não entendi a pergunta. Você quer publicar suas memórias de forma anônima?

  238. olá! Karen, terminei meu livro de 350 paginas no total. mais acabei dividido ele em dois livros como fosse continuação, com parte 1 e 2. mais estou com uma grande dificuldade. alguns professores de faculdade que eu mandei o livro para correção, declinaram meu livro de ritmo filosófico e “poético” pois muitos não tinha conhecimento profundo de filosofia e a correção para eles ficou profunda demais. uma professora chegou até a me dizer, que sou austero e prolixo, e dá forma que eu abordo os assuntos eles ficam muito austero e fora que acharam muito ruim porque tenho facilidade para cria paradoxo de linguagem pelo sentido. e todos estão declinando a correção. (que dor de cabeça meu deus) como você possui grande experiencia na area, você conhecer algum profissional que faz correção mesmo que seja pela intener mais de forma seria. abraço e obrigado.

    • Oi, Wellington! Tudo bem?

      Quando um autor envia seu texto para a correção, é importante dar atenção às críticas dos leitores-beta, por mais duras que sejam. Se eles acharam confuso e prolixo, eu aconselho você a reler o livro inteiro e se esforçar para explicar suas ideias com mais clareza.

      Não adianta você escrever um livro profundo, se ninguém conseguir compreendê-lo. Pergunte a si mesmo: quem é o seu leitor? Quem deve compreender a sua mensagem? O livro só estará completo quando a comunicação escritor-leitor for estabelecida.

      Além disso, tenha em mente que existem dois tipos de correção:
      1- Copidesque. É a leitura crítica do texto, que aponta os trechos que precisam ser melhorados ou até cortados. Essa correção deve ser feita por um profissional da área. No seu caso, seria um professor de filosofia.
      2- Correção gramatical e ortográfica: É a última a ser feita, vai buscar por erros de português. Essa, sim, deve ser feita por um professor de português ou profissional de revisão.

      É possível que você esteja mandando diretamente para professores de português, mas é melhor enviar primeiro para alguém que realmente tenha conhecimento do tema que você aborda.

      Espero ter ajudado. Muito sucesso para você!
      Karen Soarele

  239. outra coisa, terminei de ler e analisa seu livro. sua chave de ouro do livro fora a historia, foram a criação das cidades e do mapa, é dele que toda sua historia dança o rumo da jornada. e é de se pensar que seus outros livros continua seu mapa como capítulos de acontecimentos isolados em atos, ou seja, em livros que forma seu conjunto de ideia. uma ideia astuta e bem paradoxa, com razão você demoro um ano para escreve-lo.

  240. corrigido quando eu disse (“ideia astuta e bem paradoxa”) falei no sentido que você consegui tira proveito de sua própria ideia de forma assim dizer maliciosa.

  241. Tem como sabermos de o ISBN é mesmo válido e a catalogação do livro??

  242. Karen, gostei das suas informações, mas ainda assim ficaram algumas dúvidas. Sinto te encher com elas, mas aí vão, e espero que você consiga me ajudar neste ponto também:

    1. Posso usar citações de outros autores no meu livro? Se for usar, tenho de informar quem é o autor da frase? Um exemplo, meu livro começa com uma frase de “Alice no País dos Espelhos”, de Lewis Carroll. Tem algum problema nisso? E mais, posso citar nomes de filmes ou de outros livros no meu livro?

    2. Meu livro ficou apenas com 31 páginas no word, fonte tamanho 11. Por ele ser muito pequeno, pode apresentar algum problema na hora de registrar?

    3. Um amigo meu escreveu um prefácio do meu livro, e assinou com o nome dele. Mando para registrar com ou sem o prefácio? Gostaria de incluí-lo se fosse publica-lo, mas ele tem que constar também no registro?

    4. Posso alterar pormenores no meu livro após o registro? Na verdade creio que sim, porque muitas editoras mesmo pedem pro autor fazer algumas mudanças antes da publicação. Mas esse é uma preocupação que adiou até hoje o envio do meu livro para registro.

    Obrigado, e parabéns pelas ótimas explicações em sua postagem e seus vídeos.

    • Tranquilo! =) Aqui vão as respostas:

      1. Sim, você TEM que colocar os créditos o autor. Existem várias formas de fazer isso. Para livros de ficção, o melhor é colocar tudo no final do livro. No caso de monografia, respeite as normas da ABNT.

      2. Pode registrar, sem problemas.

      3. Hum.. Confesso que eu nunca pensei nisso. Não sei responder :/

      4. Pode, sim. E se a mudança for muito radical, você também pode fazer uma averbação (alteração) no seu registro.

      Abraços!

      • Obrigado. Quanto ao prefácio, vou registrar sem ele mesmo!

        Outra dúvida: Qual foi seu procedimento para publicar o livro? Uma vez registrado, como você fez?

  243. Eu estou prestes a registrar o meu livro, mas ainda tem algumas duvidas bobas… tipo, em que parte da folha eu rubrico? Na frente, em baixo ou atrás?
    Quando eu enviar uma copia do meu RG e do CPF, não corre risco de alguém fazer alguma coisa de errado com eles?
    Na tabela de preços vem dizendo “folha avulsa de certidão de registro”, é preciso pedir por ele e pagar? Para mandar para as editoras diz que é preciso mandar uma copia da certidão de registro é preciso para por essa folha avulsa?

    • Oi, Dara!

      - Pode rubricar do lado, ou embaixo… só NÃO rubrique atrás. Tem que ser na frente.

      - A Biblioteca Nacional é um órgão público. Pode ficar tranquila que eles não vão fazer nada com os seus documentos. Vão apenas usar no cadastramento da obra.

      - O valor que você tem que pagar é o que está escrito “Registro e/ou Averbação”. Só isso. O documento de que você precisa vai chegar pelo correio na sua casa. Guarde-o com carinho, e tire uma xerox para a editora.

      É isso! Espero ter ajudado =)
      Beijos!

  244. Olá Karen, parabéns pelo site e pela ajuda a todos aqui para publicações de livros. Esclarece muito bem!
    Estou trabalhando com um amigo na publicação de um livro. Finalmente ele terminou de escrevê-lo fizemos a revisão e daremos outra lida para revisar. Ele já sabe como funciona esses registros pra música, pois é compositor conhecido aqui em Divinópolis-MG e na região. Mas quanto a livro estamos um pouco leigos nessa área.
    Essa semana pós feriado de Carnaval ele já vai registrá-lo em cartório. Isso já o resguarda do direito do livro enquanto dá a entrada na documentação na BN?
    Ele precisará fazer o registro no ISBN pois vai publicar a obra pra venda. Correto?
    A minha dúvida maior é se ele pode fazer a auto-publicação da obra, lançamento e venda enquanto o processo de registro está em andamento. Isso altera, dá algum problema no registro da obra?

    Espero que você possa me ajudar, pois as informações sempre são muito vagas e difíceis de encontrar diretamente. Muito obrigada e mais uma vez parabéns pelo trabalho!

    • Oi, Lorena!

      Pode ficar tranquila, porque o registro de autoria é muito mais simples do que parece =)
      Pode registrar no cartório, sim. Isso já é suficiente para comprovar a autoria, mas é sempre bom enviar também para a BN. E não tem nada que te impeça de dar prosseguimento à publicação antes do registro ficar pronto.

      Vai precisar do ISBN, sim. Isso você faz no site: http://www.isbn.bn.br. Caso vá usar os serviços de uma editora, você não precisa fazer o ISBN, pois a editora se encarregará disso.

      Abraços e sucesso!!
      Karen Soarele

  245. Karen, boa noite. O seu post está sendo fundamental para a solução do meu problema. Eu ja tenho dez livros escritos, mas nenhum deles tem registro e, eu ja comercializo os mesmos por conta própria, ou seja, nao vendo através de editoras, mas de porta em porta ou em eventos. A minha dúvida é quanto ao registro no ISBN, você falou no vídeo que a editora é quem faz esse registro, ja que eu utilizo uma editora para a publicação e venda dos meus livros, como faço para obter o ISBN? Aguardo resposta por e-mail, se possível.

    • Oi, Geovane!
      Isso vai depender da editora. Aconselho você a entrar em contato com eles e perguntar.
      Qual editora é?

  246. Agradeço muito por ter tirado minhas duvidas, mas agora eu tenho mais umas perguntas bobas: o requerimento para registro tem que ser todo preenchido com letras de forma? Em declaração de responsabilidade vem dizendo “local”, como assim?

    • Letra de forma. “Local” é a sua cidade.

  247. Já que eu sou menor de idade, minha mãe tem que assinar como requerente também?

    • Sim. Ela preenche a parte entitulada “3.3 RESPONSÁVEL PELO MENOR (para menores de 18 anos)”. Os documentos dela precisam ir junto aos seus.

  248. Karen, muitíssimo obrigada! Terminou de clarear as minhas dúvidas. Agora mãos a obra! Porque o trabalho está só começando. Qualquer dúvida que aparecer dou um pulinho aqui. Obrigada e tudo de bom pra você! Abraço..

  249. QUERIDA IRMÃZINHA, MUITO IMPORTANTE VC COLOCAR SUA LUZ DE CONHECIMENTOS SOBRE ESSE ASSUNTO ONDE MUITOS POSSAM VÊ-LA. PARABÉNS.
    ESTOU PRESTES A CONCLUIR MEU PRIMEIRO LIVRO E SUAS INFORMAÇÕES SERÃO MUITO ÚTEIS. ESCREVEREI DAQUILO QUE TRAGO COMIGO DESDE MUITO TEMPO COM O ACRÉSCIMO DOS 30 ANOS ATUAIS DE ESTUDO DA VIDA ATRAVÉS DA VISÃO REENCARNACIONISTA . ABRAÇOS E ATÉ UM DIA.

  250. Muito oportuna sua opinião que foi baseada em experiências próprias. Ótimo trabalho.

  251. Muito bom! Tenho publicação de trabalhos acadêmicos, mas nunca me preocupei em registrar. Agora que pretendo lançar uma obra de ficção, que acabo de concluir, fiquei meio perdido com as etapas o registro.
    Muito obrigado por compartilhar conosco sua experiencia. Além de bonita e simpática, você é também muito gentil.
    Grande abraço!

  252. OLá, muito util seu post.

    Fiquei curioso em relação ao seu trabalho de ilustradora.

    Estou precisando de uma capa para meu livro. Como poderiamos conversar sobre isso?

  253. Oi Karen, bom dia!
    Mto obrigada pelas dcias preciosas.
    Estou ainda com algumas dúvidas.
    Preciso colocar cada texto em uma página, no caso de contos, ou não precisa?
    Para registrar vários textos de uma vez precisa ser como livro? Pois tenho um blog e gostaria de registrar os textos, mas pelo que entendi se for registrar separado tenho que pagar R$20, oo por cada registro?
    Mto obrigada desde já.

    • Pode registrar tudo junto, como coletânea. Cada texto precisa ter um título, e devem vir listados em um sumário. O livro também precisa ter um título.

  254. Por exemplo, no caso dos textos do meu blog, preciso colocar um em cada página? Já li e reli seus tutorias mais ainda restou essa dúvida, pois fiquei com a impressão que preciso registr-alos como livros para pagar somente um registro?

  255. Oi Karen, bom dia!
    Mto obrigada pelas dcias preciosas.
    Estou ainda com algumas dúvidas.
    Preciso colocar cada texto em uma página, no caso de contos, ou não precisa?
    Para registrar vários textos de uma vez precisa ser como livro? Pois tenho um blog e gostaria de registrar os textos, mas pelo que entendi se for registrar separado tenho que pagar R$20, oo por cada registro?
    Ô q eu gostaria era de registrar como textos de blog mesmo, não como livro, por isso estou em dúvida.
    Obrigada de novo.
    Mto obrigada desde já.

    • Não tem a opção “texto de blog”. Registre como “livro” que vai dar na mesma, o importante é o conteúdo.

  256. Obrigada pelas informações.

    • De nada! Haha :D
      Depois que lançar o seu livro, compartilhe suas experiências com as pessoas ;)

  257. Olá, Karen, como você fez para puiblicar seu livro, depois que ele já tinha sido registrado?

    • Publiquei de forma independente. Na raça, mesmo! ;)

  258. OLA KAREN, estou enviando um livro para registro na biblioteca..Tenho uma duvida, se dentro do meu livro com o titulo x, tiver algo escrito que outro escritor ja escreveu, palavras, ou paginas, isso gera processo contra mim? é que é o primeiro livro e li coisas na internet e coloquei ideias e ate coisa que digitei porque eram artigos de forum. eles nao registram e devolvem ou eles mesmos me dizem que nao posso registrar.

    Desde ja agradeço

    Abraço
    Helio

    • Helio, a Biblioteca Nacional vai registrar os escritos normalmente. Mas se você tiver copiado um texto escrito por outra pessoa, essa pessoa pode se sentir lesada e mover um processo contra você. Independente de registro.

  259. Olá amiga!Gostaria de saber se na minha cidade São José do Rio Preto tem essa Fundação Biblioteca Nacional?
    Se tiver me envie o endereço por gentileza!

    • Não tem. Mas pode mandar pelo correio que é super tranquilo! ;)

  260. Querida Karen(só posso chamar-te assim,pois mostrou ser uma pessoa de muita LUZ!Portanto,QUERIDA MESMO!:) )
    Que alegria ver uma pessoa tão jovem,criativa,de atitude e ainda por cima dividindo o que sabe com os outros !
    Eu,já “coroa”,iniciando agora na escrita e ilustração de histórias infantis,totalmente perdida,rs,encontrei aqui no seu blog um verdadeiro” FAROL”!
    Desejo-lhe muito sucesso,e felicidades no casamento!
    Um abraço!

    • Oi, Tânia!
      Não existe hora para começar a escrever! Eu fico muito feliz em saber que as informações que eu dividi estão servindo guia para você! :)
      Muito sucesso com os seus escritos!!
      beijos,
      Karen

  261. Oi, Karen. Obrigado pela sua ajuda. Consegui publicar meu livro pela Editora Multifoco em outubro de 2012. Chama-se As Quatro Cartas de Camila. Sua ajuda foi de grande valia. Mais uma vez obrigado. Abraço.

    • Nossa, que legal!! Parabéns!!!! :D

  262. Olá, eu desenvolví uma coleção de ensino de inglês, cujo nome é LEARN ENGLISH FAST! BOOK 1/BOOK 2/BOOK 3 e BOOK 4.

    Como faço para registrar esse tipo de material?

    Obrigado, pela resolução da minha dúvida.

    Atenciosamente,

    Gildeão Dias

    • Oi, Gildeão.
      É da mesma forma que se registra um livro de literatura. Só que, quando for preencher o formulário, em vez de marcar o gênero “romance”, você vai marcar a opção “didático”.

  263. Oi karen,tenho problema com a editorial.chegue recomendado e confiei,mas me explicaram qualquer coisa do contrato e depois de assinar comenzaram as ameaças.ninguem me entende bem sou extrangeiro,mas nesse momento falaba ainda pior o portugues,eu assine o contrato em brasil parar fazer a traduçao(nao tava no contrato)e pague eles muito.do maio 2012 ate outubro 2012 o editor mandaba messagem que o livro tava com a tradutora,que tava corrigiendo,que tava na diagramaçao.quando chegue me prometeram hotel,mas fice na casa dele.O livro tava tudo estragado,tive que pagar a correccao,tyive que corrigir a corrccao,tive que corrigir a diagramaçao e no final me dizeram que sim nao assinaba uma cessao de direito spor 20 anhos o livro nao saia,assine e aguarde uma extençao ou melhora do contrato e nada acoteciu…o editor nao em fala,eles negam tudo.as clasulas do contrato nao me dan nenhu direito,me priva de todo…e agora que eu estudie mas a lei e comprendo…o livro ainda nao foi registrado,so no ISBN e em outra coisa das librerias…me proiben escrever para outra editorial,eles podem mudar o conteudo quando quiser e si alguem demanda eu sou o reponsavei,me colocaram que eu vou oagar tudos os impostos das vendas,multa de 20 mil reais…nao me deram copia dos documentos que guardaram,de seguro para me cobrar depois….eu errei em assinar,mas na ultima assinatura eles quasi me forzaram…fue um pouco violento,nao fisicamente,mas nao foi agradavei….eu acho vou ter que demandar eles e ja.MUITO BOM SEU BLOG,ME AJUDO MUITO PRA COMPRENDER O PROCESSO DO REGISTRO.tive em campo gande no anho 2012 ,gostei,agora estou em santa catarina.hoje me comfirman o diagnóstico de TDAH…eu nao podia para eles e o livro fala de mim o aditor leio o livro e ele sabia que eu era muito ansioso e compulsivo…mas eu nao sabia do TDAH em esse momento…mas o livro eu escreve para que as pessoas entendam como eu penso e sinto…debo ser forte e lutar.eu devo…saludos a tudos.LIS

    • Oi, Lis.
      Pelo seu relato, você caiu em um golpe. Procure um advogado.

  264. Olá!
    Dei uma passadinha em seu blog e aproveitei bem alguns conteúdos. Em breve terei um livro publicado. Embora jogar cultura para o mundo! Caso possa me enviar algumas dicas. Ficarei agradecida!

    • Oi, Raquel!
      Você já viu a categoria “Dicas para escritores”? Pode encontrar algumas informações úteis por lá!
      Sucesso!! ;)

  265. Olá Karen!Quero registrar meu livro,mas se a editora resolver mudar o titulo do meu livro.Vou ter problemas,depois do registro?

    • Não tem problema. Você pode alterar o registro no futuro.

  266. Boa noite Karen,

    Adorei seu site e é o início para que eu possa publicar o meu livro e de uma amiga, mas como ele já tem mais de 10 anos quero tirar uma dúvida.
    Quando fizemos estávamos no Ensino Médio e contém desenhos que um amigo fez e recebeu por isso um destaque em nossos agradecimentos.
    Quero saber se tenho que firmar um acordo com ele pelas imagens que foram feitas ou se já posso mandar o livro para registro?
    Detalhe as imagens são de ex – professores e políticos do cenário atual ainda.
    Fico no aguardo, muito grata.

    Cibele

    • Oi, Cibele!
      Para publicar esses desenhos você vai precisar da autorização do ilustrador. É justo também um pagamento em dinheiro.

  267. Karen, eu já imprimi o boleto para o pagamento do registro do livro. O boleto pode tem prazo para pagamento ou não?

  268. Karen, preciso de uma outra informação sua. Eu li aqui em uma página da internet que a publicação de um livro pode ser feita por uma editora comercial ou uma prestadora de serviços. Eu gostaria de lançar o livro por minha conta através do apoio de um amigo usando uma logomarca que eu mesmo criei para o lançamento do livro , tem algum problema nisso?

    • Problema não tem. Mas você precisa saber que vai precisar fazer tudo, tudo, tudo, tudo sozinho. Isso inclui uma papelada e ter que lidar com uma dúzia de profissionais. O bom em contratar uma editora prestadora de serviço é que ela vai se responsabilizar por tudo e você vai ter menos dor de cabeça.

  269. Olá, Karen!
    Primeiramente, muito obrigado por compartilhar seu conhecimento conosco. Suas orientações foram muito importantes para eu estruturar o meu livro e registrá-lo na BN.
    No entanto, após o registro (que ainda nem chegou) tenho necessidade de fazer alterações: adicionar ilustrações, prefácio e algumas correções ao longo do livro. Como faço isso? Sei que o ilustrador também tem que fazer um registro compartilhado na BN. Mas você sabe se quem faz o prefácio também precisa?
    Antecipadamente agradeço,
    Otávio

    • Oi, Otávio!
      Se você já registrou o livro, concentre-se na publicação. Você pode atualizar o registro depois, e já enviar o livro pronto.

  270. Oi Karen, Obrigada pela dica de registro… porém gostaria de saber algo.

    Caso eu mesmo editar o livro diagramar ele (como designer gráfico), e não precisar da editora para fazer isso, no caso só consigo o ISBN (International Standard Book Number) através da editora ou existe outra forma. No caso eu faria como produtor independente, claro com o registro na Biblioteca Nacional, me responda e fale mais sobre isso. Obrigada.

  271. obrigado Karen! perdoe-me se estou lhe puxando muito de seu tempo. estou editando novamente os textos de formas mais simples, porém, vou demora muito, acho que final do ano. gostaria de mesmo assim fazer uma capa por meu livro, como você é ilustradora como podemos fazer isso?

    • Capas são caras, é melhor terminar o livro primeiro…

  272. realmente estou enviado para professores de português primeiramente, mais até isso esta se transformando em uma grande dificuldade. e na área de filosofia que é onde eu escrevo meu livro, a mesma situação, pois ainda não encontrei um professo de filosofia serio de conhecimento. meu publico alvo é a filosofia, mais queria que mesmo uma pessoa sem muita cultura de linguagem estende-se mesmo que encontra-se dificuldade para compreensão no signos, isto é, nas palavras. o começo do meu livro é simples, pois são só frases de aforismos, sobre tudo, chega de 250. mais quando entro no ritmo de escrita linear, ai começa verdadeiramente a escrito e as jogadas de ideias e paradoxos. to tentado usa palavras simples, mais mesmo assim uso muito jogo de ideias uma atrás das outras.

    exemplo de seu livro Karen, você possui um publico alvo, e nele uma ideia de linguagem de signos de acordo com seu publico. eu já queria direciona ele para a area de filosofia, mais também para todas as áreas de forma livre, que todos tenham compreensão, quando vou em uma livraria e compra ele, por exemplo pela nome do livro, que já me falaram que chama muito a atenção. e isso tá me confundido, não estou tendo tanta clareza de como finaliza esse livro sem alcança a loucura.

    não estou conseguido finaliza esse livro, isso tá me entristecendo…

    quero eu esta vida? vivo como chama ao lenho,
    vivo dentro de uma única vida, me queimo!
    e acabo não vivendo nenhuma vida
    tudo que toco, inflamo! em torrentes de fogo transformo
    desejo eu outra a vida? avante! diz o céu
    pergunto eu, até quando vou me queima…

    • Não é para qualquer um fazer uma leitura crítica de um texto. Talvez você precise contratar um profissional dessa área. Um crítico ou agente literário.

  273. olá amigo(a) espero que você esteja muito bem.
    eu tenho quatro historias em forma de causo. e devido serem curtas, eu quero saber se pode fazer todas em um só registro. aguardo

  274. Karen, obrigado pela ajuda. Gostaria de saber se podemos enviar sem capa e deixá-la para a hora da publicação. Aproveitando o ensejo, é possível escolher a capa quando a editora decide publicar sua obra?, pois isso seria muito importante para mim. Obrigado.

    • Oi, Leandro! Você pode mandar sem a capa, sim.
      Agora, na hora da publicação, vai variar de editora para editora. Leia o contrato antes de assinar.

  275. Olá Karen.

    Obrigado pelas dicas. Foram bem úteis e você conseguiu explicar de forma muito didática.

    Ps. Você é linda e super simpática. (risos)

    • Hahaha, obrigada!

  276. Karen, estou com uma grande dúvida. Tenho vários textos, alguns são contos e alguns são reflexões pessoais minhas sobre a vida e fatos do cotidiano. Acha que posso enviar tudo na mesma obra? Obrigado desde já.

    • Pode, sim! Faça uma coletânea :)

  277. Karem, adorei suas dicas de como registrar um livro, seu vídeo, sua apresentação, enfim, tive uma empatia muito forte com você.
    No lançamento de meu livro, será minha convidada de honra.
    Parabéns, continue ajudando pessoas.

    • Oi, Elci!
      Muito obrigada!! Não sei se poderei ir (depende de onde será), mas desejo muito sucesso!
      Quando for publicar, me avise! ;)

  278. Olá Karen!
    Eu estou montando um Instituto, e o nome do Instituto, como o nome do site (o site jé está pronto só ir ao ar agora), bem como o nome do livro q estou escrevendo, todos terão o mesmo Titulo. Como faço para registrar esse Título, ou Nome não sei como será caracterizado?
    Obrigado

    • Oi, Alcimir!
      Não dá para registrar o instituto na Biblioteca Nacional. Você vai ter que procurar uma empresa que faça registro de marcas e patentes. Aliás, você terá que abrir uma empresa, não sei direito como funciona. Procure o Sebrae.

  279. Desejo registrar um livro contendo fotos mas não sei formatá-lo bem para apresentar e em seguida registrá-lo. Posso então apenas imprimí-lo e mostrá-lo de maneira simples todo o conteúdo do mesmo(juntando a parte escrita com as fotos) e assim submetê-lo ao registro na Biblioteca Nacional?

    • Pode, sim! Para a BN, o principal é o conteúdo.
      O dia em que você for publicar, a editora se encarregará de fazer essa formatação.
      Abraços!
      Karen

  280. Terminei de escrever um livro tecnico focado na area de automobilistica, minha duvida é se eu registrar o livro e depois alterar alguma coisa eu devo fazer um segundo registro?

  281. Oi Karen, agradeço a você por sempre atualizar este blog e por ajudar tanta gente a responder as duvidas. Eu sou uma delas que fui “socorrida” antes de pretender registrar um livro. O meu ja tem 385 páginas, só que é uma série. Não quero colocar TÍTULO + PARTE 1, depois TÍTULO + PARTE 2.. queria saber se posso manter o meu título, enviar para registrar até onde escrevi e depois se eu der a sequencia e ele chegar a mais de 600 páginas eu vou ter que mandar pra registrar outra vez o restante? ou tenho que preencher o formulario e colocar TÍTULO + PARTE 1… e depois continuar a escrever e mandar pra registrar e colocar o mesmo TÍTULO + PARTE 2..? Preciso da sua ajuda..abraço…obrigada

  282. Preciso agradecer a você e muito por este post. Foi bem exclarecedor para mim. Mas tenho uma pergunta: depois que eu terminar de escrever um livro, revisar e consertar e que receber o registro, alguma revisão posterior poderá ser feita pela editora ou por mim ou isso poderá resultar em mais dores de cabeça depois? Obrigado pela atenção.

  283. Olá Karen!
    Muito obriga pelas informações.
    Escrevo dês dos meus 11 anos, agora com 20 estou querendo registrar um para ir em frente com ele.
    Mas, uma perguntinha…

    Se eu registrar e mudar alguma coisa, acrescentar uma cena, mudar uma fala… Vai ser prejudicial?

    Esse é um dos motivos por eu demorar tanto para registrar. Sempre penso em alguma coisa legal e nova para acrescentar nos meus romances.

  284. Fantástica sua forma de responder aos questionamentos, à primeira vista intrincados que surgem neste blog. Parabéns.
    Minha dúvida: paguei pelos desenhos que vão ilustrar o meu livro e quando for publicá-lo, em princípio faço questão de indicar o nome da autora dos desenhos. O fato de haver pago os desenhos que foram feitos exclusivamente para a ilustração do meu livro me desonera de obrigações futuras, caso meu livro se torne um campeão de vendas? Ao indicar no livro e (no registro) o nome do ilustrador ele tem direito de reclamar algum tipo de direito autoral dos desenhos, mesmo que já tenha recebido o valor pela feitura das ilustrações? Na hora do registro, nesse caso, é necessário assinatura do ilustrador que já recebeu pelo trabalho prestado?
    Muito obrigado pelos esclarecimentos constante em seu blog.
    Sucessos na sua empreitada.
    Pretendo também adquirir e ler o seu livro (também quero autógrafo nele).

  285. muito bom o post, muito esclarecedor tirei minhas duvidas por quase por completo. também pretendo lançar um livro, mas tenho cerca de seis terminados, entretanto quero lançar apenas um. minha duvida é a seguinte: o titulo não precisa ser registrado separadamente da obra? se sim, o que acontece se o titulo que coloquei já existir?

    • Olá Karen, tudo bem?
      Meu nome é Cássio, sou grande fã dos seus trabalhos..
      O motivo do contato é que eu possuo vários amigos escritores, e devido ao fato
      recentemente resolvi abrir uma editora para publicar esses meus amigos…

      Vou bancar com os gastos de gráfica e tudo mais, só que infelizmente eu não sei como registrar esses livros, e se é necessário somente registra-los já que estou lançando perante a minha editora.

      Pode me ajudar?
      Desde já agradeço a atenção!

  286. Olá, Karen.

    Ao imprimir o livro para enviá-lo para registro devo fazer impressão frente e verso ou apenas frente?

    Abraço.

    • Oi, Kener!
      Aconselho que imprima só frente, pela maior durabilidade do material.
      Abraços!

  287. Oi Karen, amei suas dicas. Eu escrevi um Livro de mais de duzentas paginas, porém para reforçar um argumento eu citei uma passagem bíblica sobre Jesus. Tem algum problema com respeito aos direitos autorais da Bíblia?

    • A tradução da bíblia possui direitos autorais. Não que isso vá dar algum problema, não tem problema nenhum você citar um livro, seja qual for. Mas sugiro que cite a fonte em algum lugar.

  288. Karen, boa tarde.

    Mais uma pergunta:
    No livro que escrevi citei alguns trechos de marchinhas de carnaval, porém tomei o cuidado de colocar esses trechos entre aspas e citar no texto o nome das músicas junto com seu autor. Isso está correto?

    Att.

    kener.

    • Para registrar, não terá problema algum. Na hora em que for publicar já é outra história. Melhor confirmar com seu editor.

  289. Karen, Boa Tarde.

    Minha filha escreveu um livro de aventura e fantasia, gostaria de registra-ló, porém tenho uma dúvida devo registrar primeiro e depois enviar para fazer a correção ortográfica ou primeiro devo fazer a correção e após efetuar o registro. Na cidade que moro não conheço a pessoa que faz a correção, tenho medo do livro acabar sendo copiado.Ela também quer colocar imagens em cada capítulo devo enviar para o registro com estas imagens ou posso acrescentar depois.

    Adorei suas dicas, são muito importantes para as pessoas que estão começando a trilhar um caminho de escritor.

    • Oi, Iraciana!
      Você pode enviar antes de fazer a correção, sem problemas. Mas se o livro mudar muito, eu sugiro que faça uma averbação depois.
      Estas imagens são desenhos da sua filha?

  290. Nossa a Karen sumiu, deve esta bem ocupada na carreira dela. Sucessos!

    • Pois é, sumi um pouquinho! Fiquei bem atarefada com o meu casamento, mas já estou de volta! :)

  291. Boa noite! Nossa a vida da Karen deve esta super agitada, nunca mais passou por aqui. desejo muito Sucesso!

  292. Ola! Como seu tópico tem mais de 500 comentários não vou conseguir ler todos, portanto me desculpe se já te fizeram esta pergunta. Pretendo registrar um livro, ele esta pronto em Word, posso mandar somente o texto e depois de registrado posso inserir a ilustração ou para registrar tem que conter ilustração?
    Obrifgado.

    • Pode enviar sem as ilustrações.

  293. Ola Karen,
    Suas informações ajudaram muito, obrigada!
    Mas ainda tenho uma dúvida, no caso de ter pago a ilustração (livro infantil), como fica a participação do ilustrador no registro do livro?
    Grata pela atenção.
    Silvia

    • Silvia,
      Na ficha do registro tem espaço para colocar o nome do ilustrador.
      De qualquer forma, eu sugiro que você faça um contrato com ele, indicando que cedeu o direito de uso das ilustrações para a primeira edição do livro.

  294. Olá Karen, esclareci muitas dúvidas lendo as informações que estão aqui, mas ainda tenho algumas dúvidas: escrevi um livro que esta na fase da revisão final, é a história da minha vida, de como superei um grave acidente que me deixou tetraplegico, nele coloquei algumas frases e mensagens de auto estima, preciso citar o autor? na maioria são frases e mensagens que tem em sites da internet, tenho que citar o site? e há vários escrito autor desconhecido como coloco, e outra duvida é nele coloquei várias fotos são minhas e de minha familia e de amigos próximos, posso colocar sem problemas? no livro também tem vários depoimentos de pessoas que me acompanhou durante minha reabilitação, tenho que pegar alguma autorização ou posso publicar só com o nome de cada um, já que todos foram escritos por eles mesmos? Muito obrigado pela atenção. Aguardo sua resposta. Antero Silva

    • Antero,
      Se as frases não são suas, você precisa citar o autor. O ideal é que descubra quem é o verdadeiro autor de cada frase, mas se não for possível pode colocar “autor desconhecido” mesmo.
      O importante é deixar claro que você não está se apoderando das frases alheias.
      Pode colocar os depoimentos e as fotos pessoais, sim. Isso serve como registro histórico, e até jornalístico.

  295. Olá Karen.

    Isso foi bem útil para mim, tenho um livro que estou trabalhando a alguns meses. É quase auto-biográfico só que misturado a ficção com nomes fictícios. Acontece que eu estou com uma duvida, Eu posso colocar em meu livro nome de algumas musicas que o meu personagem gosta? Tipo, é só o nome da musica sem descrição da Banda ou Cantor. Ou posso colocar os dois?

    Vou ter Problema se Colocar assim:

    “ele amava e sempre estava a ouvir e cantar a Musica Good Enough do Evanescence…”

    Poderia me ajudar com essa terrível dúvida?

    • Pode colocar, sim. Mas eu sugiro que, no final do livro, você liste todas as músicas que foram citadas e seus respectivos autores.

  296. olá amada! Adorei ter encontrado tanta informação mas tenho duas dúvidas: Além de ser necessario ter o direitos autorais do livro eu tenho que ter algum certificado de escritora? E no caso de não querer levar o livro a uma editora e sim vende-lo pela internet por meio de download é possível? obrigado!!!!

    • Você pode publicar ele sozinha, sem problemas. Eu indico o site da Amazon para auto-publicação. ;)

  297. Karen, você foi um anjo que apareceu pra me ajudar a desvendar o mistério de como preservar a maternidade do meu livro de poesias que saiu de mim com tanto amor! Não sei com te agradecer, a não ser rezar pra você ser muito protegida, inspirada, feliz! Continue a compartilhar generosamente seus conhecimentos com as pessoas, tá?

    Beijos afetuosos. Fatima

    • Muito obrigada, Fátima! :)

  298. Boa tarde Karen, valeu mesmo pelas dicas. Eu estou com um encalhado desde muitos anos atrás. Agora criei coragem para editá-lo. Já estou revisando meu terceiro livro e finalizando o quarto. Espero que você mais adiante me brinde com a leitura deste primeiro livro, abraços fraternais…

  299. Olá, além das taxas de 20 reais, há algum outro valor a ser paga para a o registro do livro na BN?> <

    • Não, só os 20 reais.

      Agora, no caso do ISBN já é outra história. Assista ao vídeo que eu coloquei ali no post: “Diferença entre registro no EDA e número de ISBN”.

  300. Através de suas orientações já enviei meu livro para o registro na BN e guarde bem meu nome Kell Marinho serei uma grande escritora quem sabe chegar perto de Sidney Sheldon meu autor preferido.

    • Muito sucesso pra você, Kell!! :D

  301. Olá, parabéns pelo site, o conteúdo é excelente. Li todo os tópicos e as mais de 500 perguntas e repostas, estava com muitas dúvidas e muitas foram esclarecidas; obrigado! Apenas uma coisa ainda não ficou claro pra mim; li que posso publicar todos os meu contos em uma coletânea com um título, não é isso? Mas e seu eu quiser separar esses textos depois e publicá-los separadamente, não influencia nos direitos autorais, ou eu teria que registrar de novo o conto, como obra individual?
    Obrigado! Ahh, vou comprar seu livro!!

    • Oi, David!
      Você pode registrar como coletânea, e depois publicar os contos separados. Não tem problema.

  302. Obrigado!! Realmente; muito esclarecedor. Agora estou pronto!

  303. Muito obrigado por suas informações. Até coloquei como favoritos para futuras consultas. Estou terminando de escrever meu primeiro trabalho literário de quase 250 páginas.Estou muito feliz por que através de seu site pude esclarecer algumas dúvidas que eu tinha quanto publicação e registro da obra.Muito obrigado

    • Muito bom poder ajudar! :)
      Sucesso!!!

  304. Oi Karen, primeiro parabéns pelo tutorial! muito esclarecedor. mas a minha dúvida é a seguinte, posso registrar meu livro sem ser editor cadastrado no ISBN? veja esse post de um colega “O primeiro passo é você se registrar como autor. Tanto que na BN você não pode registrar nenhuma obra de autoria sua, antes do seu registro como autor.” Link: http://tudoparaoescritor.blogspot.com.br/2011/01/registro-dos-seus-livros-na-biblioteca.html Aguardo o retorno!

    • Oi, Antonio! Tudo bem?
      Assista ao vídeo que está ali em cima (nesse mesmo post), e se chama “Diferença entre registro no EDA e número de ISBN”. Para registrar no ISBN, você precisa ser cadastrado como “autor editor”, ou então pedir para que a sua editora faça o registro. No EDA não precisa de um cadastro prévio.

      Abraços!
      Karen

  305. Eu posso/devo incluir uma ilustração própria na hora de registrar?
    *É uma figura que gostaria de usar na versão final.

    • Pode. Nesse caso, marque no formulário a opção “ilustrador” também.

      • Oi Karen,
        obrigado pela resposta.
        No meu caso, eu já paguei a taxa de 20,00 reais, precisarei pagar mais 30,00 (é uma mapa em preto e branco que entraria como anexo)?
        *E a rubrica precisa estar reconhecida em cartório?
        :D

  306. Karen,
    Eu posso basear num fato real para escrever um livro, sem pedir autorização?

    • Você pode fazer um relato jornalístico sem pedir autorização.
      Se for escrever ficção com base em um acontecimento real, tente não ofender ninguém, pois injúria e difamação é crime.

      • Karen,
        Obrigada pela resposta. P
        arabéns por este seu trabalho de orientar escritores principiantes.

  307. Ola Karen,

    Depois de registrado um livro na Fundação Biblioteca Nacional, eu posso alterar seu título? Será necessário registra-lo novamente?

    • Pode alterar sim. Na ficha de registro tem essa opção.

  308. Bem eu estou escrevendo e como moro em uma cidade muito pequena gostaria de saber se o cartório permite registrar livros, e quanto custa, pois não vivo na melhor das melhores situações financeiras. Faz mal se estou escrevendo na letra Calibri (corpo)? Obrigado ;D

    • Oi, Anderson!
      No cartório vai ficar mais caro. Na Biblioteca Nacional você faz pelos correios. (imagino que tenha correio na sua cidade)

  309. Ola Karen,

    Sempre entro no seu site, e acho o trabalho que você faz aqui é fantástico, orientando escritores principiantes. Parabéns pela sua iniciativa.
    Bom, eu estou aguardando um registro de um livro na FDN e vi que você respondeu para um leitor sobre o registro do livro em cartório, o que eu desconhecia. Você poderia me informar como faço este registro junto ao cartório?

  310. Bom dia,
    Gostaria de saber se alguém menor de idade precisa de alguma autorização especial ou o registro pode ser feito pela própria pessoa.

  311. Simplesmente espetacular seu site e suas dicas. parabéns pela iniciativa.

    Poderia me indicar alguma editora de pequena tiragem com boa qualidade? seria de grande importância neste meu inicio de “carreira”.
    Abraços e muito sucesso!

    Raoni Carmo

  312. Estou entrando nesse de escritor de livros. Agradeço suas dicas e desejo a você muito sucesso.
    Grande abraço.

  313. Amei suas dicas, já que estou entrando nesse mundo de escritor, agradeço.
    Um forte abraço e muito sucesso.

    • Muito sucesso pra você!! :)

  314. Assisti o teu vídeo no YouTube sobre tuas orientações e procedimentos quanto ao Registro na Biblioteca Nacional.
    A certa altura tu aconselhas a enviar por Carta Registrada por sem mais em conta em relação ao SEDEX.
    Porém, depende do peso do teu livro. Enviei recentemente e não pude fazê-lo por Carta Registrada, que só é aceita pelo Correio até 1/2 quilo. Existe a opção PAC, que segundo a atendente, é perecido com a Carta Registrada. SEDEX ou PAC acima de 1/2 quilo, mais o acréscimo de R$ 3,00 para receberes o comprovante de recebimento, com o nome da pessoa que recebeu. Muito obrigado por tuas dicas.

    • Oi, Elton!
      Muito obrigada por compartilhar essa informação! Tenho planos de fazer um vídeo novo muito em breve (para reunir toda a explicação em um só vídeo), e vou enriquecê-lo com essa sua dica, ok?

  315. Karen,
    Boa noite!

    Obrigado pelas dicas em seu site.
    Depois de seguir todas levei meu livro a Biblioteca Nacional.

    Obrigado mais uma vez…

    Karen,
    Pode indicar alguma editora para livro independente?
    Quero ter em mente um plano B caso não consiga uma editora.

    Obrigado pelas dicas…

  316. oi eu queria saber, se for para mandar para um agente literario(americano) eu posso registrar nesse mesmo site que voce recomenda ou tenho que procurar outro, internacional

  317. Olá!

    Tratando-se de uma obra inédita.
    Com ilustrações de uma artista plástica (feitas exclusivamente para o livro):

    - Ela deve preencher um requerimento a parte?
    - Outra dúvida é sobre o número de páginas: conto as ilustrações que vou enviar?
    - Devo enviar as ilustrações impressas separadas ou junto ao texto?

    - Se eu enviar este mesmo livro para uma possível publicação SEM estas ilustrações, é válido o registro? Ou o registro será válido apenas para este livro COM as ilustrações? (pergunto isso pois sempre existe a possibilidade da editora escolher outro ilustrador)

    Obrigada
    Ana

    • - O formulário tem três espaços para “requetente”. Você pode inseri-la em um desses espaços.

      - TODAS as páginas devem ser numeradas.

      - Não tem problema publicar depois com outras ilustrações.

  318. Oi, Karen! Parabéns, muito úteis suas dicas! Mas eu fiquei com uma pequena inquietação: faz tempo que escrevo, e gostaria de começar a compartilhar o material, fazer pequenas publicidades, sabe, e sem registro dele parece-me meio perigoso fazer isso… Meu livro ainda não está totalmente pronto. Sei como acaba, mas ainda estou lapidando minha obra de arte ;) Então, eu queria saber se registrando antes de terminar, precisarei registrar novamente quando estiver pronto. Obrigada! AH, adoro o seu nome! :D

    • Hahaha… O seu nome também é de muito bom gosto! <3

      Sobre o registro: O que você enviar ficará registrado como seu. O que escrever depois, não se enquadra. Tudo o que você quiser registrar, deverá enviar. Meu conselho é: conclua o livro primeiro.

      Abraços!

  319. Karen, além de linda vc é gente muito boa! Obg por este post e sucesso! Pretendo publicar meu livro em breve, falta só digitar.

    • Muito obrigada!

      Você escreve à mão?

  320. Adorei, agora sei como publicar meu livro, obrigado foi de grande importância!!!

  321. Oi Karen, boa tarde.

    Eu procurei nas perguntas e não achei, mas me desculpe se já tiver respondido isso. Tenho um livro infantil pronto, mas ainda sem as ilustrações. Depois de registrar na BN eu posso mandá-lo para revisão (pequenas alterações descaracterizam a obra?). Depois de ilustrado, preciso registrá-lo novamente?

    Desde já agradeço.

    Um abraço!!

    • Você pode alterar o registro depois, se quiser. Mas lembre-se de registrar corretamente a autoria das ilustrações. Por mais que tenham sido feitas exclusivamente para o seu livro, elas pertencem ao ilustrador.

      Abraços!

  322. Olá Karen… Eu já tenho um livro pronto, mas não o imprimi ainda. Estou em dúvida se na hora da impressão, terei que imprimir frente e verso! Por favor me ajude!!! Ah, parabéns pelas obras e pelo site, as suas informações são muito úteis! Aguardo resposta o mais breve possível, pois já estou finalizando o meu segundo livro… Bjuh

    • Oi, Aline!

      Você está diagramando no Word? Existem programas especializados em diagramação de livro, como o Indesign. É bom contatar um designer para fazer esse serviço.

      A não ser que você esteja fazendo apenas um teste, em casa. Aí sim, vale tudo. :D

  323. Oi Karen, gostei muito de suas explicação sobre como e a importância de registrar um livro.

    Sou autor do livro Intersecção Um Raio X Matemático da Bíblia.
    Terminei outro livro (didático) e pretendo contratar uma gráfica para fazer a impressão, o que vai sair bem mais em conta tanto para produzir quanto para venda (coisa de 3 vezes menos) e o lucro será basicamente o mesmo.
    Minha pergunta é: posterior mente, se a obra ganhar força, posso contratar uma editora, já que o livro já está registrado e vendido?

    Desde já agradeço a atenção,
    abraços.

    • Oi, Sérgio!

      Você sempre pode contratar uma editora. A não ser que já tenha um contrato que te impeça de fazer isso.

      Abraços, e sucesso!

  324. Boa noite!

    Karen,

    Pode indicar alguma editora para publicar meu livro individualmente?

    Procuro uma boa indicação.

    Ps. Obrigado por todas dicas aqui em seu site.

  325. MUITO OBRIGADO MESMO KAREM. ACESSEI SEU BLOG E ADOREI SABIA? ESTOU ESCREVENDO MEU LIVRO E SUAS INFORMAÇÕES ME FORAM MUITO ÚTEIS VIU. JA ANOTEI TUDO . VOCE ESTÁ DE PARABÉNS MESMO UMA PESSOA TÃO JOVEM E JÁ TALENTOSA EM ESCREVER LIVROS KIBON SABIA.CONTIUE ASSIM SENDO ESSA PESSOA MARAVILHOSA COMPARTILHANDO INFORMAÇÕES COM OS OUTROS VIU.
    $UCE$$O $EMPRE KAREN SOARELE.

    ABRAÇOS
    CLAUDIO ABREU
    LAGOA SANTA-MG

  326. Olá, Karen!
    Tenho 16 anos e gostaria de registrar uma obra minha antes de mandar para as editoras analisarem… E, por ser menor de idade, não tenho comprovantes de endereço em meu nome… Como funciona? Em caso de ser menor de idade, é preciso seguir que procedimento?
    Obrigada! Esse post é muito útil!
    Abraço.

    • Por ser menor de idade, você vai precisar enviar junto os documentos do seu responsável. Envie o comprovante de residência no nome dele. ;)

  327. Ola Karen, gostei muito de suas dicas e me esclareceu bastante, porém como muitos me restou uma duvida.
    Tenho dois livros já publicados no entanto agora quero registra-los, como tenho de fazer no caso de serem dois?
    Envio em cartas separadas e pago dois boletos? Um para cada, no valor de 20,00R$?
    Ou envio os quatro exemplares em uma carta e pago somente o valor de 20,00R$?

    • Vamos lá:

      1- Pague um único boleto, no valor de R$ 40,00 (a soma dos dois registros);
      2- Envie dois exemplares de cada um (quatro livros, no total);
      3- Preencha um formulário para cada livro;
      4- Junte tudo em um único envelope.

      ;)

      • Muito OBRIGADO Karen, você é nota 10!

  328. Nossa! Muito obrigado mesmo por este post! Me ajudou muito…
    Só ficou uma duvida… e não achei nos comentários…
    Meu livro já foi publicado… então estou enviando dois exemplares para registro…
    Duvida: as paginas dos exemplares devem estar rubricadas??

    Obrigado !!!

    • Karen… Desculpe..Achei a resposta que eu precisava nas perguntas aqui do post!!

      Mesmo assim, OBRIGADO!!!

  329. Olá Karen,

    Inicialmente, gostaria de parabenizá-la pela iniciativa deste site que muito nos ajuda…

    Estou na fase final do meu primeiro livro de poesias e pensamentos… De antemão, peço desculpas pela minha ignorância, mas este processo foge totalmente da minha formação (sou médico).

    li em vários momentos a senhora informando a necessidade de registrar a obra na BN antes de enviá-la para as editoras… Até o momento, estou escrevendo sozinho. Pretendo, antes de enviar à uma editora, enviá-la à um revisor. Acredito que o revisor mudará algumas palavras e/ou algumas formas que inicialmente julguei ser ideal. Daí surge uma dúvida: se eu registrar os meus poemas (para me proteger, pois não conheço o revisor) e, depois da revisão, os mesmos sofrerem algumas modificações, terei que registrar novamente?

    Mais uma vez, desculpe-me pela ignorância e, desde já, muito obrigado pela a atenção!

    Atenciosamente,

    Hugo.

    • SE descaracterizar a obra, você deverá fazer uma averbação (modificação) no cadastro. Caso contrário, não precisa.
      Obs: Corrigir erros gramaticais é diferente de incluir um capítulo novo no livro. Aí vai a lei do bom senso, se deve fazer a averbação ou não.

      Beijos e sucesso!

  330. Karen,gostaria de saber se o texto enviado para registrar, precisa ser necessariamente digitado por computador ou datilografado.É que o meu livro está todo escrito a mão e não gostaria de ter que escrevê-lo tudo de novo.Por favor me responda por email. Obrigada e Deus te abençõe.

    • Pode ser uma fotocópia (xerox) do seu livro a mão, mas precisa estar legível. Você terá que marcar a opção certa no formulário.

  331. Eu to escrevendo um , livro de poesias ai tem um poema que meu de uma colega eu e ela fez na hora da rublica e uma minha e outra dela e os bota os dos dois

  332. Olá Karen,

    Tenho mais uma última dúvida: estou escrevendo um livro de poesias e pensamentos. Na hora de registrar os meus poemas na BN como devo registrar os pensamentos? Como poesia ou como pensamentos? (digo, nos “bonecos” os quais enviarei. Exemplo: total: 30 poesias e 60 pensamentos; ou total: 90 pensamentos?

    Mais uma vez, muito obrigado pela atenção.

    • Registra tudo como “Coletânea de poesias”, que vai sair muito mais barato. Não se esqueça de dar um nome para o livro, e um nome para cada uma das poesias e pensamentos. Coloque sumário.

      • Muito obrigado pela ajuda, Karen!

        Desejo toda a sorte do mundo à você que teve esta idéia maravilhosa de criar este espaço!

        Atenciosamente,

        Hugo.

        • Obrigada! Muito sucesso para você e sua coletânea :D

  333. Karen, primeiramente gostaria de parabeniza-la pelo seu blog, foi de muito ajuda para mim, mas ainda tenho uma dúvida que não consegui entender muito bem com o vídeo, sou menor de idade e não tenho uma rubrica, e o processo de ter que ir ao cartório para registrar uma firma ficaria muito cansativo para mim, será que eu poderia assinar as páginas normalmente ao invés de ter que rubrica-las? Obrigado pela sua atenção.

    • Pode rubricar, sem medo. Não precisa registrar no cartório.

  334. Olá Karen!
    Estou com tudo pronto comercialmente para lançar o livro, porém só agora estou enviando para a biblioteca. Tenho que esperar receber o certificado, ou já que já enviei pra eles, posso publicar antes disso sem medo?
    Obrigado!

    • Sugiro que publique de uma vez, e envie à biblioteca em seguida. Nesse caso, como é obra publicada, você terá que enviar DOIS exemplares.

  335. Olá, Karen!
    Gostei muito do seu site. Parabéns pela iniciativa!
    Li o documento das Normas do EDA mas, continuo com uma dúvida:
    Quero registrar um livro que vou publicar e nesse livro há algumas ilustrações que paguei para uma pessoa fazer. Para me resguardar de problemas futuros, tenho que fazer um registro para o livro e outro só para as ilustrações ou ao registrar o livro já estão incluídas as ilustrações?

    Outra dúvida:
    Se tiver que registrar as ilustrações em separado, tenho que fazer um registro, e por consequência, pagar uma taxa, para CADA ilustração do livro?

    Muito obrigada pela atenção!!!

    • Oi, Rejane!
      Você pode registrar tudo junto, afinal é apenas um livro. Registre em seu nome, mas adicione o ilustrador no formulário (tem um lugar para marcar o X em “ilustrador”).
      Para se resguardar, você pode fazer um contrato com o ilustrador.

  336. Eu tenho um livro para registrar a quase um ano, mas várias coisas me impedem de registra-lo e seguir com o processo. O livro nunca está perfeito, na primeira revisão o livro cresceu em 30 por cento de historia, na segunda aumentou muitas páginas, e eu nunca paro de ter ideias, resumo: mais de 2 anos escrevendo o livro. No livro faço várias referencias a marcas novas, de minha autoria, que com um olhar otimista, poderiam vir a se tornar franquias. Eu quero patentiar essas marcas, como o nome do livro, e locais onde a historia se passa. Se puder me dar sua opinião sobre isso eu agradeço.

  337. Oi Karen vc poderia me esclarecer algumas duvidas?
    Em meu livro eu cito o nome de um pintor famoso e de uma de suas obras,tambem cito uma musica de uma banda de rock internacional.Eu gostaria de saber se eu posso fazer isso ou se estou infringindo alguma lei de direito autoral.Por favor me responda.

    • Pode citar.

  338. Olá Karen,estou escrevendo o meu livro no Word gostaria de saber no Word em que tipo de letra eu devo escrever.Estou escrevendo na Ariel tamanho 16.Pode ser ou devo mudar?Na primeira página escrevi o titulo do meu livro e um pouco abaixo escrevi Autora: e em seguida o meu nome.Devo colocar mais alguma descrição para facilitar na hora de registrar ou está bem assim mesmo?
    Desculpa por fazer tantas perguntas,mas é que sou novata e ainda fico um pouco perdida.

    • Oi, Clara! Eu recomendo Arial 12.

  339. OI Karen tubo bem?
    Gostei muito do seu site e queria tirar uma duvida com vc se for possível.
    Tenho um livro inédito registrado na Biblioteca Nacional desde 1994 e estou procurado publicar ele somente agora. fiz muitas modificações, inclusive no titulo. minha duvida é quanto aos documentos necessários para atualizar o registro, será que poderia tirar essa minha duvida?

    • Oi, Nelson!
      Os documentos são os mesmos. A única diferença é na hora de preencher o formulário: em vez de “registro”, você tem que marcar a opção “averbação”.

  340. Olá, Karen, boa noite.
    Estava pesquisando algumas informações na internet e achei o seu site. Ele está excelente! É justamente o que procurava, pois no site da Biblioteca Nacional eles não informam com detalhes.
    Gostaria de saber se você tem algum “post” sobre imprimir um livro em casa (sem ter que passar por uma editora). Sou arte finalista e sei diagramar. É obrigatório ter que passar por uma editora?

    • Oi, Lana!

      Eu não aconselho imprimir o livro em casa, porque vai acabar saindo mais caro do que imprimir na gráfica.
      Se você quer só UM exemplar, eu indico o site da PerSe: http://www.perse.com.br
      Se o objetivo for fazer uma tiragem maior, é melhor procurar uma gráfica especializada em livros.

      Abraços!

  341. Obrigado pelo post.
    Estou começando minha carreira de escritor agora e você tirou todas as minhas dúvidas iniciais. Obrigado.

  342. Oi Karen.Parabéns pelo seu livro e sucesso.
    Você poderia me enviar o link do cadastro dos direitos autorais?Eu quero registrar o livro e não sei onde preencher e onde pagar.
    Sou um pouco lento neste tipo de questão.rs.
    Obrigado.

    • Kaká, os links estão no próprio post.

  343. Olá Karen.

    Você disse que tem que rubricar, isso quer dizer várias coisas. O que temos que fazer? Assinar nas folhas ou autenticá-las? Se tiver que assinar, temos que assinar em todas ou só na última? Pode me informar, por favor?

    • Oi, Jéssica!
      Não precisa ser uma assinatura complicada, só um visto tá bom.
      Não precisa autenticar.
      Tem que rubricar TODAS as páginas.

  344. COMO DEVO ENVIAR AS ILUSTRAÇÕES?
    TENHO DE CAPA E DE CADA CAPITULO.
    ISSO AUMENTA O VALOR A PAGAR?

    • Não aumenta o preço, porque as ilustrações também fazem parte do livro.
      Lembre-se de incluir o nome do ilustrador no formulário.

  345. Parabéns pela iniciativa. Poucas pessoas se dedicam com tal excelência a ajudar os outros. Que você receba muitas bençãos todos os dias.
    Muito Obrigado.

    • Obrigada! :)

  346. Estou terminando de escrever um livro de “Suspense/Aventura/Ficção” sobre sonhos. Porém no mesmo livro eu cito nomes de outros livros, horários entre outras coisas, o personagem lendo ou relatando sobre eles, livros que já li ou vou fazer (sim, pretendo fazer mais na frente um livro que o meu primeiro personagem leu, essa ideia não é nova, muitos autores já usam) Quero saber o seguinte: Se eu mudar a fonte da letra para algumas palavras em destaque, no momento do registro devo colocar tudo em Times New Roman? Pode ficar todo o livro nessa fonte e apenas alguns trechos destacados em outra letra também legível?

    Outra coisa: Publiquei uma primeira versão desse livro em um blog não muito acessado (No qual perdi a senha, mas tem datas e autor), porém quase toda a obra foi mudada, menos o enredo em si, tendo publicado apenas a metade e estando um pouco diferente agora devo registra-lo para evitar perda dos direitos autorais?

    Karen, tenho expectativa de publicá-lo nas editoras até o meio do ano 2014, por essa postagem bastante explicativa e sua iniciativa a tentar ajudar pessoas que como eu muitas vezes precisam dessa ajuda e não tem, quero desde já garantir o seu exemplar de presente, Obrigado, parabéns pelo site e aguardo as respostas ><

    • Oi, André!
      Mesmo que o livro já esteja em um blog, é sempre bom registrar na BN.

      E sobre a fonte, tanto faz qual você usar. O importante é que todo o texto esteja legível, então evite fontes manuscritas e decorativas. O ideal, se você quer destacar algumas palavras, é deixar em itálico.

      Abraços e sucesso!!

  347. Oi, Karen! Tudo bem? Muito legal os seus posts, ajudam mesmo! Parabéns! =)

    Bom, mas ainda preciso de ajuda. Preciso registrar alguns textos, mas estão como pessoa jurídica – no caso, são textos de uma igreja. Na questão das rubricas, como é feito? Precisa do carimbo da instituição e visto é feito pelo presidente da igreja?

    E os dados de quem for rubricar devem constar na capa, juntamente com os dados da pessoa física?

    Aguardo respostas suas!

    Muito obrigado pela atenção e muito sucesso pra você!

    Um grande abraço!=)

    Fique com Deus!

    • Oi, Antonio!
      Aqui vão algumas citações retiradas da Norma da BN:

      –> Observe-se que autor é a pessoa física criadora da obra literária, artística ou científica, não se confundindo com sócio de pessoa jurídica cessionária da obra, e; para a função de registro, autor é pessoa física e o titular dos direitos autorais patrimoniais é cessionário, editor ou organizador.

      –> Para pedido(s) de registro em que o requerente seja pessoa jurídica, o formulário deve ser assinado pelo representante legal da empresa/entidade/organização/instituição. Não serão aceitos formulários assinados com o pseudônimo.

      –> Pessoa jurídica: cópia reprográfica dos documentos CNPJ, contrato social ou
      estatuto social ou ata de fundação, documento comprobatório da representação legal e
      contrato de cessão.

      De acordo com isso, a pessoa jurídica pode ser requerente e cessionária, mas não pode ser autora. Quem rubrica as páginas é o autor, e é o nome dele que vai na primeira página. O que o presidente da empresa vai assinar é só o formulário de requerimento.

      Você pode acessar a Norma aqui:
      http://www.bn.br/portal/arquivos/pdf/Formulario_Normas_EDA_Novo.pdf

      Espero ter ajudado!
      Abraços!

      • Oi Karen! Tudo bem? Ah, com certeza, já ajudou sim! Muito obrigado! Não tinha encontrado as normas da BN, mas agora verei certinho! =]

        Só gostaria de uma confirmação em relação ao preenchimento do formulário. No caso, nos campos de “vínculo com a obra” para o autor do texto, preencho “autor(a)” e “cedente”; e para a igreja, “cessionário(a)”, correto?

        Mais uma vez, obrigado! Tudo de bom!

        Fica com Deus!

        • Isso mesmo :)

          • Karen, eu de novo e espero que seja umas das últimas vezes que consumo seu tempo…rs…
            Obrigado pelas respostas até o momento e espero que suas coisas estejam dando tudo certo por aí também! =)

            Então, nós possuímos 2 obras prontas. Queria saber se há problemas em mandar as duas num único pacote de carta registrada? Como ambas são do mesmo autor e a cessão também é para mesma pessoa jurídica, há necessidade de enviar duplicata dos documentos? Não encontrei nada nas normas falando sobre isso (e se tinha, não enxerguei).
            Aguardo mais essa ajuda sua!

            Muito obrigado! Deus te abençoe!

            Um grande abraço e sucesso para vc! =)

  348. oi karen! queria saber se registrando uma obra na biblioteca nacional com o comprovante de residência no nome do proprietário da casa vale pois moro de aluguel. desde já agradeço preciso dessa resposta…

    • Oi, Samuel!
      Você não tem telefone, ou então celular, no seu nome? Fica muito mais fácil.
      Caso não tenha, acredito que sirva a cópia do contrato de locação.

      • oi karen! obrigado pela a reporta vai ajuda-me se vc pode gostaria de dicas suas para faze bons textos literário…

  349. Adoreia informação e agradeço por isso.
    Minha dúvida apenas consite em apenas uma única coisa:
    esse registro serve também para literatura evangélica,
    Ou exite um outro órgão em relação a esse grupo?

    Deus abençoe sua vida!

    • Oi, Tiago. Serve sim! :)

  350. Tenho uma dúvida quanto ao pagamento. Eu acabei de escrever /editar meu livro de contos. Eu preciso pagar a inscrição para cada conto, ou pago apenas uma inscrição para o livro em si?

    Obrigada!

    • Registre como coletânea. O livro precisa de um nome, e cada conto precisa de um nome também.

  351. Boa Tarde! Excelente seu site e suas obras. Gostei muito da sua iniciativa de ajudar novos escritores ajudando a resolver suas dúvidas.
    Bom eu tenho uma dúvida também:
    Escrevi um livro composto por vários contos, porém juntando todos os contos ele se torna uma história só. Minha dúvida é devo registra-lo como romance ou como conto?

    PS: Além de uma excelente ilustradora e escritora você é muito linda, parabéns e muito sucesso em sua vida e carreira.

    • Oi, Sandro! Tanto faz, você pode decidir se registra como romance ou como coletânea de contos.

      E obrigada! :)

  352. oi karen! Queria saber se posso registra minhas poesias em coletania assim como eu vi no comentarios so que ha uma difrenças, eu ja tenho serca de 100 poesias so que a maioria sao poesias modernas e as demais as consideram como popular, sera que pode registra tudo juntas. sou escritor de varios generos gostaria de algunas dicas suas ficaria bem agradecido,, mande por o meu mail: samuel.tp@hotmail.com

  353. oi karen! posso registra meus poemas no cartorio? garante todos os direitos autorais…. nao sei o que fazer o registro Bn e muito dificil eu tambem moro em casa alugada sem registro de comtrato e o que eles pedem. e agora faça o que? queria tanto bublicar o meu livro, ate mesmo em sates.

  354. Karen por favor me esclareça uma duvida.Eu quero registrar meu livro.Mas eu estou sabendo que pra isso tenho que mandar algum comprovante de residencia com o meu nome,mas eu não tenho,tudo está no mome de minha mãe.O que devo fazer.Qual outro documento que posso mandar.Documento de banco acho que não posso,porque tem o numero de conta essas coisas….e me parece imprudente.Gostaria de saber se tenho uma outra opção.Por favor me responda.

    • Oi, Luana!
      Experimente mandar o comprovante da sua mãe. Mas mande junto a cópia do seu RG, onde aparece o nome dela.

  355. Olá, queria primeiramente parabeniza-lá pela iniciativa.
    Tenho uma pergunta, gostaria de registrar um livro de fotografia (minhas) com poemas de alguns autores (conhecidos meu). Como devo fazer nesse caso? Como devo montar o livro para envio do cadastro? e como devo fazer com os poemas na questão de registro? abs

  356. Prezada Karen,

    Peço seu auxílio para tirar uma dúvida. É possível fazer contrato com uma editora para escrever um livro e nesse mesmo contrato fazer a cessão de direitos do futuro livro? Editora pagar ao autor por um livro ainda não escrito é comum em outros países, assim como foi noticiado que Bob Dylan assinou contrato com editora para escrever seis novos livros.
    Agradeço.

    • Oi, Ronaldo!
      Isso acontece com autores consagrados e celebridades. Caso você ainda esteja batalhando a primeira publicação, é melhor concluir a obra primeiro e buscar a editora depois.
      Abraços!

  357. Karen,
    Gostaria de tirar uma dúvida, quando eu faço o pedido de registro ao BN para requerer o direito autoral, eu devo aguardar chegar a resposta antes de realizar a impressão na gráfica?
    No livro vai algum selo, lei que identifique que a obra é registrada?
    Ou eu posso lançar o livro, e mesmo que eu receba o registro depois de 90 dias é apenas um documento que eu guardo?
    Obrigada

    • Oi, Lais!
      No livro não vai nada que identifique o registro no EDA.
      Mas é preciso ISBN e ficha catalográfica. Após a publicação, também é obrigatório fazer o registro legal.

  358. Muito obrigada pelos esclarecimentos, realmente você tirou muitas dúvidas que tinha em relação: “como registrar um livro”. Karen gostaria de tirar mais uma dúvida, estou terminando de escrever um livro e existem nele algumas músicas de um cantor famoso que são apontadas como exemplo de vida, porque na história tem passagem parecida com a música, acontece que eu escrevo o nome da música e cito o autor também, minha pergunta é: pode se fazer isso em um livro?

  359. Karen, eu de novo e espero que seja umas das últimas vezes que consumo seu tempo…rs…
    Obrigado pelas respostas até o momento e espero que suas coisas estejam dando tudo certo por aí também! =)

    Então, nós possuímos 2 obras prontas. Queria saber se há problemas em mandar as duas num único pacote de carta registrada? Como ambas são do mesmo autor e a cessão também é para mesma pessoa jurídica, há necessidade de enviar duplicata dos documentos? Não encontrei nada nas normas falando sobre isso (e se tinha, não enxerguei).
    Aguardo mais essa ajuda sua!

    Muito obrigado! Deus te abençoe!

    Um grande abraço e sucesso para vc! =)

  360. Olá Karen,parabéns pelo excelente trabalho. Seguinte, meu irmão é escritor, em algumas obras a serem registradas, gostaria que me esclarecesse algumas dúvidas.

    ele tem um livro de poesias, para registrar a obra, ele precisaria registrar as poesias individuais, ou pode ser o conjunto?

    em relação as ilustrações e capa, precisam ser registradas individuais também?

    desde já agradeço.

    • Oi, Moises!
      O livro pode ser registrado como coletânea de poesias. Nesse caso, precisa de um nome para o livro, um nome para cada poesia, e um sumário.
      Você pode registrar apenas o texto do livro. Mas, se quiser registrar tudo, você deve incluir o nome do autor das ilustrações no formulário.
      Beijos!

      • muito grato, ajudou bastante. Bj

  361. valeu pelas dicas karen mas eu tenho uma duvida, eles aceitam a obra em qualquer epoca do ano? tipo posso enviar um livro para eles registrarem no mês de dezembro ou eu devo enviar dentro de meses especificos?

    • Oi, Alessander!
      Você pode enviar em qualquer mês do ano. Eles pedem 90 dias para responder à solicitação, então não tem problema se for em dezembro.
      Abraços!

  362. Obrigada Karen! Que Deus te abençoe! Minha chefe acabou de pedir para que eu descobrisse como fazer o registro. O Google me levou até vc! Um super abraço!

    • Obrigada, Dani!
      Espero que dê tudo certo. :)

  363. Excelente matéria explicativa contida no corpo deste blog, principalmente pelo formato objetivo em todas as respostas; em consonância com este comentário, gostaria de saber qual é o número mínimo de folhas para uma publicação inédita (autor desconhecido no mercado), ou seja, de forma a poder expandir o foco da obra, caso esteja precária no que tange ao número de folhas.

    • Oi, Osmar!
      Não existem restrições quanto ao número de páginas. Mas, caso você pretenda registrar uma história curta, sugiro que reúna várias e faça logo uma coletânea de contos. Assim você economiza, pois faz um único registro, em vez de ficar registrando cada história isoladamente.

      Abraços!

  364. Felicidades Karen! Há tempos venho me interessando em escrever um livro, mas sou obstado por mim mesmo quando me deparo constantemente com a perfeição do Livro da Vida, onde todos e tudo estão intimamente interligados e pertencem a uma mesma história, individual e coletiva. Vida: Livro Vivo que possibilita a transformação e a evolução. Vida: Vinda e Ida. Então, pensando assim, me vem a indagação, para que escrever alguma coisa se tudo está sendo perfeitamente escrito e devidamente registrado no presente? Não há passado e nem futuro! E raciocinando desse modo entendo que o Espaço é quem caminha. O Tempo é Um Só e reúne todos os movimentos. A desordem é uma das oportunidades da compreensão da Ordem e está sob o seu domínio – Cósmo. E assim a intuição me manifesta como única fonte possível de diminuir a minha ignorância, quando me deparo que apenas tenho “uma vaga noção de tudo e um conhecimento de nada”. Mas, aproveitando essa oportunidade também tenho a dizer que senti alegria em vê-la incentivando e ministrando ensinamentos da leitura e edição de livros, porque o livro é uma das oportunidades que traduz o ensinamento de Liberdade: Livro. E se livro não prendo, mas se prendo veja como se libertar. Grato pela atenção.

  365. Bom dia Karen!

    Estou escrevendo um livro sobre a música baiana e, nele, utilizarei algumas fotografias de bandas da Bahia (Chiclete com Banana, Ivete Sangalo, etc.); No Google, esta fotografias não identifica o proprietário (quem fotografou); há algum problema eu utilizá-las?

    • Oi, Mateus!
      Tem problema, sim. Você precisa colocar os créditos das fotos no livro, ou seja, o nome do autor de cada fotografia.

      Minha sugestão: a maioria das bandas possui um site oficial, onde você encontra várias fotos, e fica muito mais fácil entrar em contato com o responsável.
      Você também pode olhar na Wikipedia, lá tem fotos com licença Creative Commons, e informações sobre o fotógrafo de cada uma.

      Abraços!
      Karen

  366. Bom dia Karen. Eu quero escrever um livro e quero colocar algumas imagens que eu copiei do google. Eu posso escrever um livro com essas figuras ou terei problemas?